Home » Quioto – Templos Kinkaku-ji, Daitoku-ji, Ninna-ji e Ryoan-ji
14 de abril de 2014 - 00:52
16
Por Aí

Quioto – Templos Kinkaku-ji, Daitoku-ji, Ninna-ji e Ryoan-ji

Passamos nossa primeira noite do Japão na mesma cidade do aeroporto, Narita, em Chiba e no dia seguinte cedo pegamos dois trens-bala (Shinkansen) rumo à Quioto (paramos em Shinagawa pra trocar de trem). Essa viagem demora entre 3h30 e 4h e fora ter que carregar mala, é super tranquila. Os japoneses usam muito um serviço de entrega de malas do aeroporto, onde as malas são enviadas direto pro hotel (e vice versa), por isso você não os vê carregando malas grandes no trem. Nós não usamos esse serviço mas pra quem interessar, a mala chega em até 24h no hotel e o serviço é bem barato (são cerca de R$45 por mala).

Dica: O site hyperdia.com te ajuda a montar o itinerário pra chegar aos lugares no Japão.

viagem-kyoto-044

Começar a viagem por Quioto foi delicioso, porque a gente teve uma imersão na cultura e na tradição japonesa, já que a cidade foi capital do Japão Imperial e é bem clássica. No 1º dia lá a gente passeou pelas redondezas e no 2º começamos a visitar os templos budistas. Geralmente você paga pra entrar nos locais onde ficam ou dentro dos templos, mas não é caro (acho que é sempre entre ¥300 e ¥600). O sulfixo “ji” significa templo e há mais de 2 mil deles na cidade! :) Pra chegar nos templos você pode usar ônibus (detalhes aqui!) e vale checar os horários na internet, pois eles abrem e fecham cedo.

Sapato confortável e disposição pra aguentar, pois são lugares enormes e com escadarias. A arquitetura japonesa sempre integra o ambiente, então a gente vê as construções lindas de madeira sempre compondo com jardins e a natureza. É um passeio interessante e calmo ao mesmo tempo! O lado triste é que como estávamos sozinhos, a gente não tinha como saber mais sobre cada elemento, história, costume ou ritual. (Mesmo assim eu acho que jamais iria em turma com guia, pois não ia ter paciência pra andar em galera, esperar todo mundo tirar foto e nem ia curtir essa mecanização do tour.)

viagem-kyoto-045

Kinkaku-ji

O 1º templo que a gente escolheu visitar foi o Kinkaku-ji (significa Templo do Pavilhão Dourado), que é famoso por ter um pavilhão coberto por folhas de ouro, com uma fênix de ouro maciço no topo, construído em 1397. Esse templo foi o mais cheio do dia, tinha muitos turistas, mas é um espaço pequeno então você termina de ver rápido.

Observação: Em suas devidas proporções, tem uma réplica dele em Itapecerica da Serra, SP.

viagem-kyoto-001

viagem-kyoto-002

viagem-kyoto-004

viagem-kyoto-008

viagem-kyoto-006

viagem-kyoto-011

viagem-kyoto-009

viagem-kyoto-010

viagem-kyoto-007

viagem-kyoto-003

viagem-kyoto-013

viagem-kyoto-012

viagem-kyoto-014

Daitoku-ji

De lá fomos para o Daitoku-ji (significa Templo da Grande Virtude), que é um espaço com diversos templos e construções, até escola infantil tem lá dentro.

viagem-kyoto-015

viagem-kyoto-032

viagem-kyoto-016

viagem-kyoto-031

viagem-kyoto-018

viagem-kyoto-017

viagem-kyoto-033

Ninna-ji

Esse templo foi fundado em 888, mas as construções dessa época não estão mais de pé, o que você vê por lá foi feito de 1600 em diante. Ele tem algumas coisas bem especiais, como o jardim zen imeeeeeeeenso (de pedras e areia, com a areia toda desenhada),  um salão ainda decorado e algumas paredes com pinturas. As estátuas que ficam nas laterais do portão são Niō (ou Kongōrikishi), guardiões do Buda, que viajam com ele para protegê-lo.

viagem-kyoto-019

viagem-kyoto-020

viagem-kyoto-021

viagem-kyoto-022

viagem-kyoto-034

viagem-kyoto-035

viagem-kyoto-036

viagem-kyoto-024

viagem-kyoto-038

viagem-kyoto-040

viagem-kyoto-039

viagem-kyoto-043

viagem-kyoto-023

viagem-kyoto-037

Ryōan-ji

O Ryōan-ji (Templo do Dragão em Paz) é famoso por causa de um jardim zen que tem, mas que é menor que o do templo que a gente tinha acabado de visitar. Acho que não vale a pena entrar nesse (você paga pra ver o jardim zen e não pode tirar fotos), mas vale a pena ir lá pra passear pelos jardins ~de verdade~. Ele tem um lago bonito e muitas cerejeiras (que ainda não tinham florescido).

viagem-kyoto-027

viagem-kyoto-025

viagem-kyoto-026

viagem-kyoto-028

viagem-kyoto-041

viagem-kyoto-029

viagem-kyoto-042

viagem-kyoto-030

Post Anterior
Filme de "Jem e as Hologramas"
Próximo Post
Princesas Disney de Quimono
...Comentarios...
16 Comentários

Para usar avatar, cadastre-se com seu email em gravatar.com
  1. Tatiane Machado
    14 de abril de 2014 - 01:06

    Simplesmente lindo e eu adoro essas construções antigas!

