28 de março de 2016 - 08:00
187
Pessoal

Grávida demais?

Eu tinha certeza que ia rolar pelo menos um ~textão~  aqui no blog durante esse período da gravidez, só não sabia que ia ser tão cedo. Já falei aqui antes sobre a liberdade que as pessoas acham que têm em tomar conta do peso dos outros, lembram?

A gravidez é com certeza um período mais delicado e sensível pra mulher. Não só pela própria carga hormonal, mas por todas mudanças, anseios e inseguranças. O lado legal, é que quase todas as pessoas ao redor conseguem captar essa sintonia, vêem uma certa magia na figura da gestante e são mais amáveis que o normal.

Quase todas. E aí, antes de começar a parte polêmica, quero dizer que eu sei, que algumas não fazem por mal. Inclusive amigas e leitoras queridas estão incluídas aí. Mas acho que esse tipo de debate tem que acontecer, pra que quem faz sem querer, passe a enxergar o outro lado da coisa. Ficar calada diante de algo que a gente não acha certo, não traz evolução.

Os comentários chatos que eu tenho recebido são sempre à respeito do tamanho da barriga. Porque não basta que nós mulheres sejamos medidas a vida inteira, é claro que a vigia continuaria nessa fase, não?!

A vida toda: a bunda não é grande o suficiente, a barriga não é chapada o suficiente, o cabelo não é liso o suficiente, a perna não é fina o suficiente, a pele não é bronzeada o suficiente… Tem gente que parece que já te olha com a fita métrica na mão! É uma constante pressão em um ideal de beleza inventado que esgota a gente. A novidade é que agora aparentemente minha barriga é grande demais pra uma grávida de 15 semanas.

MINHA BARRIGA. MINHA.

Parece que existe uma convenção de pessoas inconvenientes que definiu o tamanho perfeito da barriga da grávida. Nem grande nem pequena demais, eles dizem. Porque se a barriga não aparecer em determinado mês, também é um problema pra essas pessoas.

Ontem eu recebi um comentário assim: “Lia, ou você está fazendo a contagem de semanas errado ou tem dois bebês aí”. Esse foi só um de vários, viu?! Amigas minhas perguntando se eu tinha certeza que não eram dois. Claro querida, eu pedi pro outro bebê se esconder nos ultrassons pra surpreender o pai. Em agosto, durante o parto, vou gritar SURPRESA e contar que são gêmeos, bora dobrar o enxoval. kkkk

Se eu fosse escrever um manual de bom senso, acho que a regra seria: a pergunta que você vai fazer vai deixar a grávida sem ter o que responder? Então não a faça.

Esse tipo de comentário é completamente infundado, cada mulher é de um jeito, portanto as barrigas e úteros são diferentes. E digo mais, nessa fase, não tem nada a ver com o tamanho do bebê. “Seu bebê vai ser grandão, né?” – Amiga, você é vidente ou veio do futuro? Isso aí o médico me conta no último trimestre. Parem de comparar mulheres. Aliás, um apelo ainda mais importante: mulheres, parem de comparar mulheres, tenham mais empatia.

Criar praticamente “do nada” um ser humano por 9 meses dentro da gente, é uma coisa muito doida que as vezes nem parece real. A única coisa ~material~ que eu tenho pra viver esse sonho enquanto o bebê não chega, é minha barriga. E ela está linda, eu me apaixono pelo meu bebê todo dia por causa dela. Exibo orgulhosa, coloco roupas justas, nela recebo o carinho do meu marido, boto a mão segurando pras fotos, empino mesmo!

Falo por mim e por outras grávidas que não precisamos de qualquer comentário que possa gerar repressão insegurança a respeito de “estar grávida demais” ou “não estar grávida o suficiente”. Tá entendido?

barriga-gravidez

>> Escrevi esse texto e tirei essa foto há duas semanas, mas fiquei na dúvida devia ou não postar esse post. Estou atualmente com 17 semanas… mas os comentários continuam… :P

PS: Gente, “barriga grande linda” é diferente de “tá esperando gêmeos?” viu? Não se preocupem! ♥

Post Anterior
Top 5 - Clutches ou bolsas de festa
Próximo Post
Tendência: Cinto de conchos
...Comentarios...
187 Comentários

Para usar avatar, cadastre-se com seu email em gravatar.com
  1. Andrea
    28 de março de 2016 - 08:51

    Lia, curta sua barriga e desencane! Quando fiquei gravida, aproveitei ao máximo pra usar blusas que a barriga aparecesse pois esse momento valia muito a pena. Tenho um menino lindo chamado Lucas e você vai ver o quanto são legais os meninos também. Me desapeguei do lado girlie pra viver a onda dos super heróis! E pensando pelo lado bom, não precisamos dividir com ninguém nossas bolsas e sapatos! Beijos

  2. Camila Santos
    28 de março de 2016 - 08:52

    Lia, adorei o texto! Não entendo porque as pessoas acham que devem dar tantos palpites, se não tiver nada bom pra dizer, melhor não falar nada, né? enfim, eu acho que você está ainda mais bonita que antes e confesso que adoro as fotos de looks mais justinhos com a mão na barriga, muito charme! beijo!

  3. janaina
    28 de março de 2016 - 08:55

    Perfeito Lia!!! estou de 31 semanas, e tive que ouvir esses mesmos comentários desde a 10semana +-. Me incomodou bastante no inicio, mas agora nem ligo mais!!!! Eu e minha irma estamos gravidas juntas, com apenas 2 semanas de diferenca, e temos corpos diferentes e eu espero uma menina e ela um menino…. as 2 estao barrigudas, porem com formatos diferentes desde o inicio! O que importa é vc estar feliz com vc mesma, receber o amor das pessoas que te amam e estão ao seu lado e esses comentários ridiculos vão ficando cada vez mais insignificantes, vc vai ver!!!!! Curta muito a barrigona, logo seu baby vai começar a mexer e vc vai ver como é maravilhoso!!! Super beijo de uma mamae tbm bem barriguda! S2

  4. Vanessa Bolzan
    28 de março de 2016 - 08:57

    Lia, sua linda! Te entendo perfeitamente! Tenho três filhos e ouvi muitos comentários infelizes… sim, minhas barrigas foram grandes (e foram mesmo), mas foram minhas e foram LINDAS. Adorei cada uma delas e exibi o quanto pude, minhas barrigas foram exatamente como EU sempre quis. E ponto final. Você está linda, sua barriga está linda, seu bebê está saudável e você e o Dani estão mais do que felizes! Isso é o que importa! Beijos!

