Home » Marley & Eu
28 de novembro de 2008 - 00:13
86
Bichos de Estimação, Leitura, Na Tela

Marley & Eu

Free Image Hosting at www.ImageShack.us

Marley & Eu: a Vida e o Amor ao Lado do Pior Cão do Mundo – John Grogan

Sinopse: John e Jenny eram jovens, apaixonados e estavam começando a sua vida juntos, sem grandes preocupações, até ao momento em que levaram para casa Marley, “um bola de pêlo amarelo em forma de cachorro”, que, rapidamente, se transformou num labrador enorme e encorpado de 43 quilos. Era um cão como não havia outro nas redondezas: arrombava portas, esgadanhava paredes, babava nas visitas, comia roupa do varal alheio e abocanhava tudo a que pudesse. Mas, acima de tudo, Marley tinha um coração puro e a sua lealdade era incondicional.

Já estava com o livro comprado há meses, mas só agora resolvi ler, pra tentar terminar antes que o filme chegasse (o que acontece no dia 25 de dezembro!). Pra quem não sabe, o livro tem relatos reais de John Grogan sobre o seu labrador arteiro.

John Grogan e Marley + John Grogan e Gracie, sua nova labradora

e Achei inacreditável como ele conseguiu ser tão detalhista, lembrando não só de histórias, mas das sensações e pensamentos que teve em cada momento. Não é qualquer um que consegue!
Por outro lado, eu passava o olho rapidamente por algumas partes que se tornavam cansativas, de tão explicadinhas. E acredito que pra quem não tem cachorros, a coisa deve ser mais cansativa ainda.

É um livro pra quem ama cães
Você só ri pq identifica seus cachorros vivendo aquilo (Dilly que o diga, com seu medo de trovões! Ela é a previsão do tempo lá na casa dos meus pais, pq sabe que vai chover antes de começar!).
Do mesmo jeito, só quem sabe o que é ter um bichinho de estimação chora, pq sabe o quanto são verdadeiros o amor, a devoção e a lealdade deles (e enquanto eu digito esse post, a Mimmy , que pulou no meu colo, tira uma soneca!)

Não viciei na leitura, como já fiz com outros como Harry Potter ou Código Da Vinci (e eu amo quando isso acontece… a sensação de devorar um livro em poucos dias!).

Agora é só esperar pelo filme, que eu acredito que vai ser melhor que o livro! Com Owen Wilson e Jennifer Aniston como “pais” de Marley.

Awwwmm! Me lembro quando fui escolher a Dafne na ninhada do meu vizinho. Tinha uma cadelinha magrinha espertinha, uma cadelinha gordinha molenguinha e uma cadelinha meio termo, a Dafne! Eu tava em duvida entre a magrela e a gordinha, e pra desempatar, acabei pegando justamente a outra, a que eu “não queria”! hauhauauauaha

E o livro me fez lembrar de várias outras situações como as do Marley, situações que cachorro apronta! Tipo o medo que a Dilly tem de chuva e trovões, e que a faz literalmente subir pelas paredes (ou se espatifar feio por aí). Ou chegar em casa e encontrar a revista que eu assinava com uma mordida imensa. Ver um filhotinho que pisou e virou a tigela de comida, caçando os grãos do chão. Sair correndo 4 ruas abaixo atrás da Dafne fugitiva (minhas cachorras sempre ficaram presas em casa, sem sairem sozinhas pra rua, então quando elas vêem o portão aberto correm pra liberdade! hauauhauha). Ver a Dora destruir a casinha de madeira ou a tigela de alumínio como se fossem feitas de papel. A Dascha gigante latindo brava pra estranhos e no minuto seguinte lambendo com carinho o rosto de um bebê… E muitas outras coisas!

Inclusive esse episódio, que eu acho que nem contei muito bem aqui… Mas nessa época eu só voltava pra casa de finais de semana, minha mãe me contou que a Dilly não estava legal, mas só no sábado cedo eu pude ir ver. Ela tava embaixo do meu carro e não saia por nada, tava super doente. Eu tava desesperada e chorando, tentando puxar ela de lá pra ver onde ela tava machucada. Daí o Dan conseguiu arrancar ela de debaixo do carro a força e a gente pôde levar ela pro veterinário. Ela ficou internada, recebeu remédios e tal, e o médico disse que ela não tinha chances de viver, pq o nível da propriedade zoada do rim não ia voltar ao normal. E eu postei isso aqui e recebi 65 comentários incríveis torcendo por ela… E ela sarou! Simplesmente sarou, com carinho e cuidados!

