Home » O laboratório de Maybelline NY em Nova Jersey
09 de setembro de 2013 - 20:06
48
Por Aí

O laboratório de Maybelline NY em Nova Jersey

Aaaaaai ai! Sou só suspiros… Acabo de passar uns dias em Nova York, a convite da Maybelline NY. A marca é patrocinadora oficial da New York Fashion Week e me convidou pra ir pra lá acompanhar desfiles, conferir backstages e minha parte favorita: pra conhecer o laboratório de Maybelline NY em Nova Jersey.

Com os óculos de proteção pra começar o tour!

Com os óculos de proteção pra começar o tour!

Acho que a primeira coisa que vale contar é a história encantadora de como a marca surgiu. Em 1915, T.L. William inventou uma mistura de vaselina e de pó de carvão, pra que sua irmã Mabel pudesse escurecer os cílios e embelezar seus olhos. Da mistura de Mabel e “vaseline“, nasce Maybelline, que 2 anos depois lança seu 1º produto, Maybelline Cake Mascara. Essa invenção só podia ser um sucesso! Hoje a marca é a número 1 de maquiagem e possui mais de 200 produtos no portfólio. E claro, as máscaras são o grande destaque desses quase 100 anos de história!

maybelline-vintage

Beleza de 100 anos atrás…

Uma das sedes da L’Oréal fica lá do lado de Nova York, no Estado de Nova Jersey. O headquarter deles é praticamente um bairro, cheio de laboratórios, centros de pesquisa, área de patentes, microbiologia, etc. Eu fiz um tour pelo laboratório responsável por Maybelline NY e pude entender um pouco como são feitas sombras, batons, bases, máscaras e esmaltes.

Contrastando com os pigmentos coloridos, pesadas máquinas de fábrica manipulam os ingredientes necessários pra cada make.

laboratorio-maybelline-01

laboratorio-maybelline-02

Bases

O especialista em bases brinca que fazer uma base é como cozinhar. Os 4 pozinhos abaixo são o necessário para fazer qualquer cor de base (a linha Fit por exemplo, tem uma gama de 18 tons). Somado a esses pós você adiciona pós de luminosidade, óleos de proteção solar, pós de textura, entre outros ingredientes. Uma base com textura mais aveludada, por exemplo, leva um pó de textura que dá esse efeito mate.

laboratorio-maybelline-04

laboratorio-maybelline-07

Batom

Minha parte favorita! Eu já tinha tido o prazer de ver a área de batons em 2 outras fábricas nacionais (com máquinas imensas soltando batonzinhos!), mas a especialista da Maybelline fez um batom manualmente na nossa frente! Essa mistura ~deliciosa~ (sqn!) e fervente vira um creme que vai ser despejado em uma fôrma cheia de espacinhos. A fôrma vai para um freezer por 15 minutos, até que as “balas” dos batons sequem e daí possam ser colocadas na embalagem. No caso da cor do batom, além dos 19 pigmentos de cores disponíveis, existem pigmentos perolados que conseguem mudar completamente a cor. Por exemplo, um batom pink com a mesma combinação de cores pode ser mais arroxeado por causa de um pigmento “pearl”.

laboratorio-maybelline-08

laboratorio-maybelline-03

Máscara

E quanto o assunto foi máscaras, a aula foi ainda mais caprichada. Gostei de saber por exemplo, que até o tamanho do cabinho do pincel e o limpador na beirada da embalagem influenciam nas diferenças entre máscaras. Só no ano passado, foram desenvolvidas cerca de 7 mil fórmulas diferentes de máscara pelos laboratórios da marca pelo mundo. Nesse laboratório que eu visitei, todos os dias há 18 mulheres testando as máscaras em seus olhos. Já pensou, profissão testadora de maquiagem?! kkkk