  5. Natalie Furlan
    28 de março de 2016 - 09:02

    O povo é MUITOOOOOO sem noção. Não sei como vc tem paciência. Por essas coisas que nunca pensei em virar uma pessoa pública. Vc está maravilhosa, com barriga, sem barriga….Bjs

  6. Camila Farias Harsche
    28 de março de 2016 - 09:02

    Nossa Lia, você arrasou no texto, eu passo pela mesma situação. Estou com 16 semanas e minha barriga ja começou a aparecer com 6 semanas. E desde então praticamente todos ao meu redor ficam fazendo comentários assim, Nossa suas contas estão erradas, outros falam que são dois bebês e ainda alguns dizem para eu me controlar porque estou engordando muito. Desde que descobri estar grávida engordei 2 kilos e me cuido bastante com a alimentação para o bebê ser saudável. Acho extremamente desnecessário comentários assim, você conseguiu descrever tudo que sinto com esses comentários!
    Sou muito sua fã, adorei o texto!

  7. Lola Carneiro
    28 de março de 2016 - 09:07

    Sensacional. Desde que você esteja se sentindo bem, todos ao redor também deveriam se sentir assim. Precisamos mudar essa cultura de que a opinião dos outros sobre nossos corpos importa ou deve ser externada, principalmente quando não ajuda em nada.
    De toda forma, a barriga está linda! =)

  8. kelly
    28 de março de 2016 - 09:13

    Isso aí Lia, isso é consequência de uma sociedade padronizada onde o diferente pode as vezes assustar algumas pessoas.Muito legal vc , como formadora de opinião, chamar atenção para o fato de que não temos que ser iguais, somos únicas, imperfeitas sem deixarmos de ser felizes!! Parabéns pelo seu bebê e pela “sua barriga” que está linda por sinal. Bjs.

  9. Mariana Almeida
    28 de março de 2016 - 09:16

    As pessoas são esquisitas mesmo. Tô de 27 semanas e vivo ouvindo pérolas sobre o tamanho da minha. O que mais incomoda é ouvir isso de gente que nunca te viu antes. Que não tem a menor intimidade, aff. Ainda bem que não estou mega sensível, mas que é chato é chato.

  10. Luana Mendes
    28 de março de 2016 - 09:28

    E essa mania que o povo tem de achar que grávida é patrimônio público e todo mundo pode dar pitaco? Pelo amor! Lia, você está linda e sua barriga mais linda ainda! Que preguiça dessa gente, já temos que lidar coma chatice do corpo perfeito a vida toda, um momento tão especial como a gravidez devia despertar, no mínimo, um pouco mais de empatia e delicadeza. Beijos pra você e pra seu lindo milagre! :)

  11. Glau
    28 de março de 2016 - 09:30

    Lia, sei que é difícil aguentar essa chateação, mas tenta se blindar dessas pessoas, pq pessoas sem noção existirão sempre! Ainda mais com grávidas! As pessoas acham que tem direito de opinar, de criticar, dar palpites… Realmente insuportável!! Não sei se vc já leu esse texto: http://vida-estilo.estadao.com.br/blogs/ruth-manus/por-favor-deixem-as-gravidas-em-paz/
    bjinhos, fique em paz e muita saúde pro seu menininho!

  12. Flávia Assunção
    28 de março de 2016 - 09:32

    Parabéns pela gravidez Lia!!Muito amor pra vocês!!
    Deve ser bem complicado lidar com esse tipo de comentário invasivo diariamente, mas acho que você está tirando de letra.
    O blog que tem muitas dicas bacanas sobre diversos assuntos também da dicas valiosas de educação!
    Abraços!

  13. Ana Teles
    28 de março de 2016 - 09:40

    Olha, estou grávida de gêmeos, com 6 meses.
    Você não tem noção dos absurdos q ouço. Pessoas q eu considerava amigas dizem que vão nascer antes do esperado (É 50% de chance realmente, mas gente, 50% tbm de pensamento positivo, não é mesmo? Isso NÃO é levado em conta). Antes por serem gêmeos a barriga tava grande (com 4 meses), mas agora com quase 6 está pequena… Outro dia falaram assim: Nossa, que barriga grande, tá de 4 meses? Não, quase 6… Ahhhhhhhhh… então tá pequena, tem dois mesmo aí dentro?
    Sabe o mais engraçado? Muitas vezes são mães que falam isso, conheço uma moça que acabou de ter filho e é campeã de falar besteiras comigo. Aqui no trabalho outro dia, uma pessoa que nunca me deu mais que um bom dia pegou minha mão e falou q eu tava inchada que era melhor procurar meu médico. OI? Quem disse isso pra você? QUEM é você pra fazer isso? Sério, esse dia quis morrer… Detalhe, não tinha nada de errado. É que sou bem irônica quando fazem esses comentários, então tento ser sutil, senão pirava…

    Pelo amor de Deus, no começo me sentia muito mal, mal mesmo. Parecia que tava tudo errado, sabe? Mas se serve de conselho, passe com um médico de muita confiança, o meu toda vez q vou lá conversamos bastante e ele é realista. Tenho o celular dele e qualquer coisa mando msg, ele me responde sempre com uma palavra tranquilizadora…

    Mas sério mesmo? Não liga pra nada disso, sabemos que é mto difícil, mas é o melhor a se fazer. Só digo uma coisa, se eu conseguir chegar até o final sem dar um soco na cara de alguém, já ficarei feliz e vou pro ceu. kkkkk

    Isso que nem comentei as asneiras por serem gêmeos, claro…
    Pessoas que dizem: Nossa, gêmeos? Cê tá perdida, nunca mais vai dormir na sua vida… OU Gêmeos? Meu Deus, que dó, pq foi fazer isso? Se eu pudesse nunca ia escolher…

    Oiiiiiiiiiiiiii? kkkk

    Como diz meu médico, tem q entrar por um ouvido e sair pelo outro.