(Enquanto eu termino de escrever o post a pestinha da Kitty puxa meu mouse pra debaixo da mesa e corre pra fugir da bronca…¬¬)

No final de semana eu quero tirar fotos da Dora, pra vcs verem o tamanho que ela tá! Parece um cavalo! huaiauhaiuhau XD

Agora vou lá ler… Lua Nova!

Post Anterior
Capricho #1058
Próximo Post
Linha Fun - Ice Cream - O Boticário
...Comentarios...
86 Comentários

Para usar avatar, cadastre-se com seu email em gravatar.com
  1. Manuela
    28 de novembro de 2008 - 00:42

    Ahhhhhh esse livro eh mto lindinho, li jah a um tempo atrás….fiquei encantada quando soube q ia virar filme, e ainda com a aniston!! Quero mto verrr!!
    Beijo!

  2. Geek_Girl
    28 de novembro de 2008 - 00:52

    Todos temos opiniões e… Eu discordo da sua. Concordo com muitas opiniões que você tem, mas essa não é uma delas. Achei o livro maravilhoso, muito bem feito. Não acho que o livro seja tão detalhado assim, a ponto de achar que ele seja chato. Também nãoa cho que ele seja mais detalhado que HP. Um exemplo é o primeiro livro, na primeira página, onde a autora descreve por várias linhas sobre a rua dos Alfeneiros, a casa e etc.

  3. Lia
    28 de novembro de 2008 - 01:11

    Geek_Girl em 28 de novembro de 2008 às 0:52 disse:

    Todos temos opiniões e… Eu discordo da sua. Concordo com muitas opiniões que você tem, mas essa não é uma delas. Achei o livro maravilhoso, muito bem feito. Não acho que o livro seja tão detalhado assim, a ponto de achar que ele seja chato. Também nãoa cho que ele seja mais detalhado que HP. Um exemplo é o primeiro livro, na primeira página, onde a autora descreve por várias linhas sobre a rua dos Alfeneiros, a casa e etc.

    Acho q eu não me expressei bem!
    Não tenho duvidas que Harry Potter é mega detalhado, mas a autora faz isso de forma que a gente MERGULHE no livro. É uma experiencia visual, vc consegue VER tudo aquilo que ela fala.
    Já no Marley, tem umas partes que cansam, talvez por ser menos lúdico. Sabe, ficar descrevendo o quintal e onde o marley fazia o cocô.
    Não sei explicar, mas a minha sensação foi de cansaço. Tive q passar o olho rapido, pq senão ia acabar desistindo de ler.

  4. Ariane
    28 de novembro de 2008 - 01:44

    Eu ainda não li esse livro, mas todos dizem ser um livro mto bom…..com ofilme, fiquei ainda mais interessada em ler o livro. Sinto falata do meu cocker spaniel….lembro q no dia q ele foi levado de casa (dps de várias convulsões), ele nem qria olhar pra mim…..sabia q era a nossa despedida. Meus pais inventaram q ele ia prum “ailo” de dogs, mas eu seiq não foi bem isso o q aconteceu….hj tenho a sensação de q a alminha dele está num pássaro q temos…..parece loucura, mas o pássaro se comporta como ele qdo eu tô por perto….Deus sabe o q faz sempre!
    Bjo.

  5. Indi
    28 de novembro de 2008 - 06:05

    Oiee…
    eu li esse livro..e tenho ele..eu amei….me identifiquei muito com ele, pois eu amo cachorro…e a história do Marley é comovente.
    Beijos

  6. Mariely
    28 de novembro de 2008 - 06:19

    Lia, não vou contar aki pra não estragar pras meninas q ainda não leram, mas eu não gostei do final, do que eles fizeram.. unf..

  7. Paula
    28 de novembro de 2008 - 06:22

    Eu comecei a ler Marley mas não passei da terceira página, então nem dá pra saber se é bom ou ruim… Eu não sou tão fã de cachorro…
    Aqui em casa a gente pode deixar o portão todo aberto que a Cristal não tá nem aí, não sai de jeito nenhum!

  8. Pearl
    28 de novembro de 2008 - 06:36

    Eu sou suspeita para falar, já que amo cachorros. Também comecei a ler e estava devorando ele, até as provas da facul chegarem.