    Beijos
    http://rabiscosdatati.blogspot.com.br/

  2. Daisy Oliveira
    14 de abril de 2014 - 01:21

    Adorei as fotos,olhar os detalhes…tudo lindo demais!Imagino pessoalmente como deve ser *-*
    Só fiquei com uma curiosidada,e não sei se vc vai saber me responder,mas eles ainda usam todos esses templos para orar ou a maioria(ou os mais antigos) são só usados para visitas de turistas?
    Beijos :D

    • Lia
      14 de abril de 2014 - 13:20

      Daisy Oliveira em 14 de abril de 2014 às 1:21 disse:

      Adorei as fotos,olhar os detalhes…tudo lindo demais!Imagino pessoalmente como deve ser *-*
      Só fiquei com uma curiosidada,e não sei se vc vai saber me responder,mas eles ainda usam todos esses templos para orar ou a maioria(ou os mais antigos) são só usados para visitas de turistas?
      Beijos :D

      Acho que alguns sim e outros não. Por exemplo, cheguei a ver monge em ritual e até casamentos acontecendo. Mas alguns lugares pareciam guardados apenas por funcionários que cuidam para a visitação.

  3. Nanda
    14 de abril de 2014 - 09:18

    O Japão é maravilhoso, tenho muitas saudades, adorava a cultura, clima e a culinária.

    Beijos

  4. Kah
    14 de abril de 2014 - 10:32

    Acho a arquitetura japonesa antiga maravilhosa, dá vontade de conhecer.
    Fotos excelentes, deu pra sentir bem a atmosfera do lugar.
    Vocês são budistas ou visitaram pra conhecer a cultura apenas?

  5. Claudia Miguel Romstad
    14 de abril de 2014 - 11:17

    Que legal! Adorei!!

  6. Thamires
    14 de abril de 2014 - 19:48

    Oi Lia… Passei por aqui e vi o seu tour pelo seu Apartamento! que por sinal é lindo! e cheio de gatinhos kkk que coisa mais fofa! sou super a favor de passear pelo seu closet! Ia ser bem legal.
    E linda a sua viagem pelo japão!

    Beijos

  7. Anne
    14 de abril de 2014 - 22:16

    Você chegou a fazer algum pedido ou “tirar a sorte” em algum templo?

    • Lia
      15 de abril de 2014 - 17:01

      Anne em 14 de abril de 2014 às 22:16 disse:

      Você chegou a fazer algum pedido ou “tirar a sorte” em algum templo?

      Simmm!!! Deixei um bilhete “de madeira” com agradecimentos e pedido num templo de Toquio e fiz um ritual de comprimentar e bater palma e jogar moeda em outro!

  8. Chris
    15 de abril de 2014 - 04:10

    Kyoto <3<3<3 Lembro que fomos num daytrip, nunca corri tanto, nem deu para aproveitar muito. É tanto templo haha. Espero um dia voltar com calma.

    Estou há tempos enrolando pra ir na réplica do Kinkaku-Ji. XD

  9. Andressa
    15 de abril de 2014 - 22:54

    Fotos lindas!Sinceramente,tbm nunca tive vontade de conhecer o Japão,mas seus posts me despertaram uma vontadezinha haha.

  10. Aline Soares
    16 de abril de 2014 - 03:55

    Acompanhei a sua viagem pelo instagram, estava me acostumando a ver suas fotos da viagem pela manhã. O Japão é lindo! Me soa familiar por conta dos inúmeros animes que eu assisti. :P

  11. Natalia
    16 de abril de 2014 - 10:16

    Também acompanhei a viagem pelo insta e fiquei curiosa para conhecer o lugar, mas não sei se teria coragem de ir sem conhecer o idioma, hahahah. O que eu acho mais legal é que algumas fotos mais parecem pintura. Não parece que é de verdade. A impressão é que o tempo sempre está bom e cooperando para que as fotos fiquem lindas.

  12. […] mais forte. A hora em que você realmente se liga que está em outro lugar! Por mais que os cenários do dia anterior tivessem sido incríveis, foi quando eu vi a entrada do Kiyomizu-dera que me emocionei. Esse foi o […]

  13. Patrícia Zwicker
    01 de junho de 2016 - 12:27

    Essa ordem dos templos foi escolhida aleatoriamente?

    Porque li que a melhor ordem é Daitoku-Ji -> Kinkaku-Ji -> Ryoan-Ji -> Ninna-Ji.

    Você achou essa ordem de vocês produtiva?

8assista Just Lia TV no youtube9
Outros vídeos
8siga @liacamargo no instagram9