    • Lia
      28 de março de 2016 - 11:32

      Ana Teles em 28 de março de 2016 às 9:40 disse:

      Olha, estou grávida de gêmeos, com 6 meses.
      Você não tem noção dos absurdos q ouço. Pessoas q eu considerava amigas dizem que vão nascer antes do esperado (É 50% de chance realmente, mas gente, 50% tbm de pensamento positivo, não é mesmo? Isso NÃO é levado em conta). Antes por serem gêmeos a barriga tava grande (com 4 meses), mas agora com quase 6 está pequena… Outro dia falaram assim: Nossa, que barriga grande, tá de 4 meses? Não, quase 6… Ahhhhhhhhh… então tá pequena, tem dois mesmo aí dentro?
      Sabe o mais engraçado? Muitas vezes são mães que falam isso, conheço uma moça que acabou de ter filho e é campeã de falar besteiras comigo. Aqui no trabalho outro dia, uma pessoa que nunca me deu mais que um bom dia pegou minha mão e falou q eu tava inchada que era melhor procurar meu médico. OI? Quem disse isso pra você? QUEM é você pra fazer isso? Sério, esse dia quis morrer… Detalhe, não tinha nada de errado. É que sou bem irônica quando fazem esses comentários, então tento ser sutil, senão pirava…

      Pelo amor de Deus, no começo me sentia muito mal, mal mesmo. Parecia que tava tudo errado, sabe? Mas se serve de conselho, passe com um médico de muita confiança, o meu toda vez q vou lá conversamos bastante e ele é realista. Tenho o celular dele e qualquer coisa mando msg, ele me responde sempre com uma palavra tranquilizadora…

      Mas sério mesmo? Não liga pra nada disso, sabemos que é mto difícil, mas é o melhor a se fazer. Só digo uma coisa, se eu conseguir chegar até o final sem dar um soco na cara de alguém, já ficarei feliz e vou pro ceu. kkkkk

      Isso que nem comentei as asneiras por serem gêmeos, claro…
      Pessoas que dizem: Nossa, gêmeos? Cê tá perdida, nunca mais vai dormir na sua vida… OU Gêmeos? Meu Deus, que dó, pq foi fazer isso? Se eu pudesse nunca ia escolher…

      Oiiiiiiiiiiiiii? kkkk

      Como diz meu médico, tem q entrar por um ouvido e sair pelo outro.

      Ane, você ouve besteira DOBRADO com certeza, porque além de tudo, as pessoas não entendem nada sobre a gestação gemelar. Aí junta a vontade de dar palpite com a ignorância absoluta!!!
      Eu acho que a gente não pode realmente guardar o rancor quando um comentário irrita, mas também não precisa ser totalmente passiva sabe?! Senão a pessoa desagradável não vai aprender nada. kkkk Adoro educar gente tosca!

      Fica bem, que benção essa de ter gemêos!!! Muito mágico!

  14. Paula Motta
    28 de março de 2016 - 09:41

    Lia vc tá tão liinda gravidissima *–*, e me deixa “feliz” te ver fazendo esse post ~bronca~, gosto de te ver gente como a gente, fortalece ainda mais o carinho e vínculo que me fazem abrir o blog todo dia.

    Desabafo: Por esse tipo de comentário que tenho me cansado cada vez mais das redes sociais, ninguém se preocupa com nosso bem estar, tenho a impressão que a “inveja” da felicidade do outro é maior que a empatia .. Passei e ainda passo por isso, pq emagreci visivelmente, obvio que me sinto mais bonita, confiante e etc, mas não foi esse o principal motivo. Das pessoas que vieram me falar “tá mais bonita agora!” (urgh), nenhuma se interessou em saber que meu colesterol tava alterado, os hormônios da tireoide tbm, descobri erro na curva glicêmica, entre outras coisinhas silenciosas que se não descobrisse agora, mais tarde as consequências seriam piores!

  15. Leticia Slemer
    28 de março de 2016 - 09:46

    O mais triste é que são justamente mulheres que fazem esses comentários. As mesmas que passam a vida sendo chatamente julgadas assim são as que mais querem dizer essas coisas.
    Mas Lia, oblitere – não é como o seu corpo se mostra que vale, mas milagre que você está carregando dentro dele.
    Trabalhei com uma mulher que a barriga apareceu apenas faltando 6 semanas para o parto (ela brincou a gravidez toda de “é bebe ou hamburger?” pq tinham pessoas assim como as que estão te incomodando perto dela).

    O que importa é se você está bem e feliz. E se o bebê está bem.
    O resto, é resto. Bjs

  16. Cris
    28 de março de 2016 - 09:53

    Passei por isso, exatamente a mesma coisa! Com 12 semanas já tinha uma barriga bem aparente e todo mundo falava a mesma coisa! E minha bebê nasceu com 3050 gr, não era nenhum bebe dinossauro gigante. É um saco mesmo. Eu respondia. Tá grande? Tá mesmo, e isso pq eu me cuido, imagina quando for sua vez? kkk Aí o povo dá um tempo!
    bju

  17. Luiza
    28 de março de 2016 - 09:54

    Lia,
    Te adoro muito. Sério te acompanho a mil anos e preciso deixar a minha opinião.

    Certas pessoas poderiam simplesmente calar a boca e guardar os pensamentos para eles mesmos. POREM, vc é pessoa publica (assim considero, tenho certeza que vários aspectos da sua vida você guarda para você mesmo mas a partir do momento que vc abre sua vida para COMENTARIOS (literalmente) vc vai ouvir (ler)). Você decidiu mostrar sua gravidez (com muito carinho é claro) e isso abre margem para outras opiniões (como eu disse muita gente poderia calar a boca mas…) Eu também achei sua barriga bem grande para 15 semanas. Sim, achei. Nada errado com isso. Não comentei nada por que DANE-SE a minha opinião. Já tive amigas gravidas o suficiente para saber que o que mais irrita uma mulher grávida é a galera colocando a mão na sua barriga sem te pedir antes (calma isso vai rolar ainda lol) e gente dando opinião sem ser solicitado… Mas essa sou eu! Não podemos também EXIGIR que todos pensem como nós pensamos.

    Você estando grávida ou não vai ter gente te pentelhando…

    Não tiro sua razão de fazer o post afinal o nome é JUST LIA e você faz o que quiser ;)

    Mas não deixa a acidez das pessoas te influenciar e fazer você se sentir mal.

    Você está linda o bebe tá saudavel e é só o que importa ;)

  18. Pâmela Oliveira
    28 de março de 2016 - 09:54

    Parabéns pelo belo post. Arrasou! Muito coerente as suas palavras. O que mais me chateada é pensar que, na maioria das vezes, esses julgamentos e comentários “a a bunda não é grande o suficiente… etc” vem de outras mulheres que são seres humanos iguais a nós e que não são perfeitas também. Poxa! Mulheres! A gente deveria ser mais amigas umas das outras… nos unir… como a maioria das amizades entre homens. O mundo inteiro já é bem cruel com nós… e nós vamos continuar sendo cruéis com nossas amigas e outras mulheres ao invés de tentar amenizar isso. Sonho com o dia que isto irá mudar. Que as amizades femininas serão mais reais e menos cruéis. Um grande beijo e você está linda!