    Tem horas que ele descreve toooda a história dos Labradores, todos os detalhes da areia da praia que chega a ser cansativo mesmo! Agora quando ele descreve as ações do Marley, não tem como não lembrar do Thomy e do Scott. O Thomy também previa o tempo, mas ele não tinha medo não! Gostava de enfrentar a chuva. Ele corria para o portão de casa e ficava que nem um louco latindo e correndo de um lado para o outro. Não tinha Cristo que o fizesse sair de lá! Já o Scott, nem liga!!!!

    Lembro de quando a Dora ficou dodói… Que bom que ela melhorou!!!!!

    Beijos

  9. Bru Rieper
    28 de novembro de 2008 - 06:51

    Ahhh, Eu adorei o Livro! talvez pq eu tenha 4 cachorros,mas que moram com meus pais em Floripa!

    Que bom que sua cachorrinha sarou! ;)
    amo cachorros!

  10. Mimi
    28 de novembro de 2008 - 06:57

    A Jen tá linda nesse filme.
    Vc tá gostando de Lua Nova?
    Beijin

  11. anna carolina
    28 de novembro de 2008 - 07:07

    libertando meu OOOOOOOOOOOOOOOOOOOWN interior OAJDASIDJOAJD perfeito vc merece tudo de bom.

  12. Lele
    28 de novembro de 2008 - 07:19

    Nossa, eu chorei muuuuito em Marley e Eu, a ponto de acordar com os olhos ardendo e com dor de cabeça >___<
    Eu já perdi um bebê igual ao John, então eu sei exatamente como ele se sente, acho que não tem sensação pior….

  13. Patricia
    28 de novembro de 2008 - 07:21

    Eu sou meio suspeita pra comentar sobre o livro/filme, até pq se tratando de animais eu sei que vou chorar um monte…
    Isso sobre veterinários acharem que nossos bichinhos não tem mais jeito pois estão muito doentes aconteceu com a Kitty quando ela sumiu por 1 mes e minha mae encontrou ela quase morta… O veterinário falou que não tinha chance, mas só com carinho e cuidado nossos ela sarou xD
    Beijo

  14. Rebeca
    28 de novembro de 2008 - 07:35

    Amooooooooo este livro é lindo, mas eu acho que quem não tem amor a bichinhos nem adianta ler.
    Amo cachorros tenho 6 e vejo um pouco do Marley em cada um, são mega fofosssssssss, na verdade minha casa é meio Zoo, tenho cachorro, gato, jabuti, peixes e hamster rsrsrs.
    Mas amooooooo muito tudo isso.
    Bjos Lia

  15. Cris Marques
    28 de novembro de 2008 - 07:38

    Aiiii Mideuse…. pet é tudo de bom, neh??? Eu jah tive um Marley na minha vida, bem era um ‘Bidu’, mas tah valendo!!! Cooker, cor caramelo e GIGANTE… Comia roupa do varal, comeu TODAS as bolinhas da piscina da minha little irmã, cavou 3 buracos no cimento do quintal e o melhor, correndo feito louco pelo quintal enquanto minha mãe berrava com ele, passou por debaixo das pernas dela e POF a derrubou no chão!!! hahahaha Ela ficou uma fera!! Nossa, sinto falta de poder ter um bichinho… pedi um Hamster p/ minha vó e foi só gritaria…. Bem alone alone eu continuo, neh??? hahaha Bjks

  16. Nana Barros
    28 de novembro de 2008 - 08:24

    Eu amo cachorros, e AMEI o livro! Não achei cansativo não… mas concordo que é um livro pra quem ama cães… quem não gosta, provavelmente vai cansar e não vai se identificar!

    Eu tbm lembrei de vários episódios do meu cachorro (que agora mora com minha mãe) enquanto lia… e acho q com o filme vou lembrar mais ainda, porque ele é um Golden Retriever… parecido com o Marley =)

  17. Luisa
    28 de novembro de 2008 - 08:43

    peguei esse livro no início do ano com um amigo. Bom, a escola acabou e eu não tinha terminado de ler. Enrolaaaaaaaaaaava, achava chatão. Mas com o filme, resolvi ler logo pra poder falar depois mal rs :D mas me surpreendi! Cara, como eu fiquei mal com o final $:

  18. Pami
    28 de novembro de 2008 - 08:47

    HAUAAHUAHAUAAHAUAHAUAAHAU
    O mais engraçado é lembrar dos “ownnnnn”´s de quando a Kitty chegou e agora você chamando ela de pestinha.

