Home » Os dois lados da maternidade
09 de maio de 2017 - 10:00
7
Pessoal

Os dois lados da maternidade

Há um ano eu postava aqui, grávida, sobre as memórias da minha mãe e as minhas expectativas de ganhar o bebê – quem lembra? Hoje volto aqui pra falar um pouco sobre como as coisas estão, novamente a convite da Canon Brasil.

Ser mãe tem sido a experiência mais intensa que já vivi, em todos os sentidos.

A base da sua vida de repente passa a ser esse novo e pequeno ser, então é normal que as estruturas fiquem um pouco abaladas. É desafiador se deparar com essa mudança de prioridades. Sua carreira, seu relacionamento, sua casa, tudo cede um pouco de espaço para os cuidados com o bebê. Ter um filho obriga você a reencontrar um equilíbrio, a recriar hábitos e rotinas.

A gente demora, mas começa a entender que nada mais será como antes… e que isso não é uma coisa ruim!

Porque a maternidade consegue ser ao mesmo tempo difícil e maravilhosa.

Sabe aquele clichê que diz que ter filhos é a melhor coisa da vida? É mesmo! Não importa o que aconteça, é só olhar pra ele e meu coração fica quentinho. Você ama quando nasce, mas ama mais e mais e mais com o passar dos dias. Se eu fosse definir, diria que amor de mãe é infinito! Não dá pra medir, não tem fim nem limite.

É fascinante acompanhar o desenvolvimento do bebê e uma honra ter a chance de reviver “primeiras vezes” através das experiências dele. Nosso primeiro passeio como família, o primeiro sorriso dele, no meu colo, a primeira frutinha que ele experimentou, o primeiro beijo que ele me deu… E ainda tem tanta coisa pra acontecer!

Fecho os olhos tentando gravar a cena, a sensação, o cheirinho de bebê que ele tem. Tiro fotos, gravo vídeos, escrevo textos… Que eu possa resgatar esses momentos na minha memória pra sempre!


A Canon fez um filme que mostra que não há nada igual ao amor incondicional de uma mãe. Clique aqui visitar a página especial dessa campanha linda!

Fotos feitas pelo Dani com a Canon 5D Mark III, lentes 50mm 1.2 e 35mm 1.4. ♥

Post Anterior
Como usar: Macacão pantacourt/culotte
Próximo Post
Decoração: Tambores
...Comentarios...
7 Comentários

Para usar avatar, cadastre-se com seu email em gravatar.com
  1. Daniela Foltran
    09 de maio de 2017 - 12:10

    Sou mãe de três, realmente é isso! Um turbilhão de emoções, uma vontade imensa de congelar cada instante com medo de perder algum segundo da memória.
    É fantástico!
    É vejo que vocês permitem o Fefê seguir seu tempo, com muito respeito
    Parabéns por essa nova fase!

  2. Luana Mendes Jaques
    09 de maio de 2017 - 12:21

    Lia, que texto lindo, que fotos lindas… Estou grávida de 20 semanas, tudo nesses últimos dias relacionado ao dia das mães, está me deixando emocionada… Que delícia ler seu texto, caprichosamente, ‘afofurado’ com a presença do Fê… Esse ano estou vivendo o que você viveu há um ano atrás, mal posso esperar para entrar nessa linda jornada que é ser mamãe… Um grande beijo, feliz dia das mães ♥

  3. ZILANDRA BATISTA RODRIGUES
    09 de maio de 2017 - 13:43

    que post mais lindo genteee

  4. Bárbara
    09 de maio de 2017 - 14:18

    Eu não aguento de fofura gente!!! Que coisa mais linda

  5. Thamires
    10 de maio de 2017 - 00:12

    Lia….. é perceptivel a sua mudança, como mulher depois da chegada do Fer! você, esta cada dia mais linda, a palavra certa seria, BELA, pois a sua beleza vem de dentro também! aquece meu coraão em ver a legria de sua familia que se formou tão lindamente! FELIZ DIA DAS MAES!!!

    http://passablushquepassa.blogspot.com.br/

  6. Patrícia
    10 de maio de 2017 - 12:28

    Esse pezinho ficou fofo demais!!!

  7. Viviane Domingues
    11 de maio de 2017 - 12:15

    As fotos ficaram incríveis! Amei!

8assista Just Lia TV no youtube9
Outros vídeos
8siga @liacamargo no instagram9