  19. Alline
    28 de março de 2016 - 09:56

    Sério que ainda têm gente tão sem noção que fala, ou pior pensa isso?
    Olha o bom senso é mesmo uma dádiva.
    Lia você está maravilhosa! E que eu entenda você já passou de 4 meses?
    Gente têm um bebê aí dentro de você! O que as pessoas esperavam? Que ele viria no Sedex hehehe
    A unica coisa que me chateia, é que são as mulheres quem julgam umas as outras. Pq homem, não entende nada desse lance, e quanto mais barriga a grávida tiver melhor hehehe.

  20. Lívia Picelli
    28 de março de 2016 - 09:58

    Não acredito que falaram isso pra ti, Lia! Mancada ao cubo!
    Esse tipo de coisa não se fala, nunca! É como se estivesse tentando estragar o momento mais mágico da vida de uma mulher, pelo menos pra mim.
    Eu tenho passado por isso (mas no caso remete àquele post sobre a balança, que é um dos meus preferidos). A família do meu namorado tem falado um monte de coisa sobre o meu peso, meu cabelo, e isso me deixa muito para baixo sabe? Eu fico muito desanimada quando falam sobre coisas que não dizem respeito a ninguém além de mim.
    O mais importante é que você e o baby estão bem e cada dia mais lindos, e isso que realmente importa!
    Um beijo :*

  21. Bianca
    28 de março de 2016 - 10:04

    Olha, eu tento sempre pensar pelo lado cultural da coisa: somos o espelho de uma sociedade limitada a não andar pra frente! rs Eu, Bianca, evito em qualquer hipótese falar de gravidez com uma mulher grávida! Até porque eu fico imaginando se fosse comigo, a pessoa me encontra e pergunta da gravidez, ai depois de um tempo essa pessoa me encontra de novo e me pergunta da gravidez! Poha, não tem mais nada pra perguntar não!? rsrsrs Tudo bem que é uma coisa linda o fato de você ser capaz de gerar vida e tudo mais, mas pow, me pergunta daquela planta que tá ali com uma borboleta pousada… Qualquer coisa rsrs

    Tem coisas que eu presto atenção, como esses posts relacionados ao assunto e outras eu simplesmente deixo entrar um ouvido e sair pelo outro. Isso eu não estando grávida heim kkkkkk’ E sobre os comentários das pessoas eu pensaria “Mais um!!!”

    Você está linda, e só quem precisa achar isso é você e seu marido! Pronto :D Um beijão!!

  22. Jessica
    28 de março de 2016 - 10:08

    Oi Lia, nunca comentei nada no seu blog e redes sociais. Mas achei esse post mto legal…. ri muito da parte do SURPRESA hahahah. Você está ainda mais linda!!!

  23. Leticia
    28 de março de 2016 - 10:08

    É por esse tipo de post que acompanho seu blog há anoooos. Falou e disse, mais empatia no mundo por favor, né?
    Vc está linda como sempre! Pode ter certeza que pra cada comentário bobo desse tem mais um montão de leitores quietinhos te mandando um monte de coisas boas :*

  24. Mariana
    28 de março de 2016 - 10:14

    Lia, eu tenho um Bb de quase 5 meses e ouvi muitos comentários na gravidez… Q a barriga era pequena , depois que era grande,… Aí te perguntam sobre o parto, se vc diz normal a pessoa fala ” nossa mas pra que sofrer a tecnologia tá aí “, se vc fala cesárea ” mas vc não se informou ? Vc não ama seu Bb ? Cesárea eh perigosa”. Fora o fato de pessoas q eu não tinha intimidade nenhuma quererem passar a mao na minha barriga… Eu ficava tão sem graça! infelizmente te digo q os comentários continuam depois q p Bb nasce. Muito colo? Vai deixar ele mimado. bb magrinho? Coitado tá passando fome. Bb gordinho? Coitado será obeso… As pessoas estão cruéis, é uma competição absurda pra ver q mãe é melhor, q Bb desenvolve mais rápido… Isso é triste pq deveria ser uma comunidade unida uma troca d informações… Esse tipo d situação chateia e com vc a coisa eh ainda maior devido ao seu trabalho. Mas aos poucos vc vai abstraindo e esse tipo d coisa se tornará irrelevante diante do momento lindo q vc está vivendo. Aproveite, curta cada segundo. É clichê… Mas realmente passa tão rápido! Vc sentirá saudade de tudo, da barriga, do Bb mexendo, depois do seu Bb recem nascido… Eh tudo muito intenso e transformador. Ser mãe é o meu papel preferido, eu demorei 6 anos pra engravidar e engravidei depois de uma fertilização… E é emocionante e lindo ver como a gravidez realça o q há d mais lindo na pessoa. Vc já era linda agora está radiante… Vc passa nos vídeos a emoção q está sentindo… o êxtase mesmo. Essas situações são chatas? Muito. Mas não deixe isso afetar esse momento tão mágico… Desejo muiiiiita saúde pro seu Bb q sua gravidez seja tranquila e q vc curta demais esse momento! Ter um filho vira nossa vida d cabeça pra baixo. Mas tb dá um sentido matavilhoso a ela. Ah!! Tem um canal no YouTube q chama meu Bb. Tem vídeos curtinhos sobre a gravidez e cuidados com o Bb recem nascido … Eh bem legal!! Super beijo !!

  25. Milene Toda
    28 de março de 2016 - 10:17

    Lia, quando eu li esse post, minha primeira reação foi rir!
    Sério, não sei se é mais cômico ou triste, é absolutamente ridículo que pessoas fiquem dando esse tipo de opinião inconveniente. (A capinha do “Não pedi sua opinião” nunca teve um timing tão bom haha)
    Adoro sua atitude <3
    Um grande abraço!
    Mi

  26. Karen dos Santos Araujo
    28 de março de 2016 - 10:19

    Até uns anos atrás eu fazia comentários tipo esse de forma positiva, um “nossa, sua barriga já tá grandona, etc”. Achava que estava agradando, que toda grávida quer ouvir isso. Então uma conhecida me falou que isso é cagar regra porque nem toda barriga fica grande, nem toda mãe tá a fim de ouvir que “diferente de 90% das gravidas, sua barriga tá maior nessa etapa”, que isso só adiciona estresse e cobrança que ela não precisava. Eis minha decisão, só falo que tá linda, com brilho e é isso, já é um período complicado demais e eu não quero contribuir na cobrança dos estranhos, só que ela se sintam queridas.