    Adooooooooooooro labradores. Assim que os meu sairem dessa pra uma melhor, acho que eu adotar um (L)

  19. Angélica
    28 de novembro de 2008 - 09:02

    eu adoro filme com bichinhos! especialmente quando trata-se de cachorros! só que, certos filmes envolvem maldades com os bichinhos e, não gosto disso! como no filme dos dálmatas! ain como eu odiava aquela cruela maldita! ó.Ò

  20. OiYes
    28 de novembro de 2008 - 09:09

    Depois de um post desses não tem como não assistir, já tá anotado, mais um aí pra lista de filmes para assistir nas férias… tomara que não faça como as promessas de fim de ano e acabe caindo no esquecimento.

  21. Dani Danczuk
    28 de novembro de 2008 - 09:21

    Parece ser fofo, mas lembra muuuito aqueles filmes de gatos e cachorros e todos os animais de estimação que passa na sessão da tarde… hahaha

  22. OiYes
    28 de novembro de 2008 - 09:27

    Ótimo post, gostei mesmo… não só pelo texto mas pela escolha das fotos, e também pelo vídeo. Como diria Luciano Huck ao CQC, tá bem feitinho.

    “E ela sarou! Simplesmente sarou” Massa a história hein.

  23. Rah
    28 de novembro de 2008 - 09:31

    Os cachorrinhos da foto são lindos, e a Kitty tah cada vez pior shuahsuahsuhuaha, tipo, aquelas flhas bagunceiras shauhsuahushausa

  24. Vivi
    28 de novembro de 2008 - 09:53

    Comprei esse livro só pela minha loucura por labradores e por cães, mas achei tão cansativo que nunca consegui ler até o fim. Só li o capítulo que ele morreu, pra ver se eu tentava me consolar com a morte da Belly.

  25. Nayara
    28 de novembro de 2008 - 10:05

    eu não tentei ler o livro, a minha mãe tem em casa mas disse que dá preguiça… então fiquei de boa!! haha

    mas também tenho um cachorro… ou melhor uma cachorra, uma dálmata, bem-marley, acho que é por isso que a minha mãe comprou o livro… porque desde o primeiro dia dela na minha casa virou ‘o caos’, ela fazia xixi & coco nos tapetes, roia tudo que encontrava pela frente, e quando começaram a proibir ela de entra em casa (deixar todas as portas abertas já que o quinta é gigante e ela tinha um canil, mas não gostavamos de deixar ela trancada lá), cada vez que encontrava uma fresta entrava desesperada e corria por tudo, soltando milhares de pelos de uma maneira que só dalmatas são capazes…. hahaha… hj em dia, 12 anos depois, ela é gordinha e ‘idosa’, deu uma acalmada, mas todo mundo é louco por ela… =~

  26. Camila
    28 de novembro de 2008 - 10:18

    Eu AMEI esse livro. Como sou dona de uma e apaixonada por cães, devorei o livro como o Marley faria… rs
    Chorei como um bebê no final e em várias outras partes. É um dos melhores livros que já li.
    Vi o trailler e as fotos do filme, não vejo a horar de assistir.

  27. Ju Mary
    28 de novembro de 2008 - 10:27

    ai, não tive coragem de ler até o fim na época pq ele moria, snif snif… mas já fiquei emocionada com o trailer, vou chorar o filme TODO, hahahaha

  28. aninha
    28 de novembro de 2008 - 10:29

    UHAUHAHUAHUAHU adorei a cena do cachorro correndo do lado do carro!

  29. Bruna
    28 de novembro de 2008 - 11:16

    Eu também quero ler Marley antes do filme, mas sem condições de ler agora.. só depois de Janeiro mesmo! =(
    Ai Lia, é muito ruim quando os bichinhos ficam doentes… meu cachorro tem 13 anos e já passou por ataques epiléticos, infecções, e esse ano ele teve algum problema de reumatismo e ficou dias sem andar e, o pior, com aquela carinha deprê enfiada no travesseirinho.. =( Mas, como tu disse, com muito carinho e cuidados, agora ele tá de volta à forma “baby poodle”, só aprontando! ¬¬ haha
    Beeijos!

  30. Line
    28 de novembro de 2008 - 11:47

    eu chorei no final do livro XD e olha que nunca tive cachorro! mimimimi

  31. Amanda
    28 de novembro de 2008 - 11:49

    Owwwwn! xD Ganhei esse livro do meu namorado e devorei: achei MUITO fofo! =D Fora que dei altas risadas com o trailer…o filme será muito cute! ^^

  32. Paula
    28 de novembro de 2008 - 12:25

    Que lindo esse cachorro *-*
    Deve ser legal o livro, bom, eu não tenho cachorros, nem sou muito fã deles, acho lindo, longe de mim, hauuhaa
    Acho melhor não arriscar o livro mesmo :)
    Quem sabe o filme.