A Colossal além de ser a mais vendida no Brasil é a favorita da especialista do lab, ao lado da Mega Plush, pra um efeito mais natural. Lá eles tem uma sala inteira lotada de pinceis de máscara. São gaveteiros e gaveteiros cheios de pinceis (vi até uns inéditos! aiaiiaia curiosa!). Todas embalagens ficam esperando pra receber o produto…

laboratorio-maybelline-10

laboratorio-maybelline-05

Além das pesquisas pra desenvolver fórmulas super tecnológicas, eu adorei saber um pouco mais sobre as pesquisas feitas com as consumidoras. De forma generalizada, eles conseguem identificar os gostos e necessidades de cada cultura e região. Por exemplo, as consumidoras da Europa amam cílios dramáticos, enquanto as americanas preferem volume clean e maquiagem que dure bem no verão. Isso explica porque alguns produtos não chegaram no Brasil ou porque nós ganhamos produtos exclusivos como a base e o pó Pure Make Up e a máscara Colossal Super Filme. Fiquei impressionada com os produtos feitos para Ásia (tipo as máscaras japonesas da Hello Kitty), que são completamente diferentes dos que a gente encontra aqui ou numa farmácia americana!

Aliás, fica a dica pras minhas leitoras de olhos puxados (alô Anne, Fabi e Harumi!): Lashionista é a mascara mais vendida no Japão. Já encomendei uma pelo Ebay, quando chegar eu conto!

laboratorio-maybelline-06

No bannerzinho aí embaixo vocês conseguem navegar em todo conteúdo já publicado sobre Nova York.

viagem-ny

Ilustrações Shutterstock

Post Anterior
Lia Camargo e NYFW na Caras Online
Próximo Post
Nova York - Coney Island, Look do dia:…
...Comentarios...
48 Comentários

Para usar avatar, cadastre-se com seu email em gravatar.com
  1. Priscila Kaori
    09 de setembro de 2013 - 20:20

    Já estou curiosa pra saber mais dessa máscara Lashionista ^^

  2. Gabriela
    09 de setembro de 2013 - 20:22

    Que sonho de tour ◕‿◕ aiai lia você sempre phina néé? simplesmente amei de acompanhar em ny pelo insta, cada foto linda !

  3. Thaís
    09 de setembro de 2013 - 20:53

    Uau! Adorei o post Lia *-*

  4. Michelly
    09 de setembro de 2013 - 20:58

    Foi uma mega viagem hein? :D muito bom! :) eu curto muito os produtos maybelline! :)

  5. Mari Martins
    09 de setembro de 2013 - 21:09

    Uhull adorei o post e que cor linda dessa batom pink amei!! Lia adorei e acompanhei sua estadia em NYc pelo instagram e com certeza a melhor foi vc durante essa semana de moda. Você mostra coisas do cotidiano dá dicas de lugares, restaurantes lojas (acessíveis ao bolso de um brasileiro “normal”) por isso obrigado!!! Adorei e que venham mais viagens pra vc mostrar pra gente!!

    • Lia
      10 de setembro de 2013 - 01:00

      Mari Martins em 09 de setembro de 2013 às 21:09 disse:

      Uhull adorei o post e que cor linda dessa batom pink amei!! Lia adorei e acompanhei sua estadia em NYc pelo instagram e com certeza a melhor foi vc durante essa semana de moda. Você mostra coisas do cotidiano dá dicas de lugares, restaurantes lojas (acessíveis ao bolso de um brasileiro “normal”) por isso obrigado!!! Adorei e que venham mais viagens pra vc mostrar pra gente!!

      Fico muito feliz com um elogio desses!!! Tento compartilhar a viagem pra que outras pessoas se sintam viajando comigo! Adoraria que outras blogueiras fizessem isso!

  6. Fabiana Miyoshi
    09 de setembro de 2013 - 21:17

    Ahhhhh!!! Agora fiquei curiosa com a Lashionista (e MEGA-MASTER-BLASTER feliz por ter sido lembrada!) Esse carinho que vc tem pela gente é coisa de outro mundo, Lia!!! ♥
    Agora mais uma revelaçãozinha, quando comecei a faculdade (fiz química), meu sonho era atuar na área de cosméticos! Hahaha! Mas amo minhas criaturinhas e não os trocaria por toda essa lindeza não *-*

  7. Geovana Cybele
    09 de setembro de 2013 - 21:22

    Estou morrendo de ciumes de você… Conhecer esse lugar deve ter sido um sonho!!!