  27. Alessandra
    28 de março de 2016 - 10:20

    A minha barriga de grávida só foi aparecer com 8 meses. Então era uma falação, que devia estar alguma coisa errada com a bebê, que eu tinha que ter uma segunda opinião. E ainda era a primeira criança das duas famílias.

  28. Fernanda Lucena
    28 de março de 2016 - 10:21

    Lia, não liga n! É assim msm, leve na esportiva. Até o 5º mês eu não tinha barriga (de grávida, só de gorda msm) mas perto d o 6º mês a barriga quase explodiu. Eu ouvia de tudo, que eram gêmeos, que ia ser um gigante, que o bb devia tá com sobrepeso… eu nunca dei ouvidos, não vale a pena. Relaxa, extrai dos comentários o que te faz bem e pronto, fim de história.

    Bjoooos

  29. Michele
    28 de março de 2016 - 10:23

    Desnecessário esse tipo de comentário. Voce esta a uma grávida linda e muito elegante por sinal!!! infelizmente esse tipo de comentário acontece com a maioria das mulheres e é uma pena. Textos como esse ajuda a todo mundo se conscientizar e pensar antes de falar

  30. JANAINA PEREIRA DA SILVA
    28 de março de 2016 - 10:29

    Uma pena que leia alguns comentários que não é muito legal de ouvir e também um texto como esse. Uma maneira de dialogar e talvez abrir possibilidades das pessoas pensarem sobre as suas falas. As vezes querem ser simpáticas e acabam falando. Sofro muito com isso na minha família. Sempre existe um.comentário desnecessário para tudo na vida.
    Fiquei bem e feliz. Mil beijos.

  31. Tayne Holtz
    28 de março de 2016 - 10:30

    Sério que até no tamanho da barriga querem dar pitaco?
    Linda, linda e lindaaaaaa

  32. Debora Montes
    28 de março de 2016 - 10:31

    Oi Lia!! Achei ótimo seu texto. As pessoas precisam se tocar sim. Eu ainda não engravidei devido a alguns problemas e a chuva de cobranças por causa disso é muito grande e muito chata. Só a gente sabe o que se passa com a gente e as pessoas precisam aprender a respeitar isso. Você está linda grávida. Não sei se a barriga tá muito grande ou pequena para o período e realmente não me interessa. Se você está feliz e está bem e com saúde, isso é o que realmente importa. Que Deus abençoe sua gravidez e que apesar dessas pessoas, você possa curtir e aproveitar muito esse momento! Beijinhos!

  33. Juliana
    28 de março de 2016 - 10:34

    Lia, minha querida, vc disse uma palavra que resume muito bem seu texto todo: empatia!!! a falta dela!!! isso é uma coisa que falta em tudo no mundo hj em dia, até com as grávidas lindas como vc, período da vida que defeitos não existem e as pessoas teimam em criar. A pessoa simplesmente não se sente feliz pela outra e sente essa necessidade doentia de fazer um comentário indelicado, vc está bem certa em colocar esse post, pq mesmo que com algumas não seja por mal, acho que é bom pensar antes de falar besteira. E vc tá uma grávida linda, tô amando inclusive seus looks de grávida.

  34. Talita Queila
    28 de março de 2016 - 10:39

    Lia você está linda, c uma barriguinha muito linda. Tenho amado seus vídeos nessa nova fase na vida de vocês. Torço para que tudo dê certo. Deus abençoe muito vocês.

  35. leliane
    28 de março de 2016 - 10:40

    Oi Lia, vivo no contrário seu ultimamente. Apesar de ta grávida do segundo filho, com 14 semanas não tenho um pingo de barriga, e engordei só 200gramas, a única coisa que mudou foi os quadris que estão um pouco mais largos, mas nada que faça com que percebam que esteja gravida. E as perguntas mais inconvenientes, são justamente do povo (principalmente parentes, pois sabem da gravidez), me cobrarem por minha barriga crescer, se estou realmente gravida, ou ate se ta tudo bem com o bebê. Realmente vivemos num mundo que precisa de mais amor, precisa pensar mais antes de falar, e precisa principalmente se preocupar cada qual com a sua vida e parar de ficar dando palpites desnecessários na vida alheia.

  36. Mari Medeiros
    28 de março de 2016 - 10:40

    Ah, os comentários, a lingua, a opinião. Que raiva!
    Eu vendo seus snaps e meu marido ouvindo do lado perguntou: e aí, já começaram a encher o saco por ela estar grávida e ter um monte de gato? – ele acompanhou vários snaps da Andreza falando sobre os comentários que ela estava recebendo.
    Muita gente não tem filtro, não tem limite e mais importante: não buscam informação!
    Mas é isso, a barriga é sua, o corpo é seu, você está feliz, está em um processo longo e ao mesmo tempo rápido e sempre acho surreal o corpo da mulher ser capaz de gerar outra vida por dentro, loucura! Tá linda! Teu olhar mudou, teu sorriso também, são tão naturais que é lindo de ver <3

  37. Jake
    28 de março de 2016 - 10:42

    Lia… querida. Releve!
    Isso não acontece só com você! Eu quando tava grávida da Manu ouvi da minha médica em uma consulta que “possivelmente não ouviríamos o coraçãozinho dela porque eu tinha engordado demais”. Resultado? Ela encostou o aparelho na minha barriga e só se ouvia o coração dela forte e rápido. Pareceu um belo tapa na cara pelo comentário infeliz.
    E olha… os comentários não vão ser apenas na gravidez. Vai ser por toda a vida… é um tal de “nasceu pequenininho”, “nasceu muito grande”, “não vai engatinhar logo não?”, “não vai andar não?”, “por que ainda tá amamentando?”, “Por que você parou de amamentar?”, “Cade os dentes”… e blábláblá!
    Como eu disse uma vez, você é a mãe e VOCÊ, só VOCÊ saberá o que é bom pra ele ou não. Não se preocupe… mesmo sendo seu primeiro filho, você sempre saberá!
    Eu tive dois e te falo: as duas vezes foram completamente diferentes. Então não ligue para comparações! ;)

  38. Mariana
    28 de março de 2016 - 10:46

    Resumindo: êta gente doida.