  33. Cacau
    28 de novembro de 2008 - 12:50

    ah… os cachorros são demais!!! dou tanta risada! aminha tb chama dora.

  34. Li Garone
    28 de novembro de 2008 - 13:01

    Ah… eu li o livro e devorei em uma semana! Simplesmente apaixonante!! Os detalhes descritos são incriveis e realmente nos fazem lembrar dos nossos cães =) o final do livro? eu demorei pra terminar de ler, pq sempre chorava ao iniciar a leitura…. kkkk

    =*

  35. Anie
    28 de novembro de 2008 - 13:16

    Deve ser fofo esse filme ^^ :D

    bejoo

  36. Denha
    28 de novembro de 2008 - 14:49

    Sempre tive vontade de ler este livro, principalmente porque adoro a cara de safado desse cachorrinho da capa… hihihihih

  37. Angélica
    28 de novembro de 2008 - 15:14

    SÓ AGORA CONSEGUI VER O TRAILLER! esse filme vai ser delicioso de assistir no cinemaaa! dia 25/12 estarei no cinemark mais próximooo!
    ^__________^

  38. Tatii
    28 de novembro de 2008 - 17:22

    ahh eu quero ver esse filme

    detalhe: quantos filmes a jennifer aniston tem feito por mês???? o.O

  39. Fabiana
    28 de novembro de 2008 - 17:24

    OMG! Marley e Eu… não li!!!

    Hahahaha!
    Mas li Lua Nova… LINDOOO!
    Mal posso esperar para ler Eclipse

    Comecei a ler Crepúsculo por sua causa Lia! Me inspira! E eu simplesmente amei!

  40. Michelle
    28 de novembro de 2008 - 17:25

    Quando li esse livro chorei e ri muuuito!

    Minha cachorra infelizmente morreu da mesma maneira q ele… E isso me fez lembrar muito dela…. Foi muito triste, mas tive boas lembranças!

    Estou louca para assistir o filme!

    Um livro muito legal tbém é “O menino do pijama listrado”… Emocionante!

    E também sairá o filme, mas apenas em fevereiro!

    Se vc gosta de ler eu recomendo!

    Beijos!

  41. Tay
    28 de novembro de 2008 - 17:57

    eu amei esse livro, achei mega fofo!! estou louca pra ver o filme…

  42. Nai Rosas
    28 de novembro de 2008 - 19:00

    |Eu comprei o livro em uma viagem ano passado e já li duas vezes.
    Cada capítulo que passa eu ria e chorava ao mesmo tempo e a parte que mais chorei (não sei se vc já chegou neste capítulo) é quando ele tem que deixar sacrificar o Marley principalmente por conta da Artrose e o mais lindo é o filhinho do John mais novo perguntando o que aconteceu com o Marley. Eu amei o livro e estou aqui na espectativa pra ver o filme, me identifiquei demais!!!!!!!!
    Beijo Lia!

  43. Luly
    28 de novembro de 2008 - 19:24

    Ah, que saudade de ficar presa em Harry Potter, madrugada inteirinha acordada, nem acredito ATÉ HOJE que isso não vai mais acontecer, só nas re-leituras!!

    Sou suspeita pra falar desse livro porque tenho paixão por cachorros acima de todas as coisas e sempre lembro de casos que aconteceram com Pakita… E com a falecida Pankeka!!

  44. Lia-chan
    28 de novembro de 2008 - 20:14

    Adooooooro o Owen Wilson! Ele tem um nariz hilário e pornográfico. E fala pelos cotovelos! Ou melhor, as pessoas que montam as falas dele colocam muito muito texto!! Haha!
    Também acho que o filme vai ser muito legal!!

    beijos

  45. Patrícia
    28 de novembro de 2008 - 20:28

    My God eu comecei a ler esse livro.. e pretendo terminá-lo antes da facul começar, realmente comecei a ler e dei risada já no começo.. é bom.. parei de ler por causa dos probleminhas q tive no meio do ano mas isso não vem ao caso.. rsrs
    Bom findi Liaa!!

    bjo

  46. Jana
    28 de novembro de 2008 - 20:42

    Ai, eu nao sou mt chegada nesses livros, eu tentei começar a ler mas nao consegui ficar presa a leitura, ai ele tah por ai perdido em algum canto do armario hehehehe… Sempre acabo pegando outro, q me chama mais atençao e sigo direto :P
    Tadinho do Marley, ficou de escanteio!!