  8. Mariana Carvalho
    09 de setembro de 2013 - 21:47

    Adorei a historinha da Mabel! Engraçado quando a gente pensa que aconteceu mesmo!! :)

  9. Brenda Costa
    09 de setembro de 2013 - 21:49

    Que incrível,
    d+ saber como tudo funciona, amei o post Liaa,
    Os rímeis da Maybelline são os meus favoritos <3

    Beijos Lia
    http://sonhandoacordada.com/

  10. Gabriela Gomes
    09 de setembro de 2013 - 22:21

    Que legal, Lia! Sempre tive curiosidade de saber como as maquiagens são feitas, muito interessante o post, adorei.
    http://www.espacegirl.com

  11. Anne
    09 de setembro de 2013 - 22:27

    Eu? *o* Sou eu mesma? XD
    <3 <3 <3
    Nem cheguei a comprar máscara para cílios no Japão =( Fiquei super curiosa para experimentar a Lashionista, mas como boa brasileira que sou uso a Colossal XD
    A parte dos batons deve ser mágica!!! Seria a minha preferida também.

    • Lia
      11 de setembro de 2013 - 00:09

      Anne em 09 de setembro de 2013 às 22:27 disse:

      Eu? *o* Sou eu mesma? XD
      <3 <3 <3
      Nem cheguei a comprar máscara para cílios no Japão =( Fiquei super curiosa para experimentar a Lashionista, mas como boa brasileira que sou uso a Colossal XD
      A parte dos batons deve ser mágica!!! Seria a minha preferida também.

      Claro q é vc minha japa girl!!!! kkkk
      A Lashionista foi feita pra cilios das orientais q geralmente sao curtos e retinhos!

  12. Carina Mello
    09 de setembro de 2013 - 22:32

    Ai lia , muito lindo mesmo ! Sonho !Única coisa, por que as blogueiras tem essa mania “americaninha” de chamar rímel de mascara?

    • Mari
      10 de setembro de 2013 - 09:48

      Carina Mello em 09 de setembro de 2013 às 22:32 disse:

      Ai lia , muito lindo mesmo ! Sonho !Única coisa, por que as blogueiras tem essa mania “americaninha” de chamar rímel de mascara?

      Eu não sou a Lia rsrs, mas é q rímel na verdade é marca (olha o site deles http://us.rimmellondon.com/homepage/homepage-us). É como chamar palha de aço de Bom Bril, lâmina de barbear de Gillette, etc etc. Nesse post, por exemplo, como a Lia foi visitar a Maybelline, ela não ia falar a marca da concorrência rs.
      Mas eu acho bem estranho a gente chamar de rímel aqui no Brasil, sendo q essa marca nem vende aqui… Eu fico pensando se já vendeu mto tempo atrás, por isso q o nome pegou.

    • Lia
      11 de setembro de 2013 - 00:06

      Carina Mello em 09 de setembro de 2013 às 22:32 disse:

      Ai lia , muito lindo mesmo ! Sonho !Única coisa, por que as blogueiras tem essa mania “americaninha” de chamar rímel de mascara?

      Carina, as duas formas estão corretas, apesar de como a Mari explicou abaixo, Rimel vem da marca Rimmel! MAs é considerada pelo dicionário como correta, só que acho que o que acontece é que nenhuma das outras 1928198328382 marcas querem usar rimel e “impoem” o uso de “mascara” falando assim nas embalagens e propagandas rs

  13. Lisiane
    09 de setembro de 2013 - 22:37

    Nossa, adorei. Muito interessante ver que é tudo pensadinho pras consumidoras.
    Mas como tenho o olho alergico, sempre que uso mascara dia seguinte sinto um incomodo, é leve, mas impede o uso diário. Isso me fez pensar no resultado de passar pó de carvão nos olhos!

  14. Sylvia
    09 de setembro de 2013 - 22:40

    Adoro ver coisas antigas, principalmente quando são bem diferentes das versões atuais (filha de profª de história é assim! rs). Fiquei encantada com a ideia de que praticamente 100 anos atrás as mulheres usavam aquela escovinha + ‘bastão’ de cor para enfeitarem os cílios. Obrigada sr. T.L. William pela invenção maravilhosa, haja criatividade! heheh <3

    Voltando para os dias de hoje… Acho que as mulheres que trabalham nesse laboratório devem se divertir muito misturando tanta cor! Imagina só criar sua cor favorita e ver todo mundo usando depois. *-*

  15. Juliana Sena
    09 de setembro de 2013 - 23:51

    Que demais visitar a Maybelline. Adoro a marca e só uso as máscaras deles ultimamente.
    A fábrica pareceu meio bagunçadinha, é isso mesmo ou foi impressão?