  39. Ayme
    28 de março de 2016 - 10:47

    To chocada, Lia. Não acredito que as pessoas conseguem ser tão desagradáveis assim. Eu sou sua leitora há seis anos e fico muito feliz cada vez que rola uma postagem nova sobre o bebezinho. Você está tão linda, radiante! É uma fase cheia de emoções e acho que o mïnimo que as pessoas deveriam fazer é respeitar a grávida, pararem de dar palpite em tudo e entender que cada mulher é diferente e vai ter uma barriga diferente. Já não basta todos os padrões que vivem querendo que a gente se adeque, pelo amor, deem uma folga! Engraçado que se voce falar alguma coisa ainda tem que ouvir “ain, to falando pra sua saúde, pro bem do bebe”. Puro julgamento disfarçado de preocupaçao. Mas deixa entrar pelo ouvido e sair pelo outro, essas pessoas sem-noçao que encontrem um lote pra carpir e umas batatas pra plantar

  40. Maria Ienke
    28 de março de 2016 - 10:48

    Meu Deus!!! Como eu queria morar em SP para fazer um ensaio bem lindo dessa gestante linda! Eu amo fotografar gestante! <3
    Quanto aos comentários, sempre vão existir… sua barriga está de uma grávida normal, conheço outras que estão no mesmo período com o mesmo tamanho de barriga! Mas isso não importa, mesmo que estivesse maior ou menor, o importante é que tem um serzinho lindo que virá para alegrar nossas vidas! Pois estamos vivendo essa gravidez junto com você! Receba todo nosso amor, Lia! <3

  41. Talita Pigini
    28 de março de 2016 - 10:51

    Já ouvi o contrario quando uma amiga tinha a barriga pequena com 9 meses… Todo mundo perguntando se ela se alimentava direito, se ela sabia que prejudicava o bebê… absurdos, e a coitada ficava mal achando que ela estava fazendo mal pra filhinha dela! Imagina!!! A neném nasceu do tamanho normal e super bem!!!
    As pessoas precisam entender que cada corpo é um, por exemplo, na minha família, apesar de termos o quadril largo, a barriga aponta mega rápido e fica enorme. É o que eu espero pra mim… Quando chegar minha vez ,quero meu barrigão lindo, ou se comigo for ao contrario, ficarei feliz também.
    Ahhh e devo dizer, você esta uma grávida LINDA, amo ver sua barriga nos teus looks!

  42. Lilian
    28 de março de 2016 - 10:53

    Você falou tudo. Passei por isso quando estava grávida da minha Helena. O pessoal perde a noção e faz esses comentários desnecessários….enfim espero que vc curta muita essa fase! Sua barriga ta linda! Beijos

  43. Bárbara
    28 de março de 2016 - 10:54

    Lia, eu sempre digo que a internet tem deixado o povo chato. É muita gente que “sabe tudo”, e por isso se acha no direito de dar palpite, e ser até grosseiro, por conta do mundo virtual.
    Quando minha cunhada estava grávida, mandei um texto pra ela que dizia sobre as situações desagradáveis que as pessoas fazem com as futuras mamães, e a verdade é que o povo acha que barriga de grávida é algo público, mas a verdade é que ali existe uma pessoa, uma mulher e que por sinal está ainda mais sensível por carregar o milagre da vida.
    Desejo do fundo do coração, que esse tipo de comentário não exista mais, nem agora, nem nunca mais e com todas as mulheres, afinal é péssimo ser comparada.
    Felicidades a você e ao Dani, e que o baby venha com muita saúde e traga ainda mais alegria para essa família!

    Ah, o texto que falei é esse…
    http://vida-estilo.estadao.com.br/blogs/ruth-manus/por-favor-deixem-as-gravidas-em-paz/

  44. Joice Laís
    28 de março de 2016 - 10:56

    Post muito válido, adorei! Tenho até vontade de imprimir e entregar um exemplar a cada pessoa que faz um comentário sem noção relacionado à minha gravidez. Eu aparentemente não estou grávida o suficiente pra ter sintomas como vontade de ir ao banheiro a cada 15 minutos, ou azia, ou insônia, ou dores (às vezes bem intensas) nas pernas e no quadril. Me sobe o sangue a cada olhar / comentário do tipo: “Nooooooossaaa, mas já? Imagina quando sua barriga estiver grande!” Aff, preguiça dessa gente, mas os comentários machucam mesmo. A gravidez é um dos momentos mais lindos que uma mulher pode viver, independente do tamanho ou formato das barrigas, da agressividade (ou não) dos sintomas. Além do mais, cada gravidez é única! Vamos viver esse momento em paz pensando nos nossos bebês, que realmente fazem e vão fazer uma enorme diferença em nossas vidas! Beijos e desejo fortemente que seu post surta efeito e que esse tipo de comentário desnecessário diminua drasticamente!

  45. Nathália Caires
    28 de março de 2016 - 10:57

    É incrível como existem pessoas desnecessárias no mundo, só sabem criticar e comparar as pessoas, não leve em consideração esses tipos de comentário Lia ! Seu barrigão tá lindo demais !!!! Te acompanho desde os tempos de escola que nas aulas de informática eu e minhas amigas ficávamos entrando escondido no blog e adorávamos os posts !!! E esparava ansiosa por esse momento, e estou muito feliz que ele tenha chegado pra você, e é um prazer te acompanhar em mais uma nova etapa da sua vida ! Toda saúde do mundo pra esse bebê, que Deus ilumine e abençoe você e sua família !!

  46. Danielle
    28 de março de 2016 - 10:57

    Ótimo texto! Estou grávida de 12 semanas e o pior foi ouvir que eu era louca de engravidar em época de Zika vírus/microcefalia. Que direito as pessoas pensam que tem em até saber o momento em que devemos engravidar???

  47. Su
    28 de março de 2016 - 11:01

    Mulheres desse mundo: mais amor por favor! As mulheres deveriam ser as primeiras a se defenderem e se apoiarem!! Lia, você esta linda…não liga pra comentários desse género! Beijoooo

  48. Uelica
    28 de março de 2016 - 11:02

    Lia, a minha é “muito pequena” pra sociedade! Kkkkk
    Estou com 6 meses e quando eu falo que estou grávida de 6 as pessoas se assustam! Tipo” tem certeza? Acho que vc tá de 3 hein!” Ou então ” acho que não tem bebe aí não viu? Acho que são gases” há quem diga que são vermes tb! Tem cabimento uma trem desses???
    Beijos! To amando o moda pra gestante! Pode falar mais!?

  49. Carla Caroline do Nascimento Silva
    28 de março de 2016 - 11:05

    Parece que a policia do certo e errado aparece sempre nos momentos mais importantes da nossa vida pra avisar que nossa felicidade está errada de alguma forma. É uma pena que não dá pra andar com uma plaquinha “PAREM DE SER INCONVENIENTES”.