    E outro ai, nao gosto da J Aniston como atriz… Pra mim ela só é capaz de fazer a Rachel bem… Entao, ai, jah ficou dificil eu ir ver o filme :(

    Adoro animais, mas nao fazia ideia de q vc tinha QUATRO caes e duas gatas! Ainda bem que vc tem duas casas senaao hehehehehe

  47. Sil Saraiva
    28 de novembro de 2008 - 21:13

    Uma graça de post, adoro cães e gatos. Tenho uma cadelinha idosa e cega – mas é a luz de nossa vida! Um beijo. Sil Saraiva – B&B

  48. Lica
    28 de novembro de 2008 - 21:34

    Chorei com o livro,e to louca pra assistir o filme!!!

  49. Durval
    28 de novembro de 2008 - 22:21

    O amor que estes animais nos passam é igual a o amor de uma criança, com um grande diferencial, é que diferente de uma criança que se torna adulta, e como dizia Rousseau é corrompido pela sociedade, um cão por mais adulto que seja será sempre uma criança.
    Durval – http://www.hotmastersound.com.br

  50. Vanessa
    28 de novembro de 2008 - 22:31

    eu achei o começo de Marley e Eu meio cansativo
    mas depois a historia vai cativando e é difícil largar…

    Lua Nova.. aaaah… posso conta o final?
    hehehhehehe

  51. Mary
    29 de novembro de 2008 - 01:21

    Aiii to louca pra ver ;D Só pelo trailer já sei que vou rir mtoo :D
    Amoo os cães!!!

    Bjss

  52. Luni
    29 de novembro de 2008 - 09:59
  53. Juliana
    29 de novembro de 2008 - 10:36

    Nunca tive vontade de ler esse livro, tinha uma amiga do trabalho que leu e que falava muito bem, mas eu não vejo nada demais… JÁ O FILME, esse eu não perco POR NADA! Rsrsrsrs. Não acredito que você já tá lendo Lua Nova! :D BABEI!

    BEIJOS e boa leitura :D

  54. Brenda
    29 de novembro de 2008 - 10:56

    Oi Lia, tudo bom? O filme deve ser otimo, né? Pelo trailer ja vi q é muito bom. Bjs!!!

  55. Michelli
    29 de novembro de 2008 - 10:59

    queria ler esse livro, mas tem tantos que quero ler!

  56. Dafne
    29 de novembro de 2008 - 14:44

    Menina! Eu também tenho o livro comprado há anos e ainda não li… O pior é que o filme ta chegando!
    Sem contar o Crepusculo que tb tenho e ainda não li… e o filme tb tá vindo!
    Tô perdida!!! =p

    Acho que mesmo eu não tendo cachorro vou me emocionar com o livro! Me emociono todas as vezes que vejo o treiler! ¬¬

    Beijos

  57. Dafne
    29 de novembro de 2008 - 14:46

    AH! Vc teve uma cachorra chamada DAFNE!
    Exatamente igual ao meu nome?

    Vai falar que a idéia veio do filme “Olha quem está falando Agora”?
    Hehehehehehehehe…

    Lembra de uma poodle enorme que tinha naquele filme e se chamava Dafne? =p

    Beijão

  58. Luinhah
    29 de novembro de 2008 - 17:16

    é um livro escrito com o coração. chorei, meu pai chorou e minha mãe se tivesse lido, choraria também.

    e também identifiquei-me com o Marley, nossa!!!

    :**

  59. vanessa
    29 de novembro de 2008 - 20:19

    Lia, existem coisas na vida que marcam de verdade. E este livro simplesmente mudou a minha vida. Apaixonada por cães e vivendo num verdadeiro caos familiar, Fui presentiada com este livro. E assim como vc em Harry Potter , eu simplesmente devorei este livro em apenas dois dias… depois li mais umas dez vezes. E se vc ler a primeira frase de qualquer página eu te digo com detalhes o que vem no resto, tamanha minha paixão por este livro. E me apaixonei tbm pelo autor que dá vááárias dicas sobre cães em outros livros. No site dele vc pode conferir os livros com as dicas http://www.marleyandme.com
    Eu que sou apaixonada por cães e por esse livro estou lá diariamente!
    Pra vc ter noção eu tenho cinco livros “Marley e Eu”!!!!! huahua

    Agora me diz uma coisa, onde conseguiu essas fotos?? Existem mais além dessas???

    Um enorme beijo!

