Home » A loira do banheiro
28 de Março de 2003 - 15:25
5

A loira do banheiro

Loira do banheiro, a noiva do algodão, a mulher do algodão e etc. Eu vi que cada um conhece uma história diferente mesmo.. hehe

Deixa eu contar a minha versão..

A Loira era uma mulher muito bonita, que era casada e tinha dois filhos, um menino e uma menina. O marido dela era muito ciumento e um dia colocou algodão nas narinas, boca e ouvidos dela e, a esquartejou. Depois jogou os pedaços pela privada e deu descarga (tá essa parte é meio forçada.. ehhe).
Desde então, sempre uma criança chama por ela, ela vem pra ver se é um dos filhos dela.
Se não for, vc MORRE xD

As maneiras de chamá-la tb variavam muito.. Vc tinha que entrar na penúltima cabine do banheiro da sua escola sozinho, no escuro, de porta trancada e:
– Empurrar 3 vezes a descarga
– Dar 3 pulos
– Falar 3 palavrões

Tinha gente que dizia que era pra dar 3 socos na porta e 3 chutes na privada, mas isso já é depredação .ahahah

Pesquisei e achei outras versões:

Versão 1 – Esta história é muito contada em escolas da rede pública na cidade de São Paulo. Sua fama é muito grande entre os alunos.
Uma garota muito bonita de cabelos loiros com aproximadamente 15 anos sempre planejava maneiras de matar aula. Uma delas era ficar ao banheiro da escola esperando o tempo passar.
Porém um dia, um acidente terrível aconteceu. A loira escorregou no piso molhado do banheiro e bateu sua cabeça no chão. Ficou em coma e pouco tempo depois veio a morrer.
Mesmo sem a permissão dos pais, os médicos fizeram autópsia na menina para saber a causa de sua morte.
A menina não se conformou com seu fim trágico e prematuro. Sua alma não quis descansar em paz e passou a assombrar os banheiros das escolas. Muitos alunos juram ter visto a famosa loira do banheiro, pálida e com algodão no nariz para evitar que o sangue escorra.

Versão 2 – A loira, volta com sua filha para assombrar os banheiros, e para ela deixar a sua marca, a água ficará vermelha de sangue.

Versão 3 – Esta é uma história que começou em 1997, na escola estadual Leonor Castelano. (PARANÁ)
Todos dizem que no último banheiro feminino tem uma mulher cheia de facas na cabeça e com uma no peito.
Se você entrar e trancar a porta, bater 3 vezes na porta, der 3 chutes no vaso e apertar a descarga, a água ira borbulhar, sairá uma fumaça e ela aparecerá.
Mas se você tentar fugir sua cabeça será arrancada e se ficar você morrerá.

Versão 4 – Há muito tempo atrás havia uma loira que tinha sido enforcada na sua escola.
Depois de um ano na mesma escola, jovens eram mortas no banheiro, e as vítimas que viram, disseram que havia uma loira no banheiro, e a mesma é que estava matando as jovens.

Versão 5 – Mulher loura, alta e alva, que vestida de branco, e com algodão em sua boca, nariz e ouvidos, assombra as crianças que cabulam aulas, e também à transeuntes em praças, jardins e parques. Não faz mal à ninguém.
No interior de São Paulo.

Versão 6 – Nas principais estradas de São Paulo, muitos caminhoneiros ouviram falar da moça vestida de branco.
Ela costumava aparecer para pedir carona e ao conseguir, encantava os motoristas com sua beleza.
Ao tentarem beijá-la, tinham a boca decepada e apareciam em seguida mortos.
Dizem, que a moça morrera no dia de seu matrimônio, atropelada por um caminhão e por revolta veio assombrar os caminhoneiros que atravessassem o seu caminho.

Versão 6 – Um dia uma loura saiu com seu namorado caminhoneiro.
Chegando lá eles tiveram uma briga e a loura jogou-se na frente de um caminhão.
E agora os caminhoneiros juram ver uma loura que quando eles olham para ela, a mesma solta sangue pela sua boca.

Versão 7 – Mulher abandonada no altar e que morreu de decepção.
Acredita-se quando pessoas vão ao banheiro à 24h e ficam com a luz apagada olhando para o espelho a noiva aparece e diz coisas aterrorizantes à pessoa.