    Tá arrasando na barriga, assim que me sobrar um tempinho aqui, te ilustro, hahaha, beijo.

  50. Maria Fernanda
    28 de março de 2016 - 11:06

    Eu falho miseravelmente toda vez que tento entender o lado de quem fala besteira para gestantes (mesmo “sem querer”) ou melhor, fala besteira para qualquer ser humano, porque ele não está se encaixando em alguma forma ou tamanho considerado “certo”, e que ninguém sabe de onde foi tirado -__-

  51. Mariana
    28 de março de 2016 - 11:07

    Lia, eu vi o vídeo que a Lu Ferreira fez sobre o peso pós gravidez e nascimento da Bia e, mesmo não tendo filhos, fiquei triste junto com ela. Antes da Bia ter quatro meses, a Lu teve que “se explicar” sobre dieta e afins. Poxa, que mundo é esse?

    As pessoas perderam a noção completa do espaço do outro e, vamos combinar, dos bons modos, da educação. Não é legal comentar do peso dos outros e é extremamente doentio comentar do peso de grávidas, mamães de primeira viagem e já vi gente comentando do peso de bebês mais gordinhos!

    Lia, fica tranquila. Sei que você vive num universo que te cobra, mas existe vida além da internet e o mundo é feito de mães de todos os pesos, alturas e cores. E as grávidas de barriga tanquinho são a minoria, viu?

    Que seu bebê venha cheio de saúde <3

  52. Daniele Rejane Oliveira
    28 de março de 2016 - 11:09

    Nossa não tô acreditando! Gente as pessoas perderam msm a noção do bom senso e educação. Q horror! Tô mt chocada!
    Mta saúde pra vc e seu bebê Lia, q Deus abençoe sua família linda! E q esses fiscais da vida alheia se afastem de vc. Vou torcer daq. Bjs

  53. Sheila Ferreira
    28 de março de 2016 - 11:11

    Ahh Lia, tenho ouvido coisas chatas que me deixam irritada também. Estou com 22 semanas e engravidei acima de meu peso ideal, mas não quis esperar emagrecer para tentar, enfim, problema MEU! Acontece que não aguento mais falarem do meu peso e que posso fazer mal ao bebê, para procurar ajuda de nutricionista, mas alloooww eu estou tendo acompanhamento e todas minhas taxas estão bem e o baby também! Me sinto mal com isso, não estou me sentindo linda, mas me sinto maravilhosa e escutar que estou grande demais e vou acabar tendo filho antes do tempo é desagradável e desnecessário! Adorei seu desabafo, bjos

    • Lia
      28 de março de 2016 - 11:26

      Sheila Ferreira em 28 de março de 2016 às 11:11 disse:

      Ahh Lia, tenho ouvido coisas chatas que me deixam irritada também. Estou com 22 semanas e engravidei acima de meu peso ideal, mas não quis esperar emagrecer para tentar, enfim, problema MEU! Acontece que não aguento mais falarem do meu peso e que posso fazer mal ao bebê, para procurar ajuda de nutricionista, mas alloooww eu estou tendo acompanhamento e todas minhas taxas estão bem e o baby também! Me sinto mal com isso, não estou me sentindo linda, mas me sinto maravilhosa e escutar que estou grande demais e vou acabar tendo filho antes do tempo é desagradável e desnecessário! Adorei seu desabafo, bjos

      Engraçado né, essas pessoas falavam assim claramente do seu peso antes de você engravidar? Porque ficou grávida “tá liberado” falar grosserias e controlar o corpo? Aff não dou conta

  54. Bruna Castropil
    28 de março de 2016 - 11:12

    Você está linda, sua barriga está linda! Alguém comentou aí em cima que nunca te viu tão radiante e eu concordo! Fico muito feliz de vc compartilhar esse momento tão único e sensível com a gente, é uma pena que você tenha que aguentar comentários assim!
    Adorei seu texto!

  55. Tania
    28 de março de 2016 - 11:14

    Lia, não consegui não sorrir lendo seu post.
    Sorrir porque achei mais do que correta e necessária a sua postura… tem mta gente sem noção, sem delicadeza, sem mais o que fazer, que não mede palavras e acaba sendo inconveniente. Uma das minhas melhores amigas ouviu comentários sobre estar mais magra quando grávida, o que também é muito ridículo de se dizer para uma gestante. Tem mta gente que perde a oportunidade de ficar quieta. E como você disse, deixar passar não muda a situação.
    Espero que esse post tenha efeito sobre as pessoas necessárias e que essas possam reavaliar o que sai de suas bocas daqui pra frente. Que elas entendam que se algo não agrega então nem precisa ser exposto.

  56. Bianca
    28 de março de 2016 - 11:15

    A única coisa que posso dizer com propriedade sobre sua barriga é que está linda!

  57. Luana
    28 de março de 2016 - 11:18

    Lia, é difícil, mas tenta ignorar. Vc está linda, chique. Sua felicidade transparece nas fotos. Deixa o povo falar,oq mais tem por aí é gente sem noção. Beijoss

  58. dai
    28 de março de 2016 - 11:19

    Lia você dá muita importância pra cometários idiotas, ignorem essas pessoas ignorantes, não passe nervoso, você espera um outro ser humano, então relaxe e aproveite cada momento e IGNORE essas pessoas idiotas que adoram criticar tudo e a todos, toda grávida é linda, não esqueça

  59. Fernanda
    28 de março de 2016 - 11:22

    Estava esperando esse post ansiosa, porque você comentou no vídeo e já estava com medo de perguntar alguma coisa…… Mas Lia, não sei se minha pergunta vai ser inconveniente, porque nem comento muito, mas, o peito já tá crescendo? Você sentiu alguma diferença? Curiosidade apenas…. Beijos… Adorando essa fase grávida, seu rosto tá iluminado e lindo!

  60. Luana Fernandes
    28 de março de 2016 - 11:25

    Comigo os comentários são outros, mas igualmente desnecessários. Estava acima do peso quando engravidei e durante os primeiros meses de gestação perdi 10 quilos. Enjoei muito e perdi a fome, comia obrigada para não passar mal, o que acabou resultando em emagrecimento. Minha nutróloga e meu obstetra acompanharam tudo isso e vibraram a cada perda. Eu também.
    Me senti mais bonita. Mas com tudo isso, minha barriga demorou mais para aparecer. Aí os comentários começaram: “nossa, você está emagrecendo demais”, “tem certeza que está tudo bem, não é normal emagrecer”, “cadê essa barriga que não aparece”… Como você disse, este é um período sensível. Muitas vezes preciso respirar fundo para não ser mal educada! Mas penso: ela está aqui, crescendo forte é linda, já mexendo tanto e eu nem sinto ainda… Como não amar a minha barriga, grande ou não? Não ligue para os palpiteiros de gestação, curta o momento da família e ame a sua barriga!