  60. vanessa
    29 de novembro de 2008 - 20:23

    eu amo esse livro!

  61. vanessa
    29 de novembro de 2008 - 20:29

    Lia, exitem coisas na vida que marcam de verdade. E esse livro simplismente mudou a minha vida. Apaixonada por cães e vivendo um caos familiar, fui presentiada com este livro. E assim como vc em Harry Potter, eu devorei este livro em apenas dois dias. Pra vc ter noção eu tenho cinco exemplares!!!!! Se vc ler a primeira frase de qualuqer página eu sei em detalhes e com as palavras de John o que vem no resto. Essa história me ajudou muito a rever valores da vida. Nele eu descobri que até mesmo um aninal vive a vida intensamente, sem limites para ser feliz!!!! Obrigada pelo post!!!! Parece que foi feito pra mim… Me diz uma coisa: Onde vc encontrou essas fotos? Tem mais???

    Um enorme beijo

  62. anonymous
    29 de novembro de 2008 - 21:19

    Offtopic: Eita povo, aproveitando os plugs pra fazer divulgação de sites.

    Aí vc clica no link achando que é um blog, cai num site nada a ver e aproveita pra comprar uns tubos industriais. XD

  63. anonymous
    29 de novembro de 2008 - 21:20

    (Luni, de lunitubos.com.br)

  64. fê loverox
    29 de novembro de 2008 - 21:26

    já tive cachorros, já tive gatos e eu simplesmente não quero ler nem ver, porque sei que vou chorar. muito. >.<

  65. Priscila Borba
    29 de novembro de 2008 - 22:11

    Oi Lia. Tenho este livro e acho ótimo.
    T
    Chorei quando li, estou louca p/ ver o filme.
    Mudando de assunto, vc joga Mario kart online? Se sim meu fc eh 3394-6606-0861.
    Beijos Pri

  66. Drica Monteiro
    30 de novembro de 2008 - 01:25

    Tenho o livro há um tempo..e confesso: li em um dia! Adorei o livro, me emocionei com algumas partes..e confesso que estou ansiosa pela estréia do filme, que não vai ser tão detalhado qto o filme (adoro detalhes..rsrsrs), mas pelo elenco, como vc mesma disse, vai ser ótimo!
    Bjos, Lia!

  67. Nana Cawaii
    30 de novembro de 2008 - 08:14

    Gente! Ontem eu vi lá shopping Center Norte na livraria Saraiva, esse livro está por R$17,90! ^^
    Beijim!

  68. Juninho
    30 de novembro de 2008 - 08:32

    Eu li o livro, e concordo com a questão das explicações não serem tão “ludicas”. Mas realmente, para quem tem cão, e realmente consegue manter uma reciprocidade desse sentimento que ele tem por você, vai se comover. Algumas pessoas apenas tem um cão, onde acham que dar comida e água só basta..e as vezes um carinho de 3 segundos…hehe. Concordo com suas opiniões e primeiro comentário que faço aqui..mas adoro seu blog…sempre leio.

  69. Amanda
    30 de novembro de 2008 - 08:34

    Lia, modéestia a parte, eu tenho uma historia bem interessante que pode aparecer na coluna “A invrícel história…” da Capricho :x
    Com quem eu posso falar? Ou a gente não pode sugerir, só vocês escolhem? .-.
    Beijo :*

  70. Paola
    30 de novembro de 2008 - 16:05

    Lia, comprei a Capricho ontem e não ganhei os perfumes TT_TT Porque, hein? :'( Poooxa!
    Quero perfumes! xP Bjus ;***

  71. Isabelle
    30 de novembro de 2008 - 17:11

    Do mesmo jeito, só quem sabe o que é ter um bichinho de estimação chora, pq sabe o quanto são verdadeiros o amor, a devoção e a lealdade deles (e enquanto eu digito esse post, a Mimmy , que pulou no meu colo, tira uma soneca!)
    OWWN que lindaaa !!! = ^_^ =
    Ea kitty … a coisinha mais ” cute cute ” do maal :D
    Fofas d+++ !!!