  16. Lia
    10 de setembro de 2013 - 00:58

    Teste

  17. Rossana Baptista Queiroz
    10 de setembro de 2013 - 01:07

    Que dez essa visita, né? Adorei o post. Gosto bastante da Maybelline, e não sabia que ela era tão antiga.. e que tudo começou com uma mistura tão inusitada hehe :) Muito tri.. Eu agora estou aqui do ladinho de New Jersey (no estado vizinho, Pennsylvania).. :) Adorei a cobertura das aventuras em NY, tu sempre dás dicas muito legais, e curti demais saber que minha blogueira favorita estava na área, hihi

  18. Mari
    10 de setembro de 2013 - 09:43

    Imagina a bagunça na cara pra passar a escovinha com carvão nos cílios hehehe
    Mas eu adoooro tbm ver essas coisas antigas!

    • Lia
      11 de setembro de 2013 - 00:11

      Mari em 10 de setembro de 2013 às 9:43 disse:

      Imagina a bagunça na cara pra passar a escovinha com carvão nos cílios hehehe
      Mas eu adoooro tbm ver essas coisas antigas!

      Apenas imagine PARA REMOVER essa gororoba! hahahaha mas é muito lindo né? Queria ver todas maquiagens precursoras!

  19. Melissa
    10 de setembro de 2013 - 11:08

    Pena que fazem testes em animais. Não dá para usar.

  20. Kah
    10 de setembro de 2013 - 11:13

    Emprego dos sonhos!! Melhor que isso só experimentadora de comida (se é que isso existe… #gordices)
    Eu amo a Maybelline e sempre que vou comprar qualquer item de make é minha primeira opção. Especialmente rímel e batom que uso SÓ dela.

    • Lia
      11 de setembro de 2013 - 00:07

      Kah em 10 de setembro de 2013 às 11:13 disse:

      Emprego dos sonhos!! Melhor que isso só experimentadora de comida (se é que isso existe… #gordices)
      Eu amo a Maybelline e sempre que vou comprar qualquer item de make é minha primeira opção. Especialmente rímel e batom que uso SÓ dela.

      HAHAHAHAHAHAHA Ammooo, já pensou vc ser experimentadora de chocolates? Aff bom demais

  21. Thamiris
    10 de setembro de 2013 - 11:14

    Ahh too contando os dias pra minha ida a NY… felizz da vida com isso!!! Vendo o post acabei caindo na “tentação ebay” e comprei uma mascara da Hello Kitty!!!
    Bjuuuu

    • Lia
      11 de setembro de 2013 - 00:08

      Thamiris em 10 de setembro de 2013 às 11:14 disse:

      Ahh too contando os dias pra minha ida a NY… felizz da vida com isso!!! Vendo o post acabei caindo na “tentação ebay” e comprei uma mascara da Hello Kitty!!!
      Bjuuuu

      HAhahaha amooo! Espero que goste da mascara!!! Ale´m de linda elas sao boas!

  22. Paula
    10 de setembro de 2013 - 16:18

    Os animais nos quais eles fazem os testes eles não mostraram não, né??!

  23. Lívia Santana
    10 de setembro de 2013 - 16:39

    Deve ser incrivel ver a produção de produtos que vc é tãoo acostumada a usar, as meninas de química devem ficar loucas com um post desse hehe. Fiquei curiosa pra ver o efeito das mascaras japonesas. Pena que a Maybelline testa em animais, tenho alguns produtos que adoro, mas fiquei decepcionada quando soube.

  24. Gih
    10 de setembro de 2013 - 16:45

    Lia eu só fico horrorizada de saber que uma marca que vem de um grupo tão grande como a L’oreal ainda testam seus produtos em animais (todas as marcas da L’oreal testam!).
    Isso eles não mostram pra ninguém né!! A crueldade que os bichinhos sofrem.
    Como consumidora consciente eu nunca mais comprei os produtos da marca, demorei.. faz só dois anos que comecei a pesquisar qual marca não testava para poder comprar, tive que me desapegar de muita coisa que gostava mas acho importante as pessoas tomarem uma atitude para fazer o bem.
    Kisses

    • Lia
      11 de setembro de 2013 - 00:10

      Gih em 10 de setembro de 2013 às 16:45 disse:

      Lia eu só fico horrorizada de saber que uma marca que vem de um grupo tão grande como a L’oreal ainda testam seus produtos em animais (todas as marcas da L’oreal testam!).
      Isso eles não mostram pra ninguém né!! A crueldade que os bichinhos sofrem.
      Como consumidora consciente eu nunca mais comprei os produtos da marca, demorei.. faz só dois anos que comecei a pesquisar qual marca não testava para poder comprar, tive que me desapegar de muita coisa que gostava mas acho importante as pessoas tomarem uma atitude para fazer o bem.
      Kisses

      Gih, tudo bem?! Acho importante ler o posicionamento da marca sobre esse assunto:

      Posicionamento da L’Oréal sobre testes em animais

      A L’Oréal é pioneira na busca e pesquisa de métodos alternativos que acabem com a necessidade de testes em animais. Temos usado avançados modelos em computador e peles reconstruídas em nossos laboratórios como alternativas eficientes, métodos que, inclusive, são aceitos e utilizados por empresas cosméticas e de outros setores.

      Desde 1989, não testamos mais nossos produtos acabados em animais, mas como a segurança dos nossos consumidores é essencial, para garantir que não haja nenhum possível efeito adverso com o uso dos nossos produtos, como a possibilidade de um ingrediente causar alergia na pele, ainda há uma mínima parcela de ingredientes (menos de 1%) que precisam ser testados em animais (apenas em ratos de laboratório).

      Mas a L’Oréal está totalmente comprometida em continuar desenvolvendo outros métodos alternativos, aprovados cientificamente, que permitam acabar de vez com todos os testes em animais.

      Caso queira mais informações, acesse: http://answers.loreal.com/animaltesting/en/

  25. Gih
    10 de setembro de 2013 - 16:48

    Gih em 10 de setembro de 2013 às 16:45 disse:

    Lia eu só fico horrorizada de saber que uma marca que vem de um grupo tão grande como a L’oreal ainda testam seus produtos em animais (todas as marcas da L’oreal testam!).
    Isso eles não mostram pra ninguém né!! A crueldade que os bichinhos sofrem.
    Como consumidora consciente eu nunca mais comprei os produtos da marca, demorei.. faz só dois anos que comecei a pesquisar qual marca não testava para poder comprar, tive que me desapegar de muita coisa que gostava mas acho importante as pessoas tomarem uma atitude para fazer o bem.
    Kisses

    E fico mais indignada ainda quando uma marca diz que não faz testes mas o PETA mostra a marca lá na listinha de maltrato contra os animais.

  26. Pamela
    10 de setembro de 2013 - 16:52

    Xente, quer fizer que a Maybelline foi a inventora do rímel?? Adoro posts com informações assim :D

  27. Jessica Berger
    10 de setembro de 2013 - 17:08

    A próxima pessoa que me chamar de louca por cursar química vou mandar ler esse post kkkkk não tem nada mais legal que trabalhar num laboratório, de cosméticos então…

  28. Natália
    10 de setembro de 2013 - 20:41

    Lia, fique muito feliz com esse post! É muito bom saber que há consumidoras que apreciam aqueles que produzem a maquiagem! Sonho em cursar química ano que vem e trabalhar na área de cosméticos! Seu post me inspirou, então estou indo estudar! Beijos!

    • Lia
      11 de setembro de 2013 - 00:04

      Natália em 10 de setembro de 2013 às 20:41 disse:

      Lia, fique muito feliz com esse post! É muito bom saber que há consumidoras que apreciam aqueles que produzem a maquiagem! Sonho em cursar química ano que vem e trabalhar na área de cosméticos! Seu post me inspirou, então estou indo estudar! Beijos!

      Ebaaa, vai estudar e volta daqui a uns anos me convidando pra ir ver seu trabalho! Combinado? rs

  29. Indira
    11 de setembro de 2013 - 12:30

    Lia!!!Eu amo a cat eyes, mas fiquei louca por essa lashionista!!! Beijos

  30. Thaís
    11 de setembro de 2013 - 20:11

    Não dá vontade de brincar com essas misturinhas coloridas?