Versão 8 – Em uma cidade do interior uma jovem encontrava-se determinada a se casar. A vários anos estava enamorada de um peão que trabalha em uma fazenda vizinha da cidade. A data já havia sido marcada para aquele mês e ela toda feliz organizava com cuidado e carinhos os preparativos para o enlace.
Nascida de família modesta, sem luxos teve a feliz sorte de ter como futuro esposo o filho do dono da citada fazenda. Uma grande festa foi organizada, mas naquele dia não puderam se casar. O noivo sofreu um grave acidente na ida para a igreja vindo a falecer instantes antes do casamento.
A moça louca de desgosto e tristeza, voltou até sua humilde casa e enforcou-se no centro da sala. Os pais da garota infelicitado pela dupla tragédia, mudaram-se daquela cidade, deixando a casa simples em total abandono.
Logo que foram embora, os visinhos começaram a notar um movimento estranho no casebre que se repetia todos os dias no mesmo horário em que fora marcado o casamento. As 19hs em ponto, uma moça clara, de olhos profundamente negros e longa cabeleira, vestida de noiva anda triste e sem rumo pela sala, ouve-se ao longe os soluços desta alma sofredora que ainda espera o enlace feliz, mas que sabe das conseqüências mórbidas de seu ato tresloucado, suicida que a separará por longa data de seu amado.
Os observadores mais atentos contam de uma lágrimas que em seu olhar paira, e de quão infeliz é a visão de vê-la entre teias e mais teias de aranha a vagar por seu antigo lar.

Fonte – I Folclore

E se vc é do tipo que se impressiona fácil, não leia esse post.. HAHAHA… Tarde demais.. HAHAHA.. Agora toma cuidado com a loira qdo vc for no banheiro! XD Nhééé

Vou aproveitar esse post pra agradecer o meu irmão, que foi o imbecil que me assustou com essa história e, graças a ele eu não ia ao banheiro sozinha por muito tempo… =P chato.

A verdade é que qdo eu era menor, sempre ficava com minhas amigas combinando que uma de nós ia fazer isso, e as outras ficavam do lado de fora, esperando pra socorrer a outra caso fosse preciso.. ahha… Mas NUNCA nenhuma teve coragem. Até hj, eu não sou capaz de tentar isso. Pô! Sozinha no escuro fazendo ritual do além com a privada? Não dá né?

Post Anterior
BICHINHOS Tava alterando umas
Próximo Post
CD Aaaii que lindoooo!
...Comentarios...
5 Comentários

Para usar avatar, cadastre-se com seu email em gravatar.com
  1. Alicinha
    07 de setembro de 2009 - 12:32

    Amey o post ;)

  2. Monara
    08 de Abril de 2010 - 14:51

    Lembro de ouvir essas historias na 1° serie e ficar morrendo de medo HSAHAHSHAHSHAH

  3. Fran Prado
    13 de Abril de 2010 - 07:41

    Nossa,exatamente por isso que eu não ia no banheiro da escola durante as aulas,podia tá morreeeendo de vontade,mas sozinha nem pensar,esperava o intervalo pra algm ir cmg hahaha

  4. Ya
    13 de Abril de 2010 - 10:20

    Alguém já viu supernatural? Tem um episódio dela. Não lembro muito bem, mas quem tivesse uma grande mentira ela arrancava os olhos, e sempre aparecia em espelhos! TENSO! hahaa. Achei demais o post. ^^

  5. vitor'
    07 de dezembro de 2016 - 14:31

    bom ,, eu msm inventei uma ,, Havia uma menina que tinha a faixa etária de uns 15 anos de idade ,, ela éra uma menina linda ,, loira natural olhos que brilhavam como a lua ,, ela éra muito inteligente , se dedicava muito aos seus estudo ,, e nem conversava muito com as pessoas da escola e por isso sofria bullying que chamavam ela de NERD antisocial… então um dia um grupinho que só praticava o mal resolveu armaram uma cilada contra ela ,, e assim foi feito ,, quando a menina foi ao banheiro eles entraram bem devagar e jogaram nela uma lata cheia d insetos que eles haviam roubado do laboratorio da escola ,, então logo em seguida outra lata cheia de sangue de cachorro que eles tinham matado apenas para jogar nela ,, então a menina com tanto medo e angústia saiu correndo só que havia escorregado no sangue , bateu a cabeça no chão e morreu … e dizem que hoje ela voltou e assusta da pior forma jovens que praticam o bullying

8assista Just Lia TV no youtube9
Outros vídeos
8siga @liacamargo no instagram9