  72. Bia
    30 de novembro de 2008 - 17:22

    Lia, sou irma da Raquel do tudo de blog e da galera capricho 2007 e queria saber onde ficam no site da capricho tipo link que aparece os lançamentos(tem no meu welcome), eu tenho 9 anos e queria saber disso porque eu mudei o lay do meu blog(Ja leio capricho, hein)

  73. Lia
    01 de dezembro de 2008 - 01:51

    Paola em 30 de novembro de 2008 às 16:05 disse:

    Lia, comprei a Capricho ontem e não ganhei os perfumes TT_TT Porque, hein? :'( Poooxa!
    Quero perfumes! xP Bjus ;***

    Tou achando q os perfumes não foram pra todos Estados! :(

  74. Lia
    01 de dezembro de 2008 - 01:52

    Amanda em 30 de novembro de 2008 às 8:34 disse:

    Lia, modéestia a parte, eu tenho uma historia bem interessante que pode aparecer na coluna “A invrícel história…” da Capricho :x
    Com quem eu posso falar? Ou a gente não pode sugerir, só vocês escolhem? .-.
    Beijo :*

    Pode sugerir sim! Manda um email pra Karol Pinheiro contando sua historia resumidamente, daí se interessar, ela entra em contato kpinheiro@abril.com.br

  75. Lia
    01 de dezembro de 2008 - 01:55

    Dafne em 29 de novembro de 2008 às 14:46 disse:

    AH! Vc teve uma cachorra chamada DAFNE!
    Exatamente igual ao meu nome?

    Vai falar que a idéia veio do filme “Olha quem está falando Agora”?
    Hehehehehehehehe…

    Lembra de uma poodle enorme que tinha naquele filme e se chamava Dafne? =p

    Beijão

    aiuha tive uma da raça pastor alemão, LINDA! Uma graça de cachorra :D

    Na época eu fiz uma lista de nomes com D e 5 letras, pra escolher um, e esse foi meu favorito! ^^

  76. Mónica
    01 de dezembro de 2008 - 06:52

    Eu li Marley & Eu e viciei logo. Foi daqueles livros que não consegui pousar um bocadinho, simplesmente tive de ler tudo de uma vez =) Talvez tenha sido por eu também amar cães não sei mas este livro marcou-me imenso e é sem duvida um dos meus preferidos

  77. bruna freitas
    01 de dezembro de 2008 - 12:39

    ai q fofo….tb fiquei em duvida quando fui adotar meu primeiro gatinho, o Benjamin. Tinha um branquinho e gordinho c/ olho azul, uma cinzinha c/ olho verde, e um manchado vesgo….fiquei com o manchado vesguinho…heheha amo ele demais…

  78. Angélica
    02 de dezembro de 2008 - 13:39

    o trailler desse filme é muito nindooo!

  79. Amandinha--*
    02 de dezembro de 2008 - 19:32

    Soou louca pra leer esse livro maiis agora qe vai sair o filme asho qe não vou ler mais só em ver o tamanho deele me desanimo saabe –‘

  80. teia
    16 de dezembro de 2008 - 13:03

    foi um dos melhores livros que eu já li…li o livro em 2 dias de tão viciada que eu fikei em cada pagina eu via um pouquinho da minha cachorra a lupitaaa que também é muito bagunceira não vejo a hora de assisti o filme..espero que sejo tão bom quanto o livro.

  81. […] que os apaixonados por cães vão adorar esse filme! Conta a história de Marley, o labrador fofo e maluco, adotado por uma família. Quem leu o livro Marley & Eu, de John […]

  82. Vitória
    20 de fevereiro de 2009 - 10:07

    ri muito com a parte que ele tá saindo do carro HSUADHUDSA

  83. thais
    02 de setembro de 2009 - 18:46

    para mim é um dos filmes mais importantes da minha vida

  84. Mayã
    02 de dezembro de 2009 - 11:07

    Eu li o livro e ameeei!
    Daí fui assistir com o meu namorado no cinema e já não gostei mto :x
    o livro é mto mais detalhista!

  85. gabrieli
    16 de setembro de 2010 - 20:10

    o filme é muito emocionante pena que eu ñ tive a oportunidade de ler o livro.pena que no final do filme tem a morte de um belo cão chamado Marlei!!!!bjs ao marlei gabrieli

  86. Grace Kelly
    29 de maio de 2011 - 17:52

    Eu Estou lendo o livro e nossa como é emocionante…cada pagina lida é como se eu ficasse imaginando as cenas…(estou na parte em que jany acha que já pode ter filho depois que perdeu o primeiro). E pode parecer loucura,mais cada vez que leio eu me apego mais a meu cachorro.tá eu não dou mt atenção pra ele mais esse livro está me ensinando a como amar um cachorro de verdade!Leio assisti e recomendo …

    para vocês ter noção leio em média de 2 capítulos por dia de tão bom que o livro é !

8assista Just Lia TV no youtube9
Outros vídeos
8siga @liacamargo no instagram9