  31. fê loverox
    12 de setembro de 2013 - 01:02

    Incrível, tava ansiosa por esse post! hahah Queria só saber mais das bases, dos tipos de pele mundo à fora! Fica pra próxima visita <3

  32. Gih
    12 de setembro de 2013 - 12:08

    Lia em 11 de setembro de 2013 às 0:10 disse:

    Gih em 10 de setembro de 2013 às 16:45 disse:

    Lia eu só fico horrorizada de saber que uma marca que vem de um grupo tão grande como a L’oreal ainda testam seus produtos em animais (todas as marcas da L’oreal testam!).
    Isso eles não mostram pra ninguém né!! A crueldade que os bichinhos sofrem.
    Como consumidora consciente eu nunca mais comprei os produtos da marca, demorei.. faz só dois anos que comecei a pesquisar qual marca não testava para poder comprar, tive que me desapegar de muita coisa que gostava mas acho importante as pessoas tomarem uma atitude para fazer o bem.
    Kisses

    Gih, tudo bem?! Acho importante ler o posicionamento da marca sobre esse assunto:

    Posicionamento da L’Oréal sobre testes em animais

    A L’Oréal é pioneira na busca e pesquisa de métodos alternativos que acabem com a necessidade de testes em animais. Temos usado avançados modelos em computador e peles reconstruídas em nossos laboratórios como alternativas eficientes, métodos que, inclusive, são aceitos e utilizados por empresas cosméticas e de outros setores.

    Desde 1989, não testamos mais nossos produtos acabados em animais, mas como a segurança dos nossos consumidores é essencial, para garantir que não haja nenhum possível efeito adverso com o uso dos nossos produtos, como a possibilidade de um ingrediente causar alergia na pele, ainda há uma mínima parcela de ingredientes (menos de 1%) que precisam ser testados em animais (apenas em ratos de laboratório).

    Mas a L’Oréal está totalmente comprometida em continuar desenvolvendo outros métodos alternativos, aprovados cientificamente, que permitam acabar de vez com todos os testes em animais.

    Caso queira mais informações, acesse: http://answers.loreal.com/animaltesting/en/

    Então a marca me respondeu exatamente isso quando perguntei ano passado sobre como era realizado os testes. Mas como outras marcas (inclusive marcas brasileiras) conseguem resultados positivos sem testar em animais? Não é possível que uma marca menor tenha todo esse conhecimento que a L’oreal não consiga realizar perfeitamente sem teste nesse 1% que eles alegam ainda usar.
    Tá na hora de tirar esses testes em animais e valorizar mais a marca.

  33. Carol martins
    12 de setembro de 2013 - 18:53

    pra mim não existem máscaras de cílios melhores do que as da Maybelline, fazem efeitos maravilhosos e não causam rombos ao nosso bolso.

  34. Cibele Porto
    13 de setembro de 2013 - 06:43

    Adorei o post. Sou mto apaixonada pelos produtos da Maybelline. Minha mascara favorita é a The Falsies (embalagem roxa, gordinha com uma renda desenhada. Ha outras versoes dela!) uso muito, ja tive umas 5 e a Mega Plush (embalagem turquesa). As duas tem efeito de volume fantasticos e seguram bem os meus cilios longos! Tbm tenho blush em creme, batons, delineador, esmalte… Acho os produtos de qualidade incrível, sem deixar a desejar se comparados com outras marcas mais famosas. E são produtos de “farmácia”. A The Falsies por exemplo tem o efeito muito parecido com a “Dior Show”. Ja usei as duas e mal se percebe a diferença. Maybelline vale mto a pena!

  35. Bárbara
    15 de setembro de 2013 - 12:15

    Legal conhecer a história do nome da marca. Ai, ai, um sonho conhecer o lugar onde são feitas as maquiagens mais queridinhas das brasileiras.

  36. Jaqueline
    16 de setembro de 2013 - 23:08

    Nossa, que inveja de vc!!! Gente eu queria me jogar nesse lugar :)
    Super interessantes os pigmentos pra fazer base…. Nunca ia imaginar que nas bases poderia ter um “laranja”… Muito legal saber um pouco dessas coisas.

  37. Bianca Sant'anna
    29 de outubro de 2013 - 23:13

    Lia, gostaria de saber se a visita é concebida apenas à convidados, ou se qualquer um que queira fazer a visita basta pagar a entrada e agenda-lá? Estou indo para Nova York em dezembro e gostaria de conhecer o laboratório.

8assista Just Lia TV no youtube9
Outros vídeos
8siga @liacamargo no instagram9