  61. Joana Mahara
    28 de março de 2016 - 11:27

    Vim aqui te contar que esse julgamento não pára quando o bebê nasce. Não pára. Não pára. #socorro

    Você pariu um lindo bebê – bem vinda à maternidade real, onde mães (e, óbvio, não-mães) julgam outras mães com relação aos filhos (se é maior, se é mais fofinho, se dorme a noite toda, se é ‘bonzinho’, se é ‘esperto’, se desenvolve mais rápido que os demais, voltou ao peso e corpo (massacram quem volta rápido, massacram quem demora), quem usa babá, quem coloca na escola, quem volta ao trabalho, quem fica em casa… é um inferno na terra. É tão comum que eu tenho que me esforçar diariamente em participar desses debates.

    A sugestão é ignorar, curtir muito, logo você vai começar a sentir seu bebê pular aí na sua barriga, aí as coisas ficam tão reais, tão gostosas… curta muito mesmo! Um beijão nessa barriga linda!!!! ;-*

  62. Flavia
    28 de março de 2016 - 11:29

    Lia!! Não de bola pra esses comentários idiotas, você está maravilhosa! Com a minha irma foi o mesmo… “Sua barriga tá enorme, isso não é saudável” todo mundo acha que tem que tomar conta da vida dos outros o tempo inteiro! Entendo você porque a vida toda estive um pouco acima do peso! O povo gosta de encher o saco dos outros em vez de tomar conta da sua própria vida!

  63. Helena
    28 de março de 2016 - 11:31

    Perfeito o texto, Lia! Quando estava grávida sofria comentários opostos. Minha barriga segundo as pessoas era pequena demais e isso gerava comentários o tempo todo! Ninguém ficava satisfeito em saber que minha filha estava perfeita, se desenvolvendo maravilhosamente bem, independente dessas pessoas não considerarem minha barriga grande o bastante. É muito chato e eu ficava extremamente chateada pq sempre achei lindo barrigão – e não tive – e as pessoas as vezes davam a entender como se não estivesse grávida, sabe? Enfim, o melhor é você ignorar certas coisas e curtir esse momento tão lindo e único na vida de qualquer mulher. Você está linda a sua barriga é linda e perfeita para o seu bebê! ❤ A verdade é que felicidade incomoda e você está transbordando felicidade em todas as fotos!

  64. Paloma
    28 de março de 2016 - 11:35

    Lia o momento é seu, essas pessoas que tudo tem que criticar são pessoas que se incomodam com a felicidade alheia. Você está linda, a barriga mais linda ainda!

  65. Beatriz Valéria
    28 de março de 2016 - 11:39

    Já eu AMO ver mulheres “grávidas demais”, fico apaixonada e não vejo a hora de ter meu barrigão também (:

    Você está linda, lia!

    http://www.plebeiarefinada.blogspot.com

  66. Manu Vieira
    28 de março de 2016 - 11:43

    Lia, adorei o seu texto tão sincero e cheio de emoções. Sei que várias vezes comentei em suas fotos dizendo que você estava com um barrigão, mas não sei se fui uma das que te incomodou e se fui já peço desculpa!
    Achei lindo, desde o começo, seu bebezinho estar todo aparecido e mostrando pra todo mundo que ele está lá, entendo perfeitamente quando você diz que as pessoas não fazem por mal, porque acho que no caso das pessoas que te acompanham de verdade poucos ficam te mandando energia ruim. Gostei da reflexão e, da próxima vez, vou pensar bem se o comentário pode ser ruim aos ouvidos da gravidinha dona da barriguinha ou do barrigão.

    Acima de qualquer coisa, você estar linda até se a gente nem olhar pro bebezinho na barriga, fico feliz junto contigo por te ver tão radiante!

    Um beijo no coração ❤️

  67. Dani
    28 de março de 2016 - 11:45

    A barriga está linda e o texto está maravilhoso! <3 Sei que escreverei muitos "textões" desse tipo quando engravidar porque não suporto esse tipo de comentário sem noção e invasivo.

  68. Amanda Farias
    28 de março de 2016 - 11:50

    Liiiiiia sua barriga está linda, amei o texto acho que as vezes é necessário sim postar para desabafar, ninguém é obrigado ouvir certas coisas mas já que falam pelos cotovelos então temos sim que desabafar! Suaaa barriga está linda ♥ Beiiiijos

    http://www.casalsobrerodas.com.br

  69. Emily
    28 de março de 2016 - 11:55

    Oi Lia…
    Aproveita a barriguinha!! Tá linda!
    Como passei minha gravidez toda dizendo… ninguém poupa as grávidas! E te afirmo, ninguém poupa as mulheres no puerpério também, viu?! E as mães todas em geral…rs

    Tive uma gravidez até bem sossegada, e geralmente algumas “cobranças” vem de gente que nunca te viu ou convive com você….é bizarro. A gente vai aprendendo a não dar bola. Mas cansa um bocadinho. Nós não sabíamos o sexo do bebê até o nascimento, então alguns comentários eram surreais… como se fosse crime querer mais essa emoção para aquele momento…rs Que foi inexplicável! <3

    Agora com uma bebê de 15 dias em casa, acho que a pressão aumenta, já que tem um serzinho chorando e dependendo de você… É preciso ter muita informação sobre amamentação (se você deseja, claro) e ter um pediatra bacana também, porque a chuva de "receitas milagrosas" deixa a gente simplesmente louca. rsrs

    Leiam bastante, conversem sobre o que querem e também com a sua família, pois apoio é fundamental na gravidez e depois. Todos querem ajudar e querem o bem do bebê, sem dúvidas, mas estar em sintonia com o que vocês pensam é fundamental para que na hora "do sufoco", não caiam nas tentações, pressões e lendas rsrs!!

    Um abraço, e que tenha uma gravidez repleta de amor, tranquilidade e apoio.
    <3
    #maisempatia #maisamor #empodereasmulheres

  70. Marina Lorena
    28 de março de 2016 - 11:56

    Lia, estou grávida de 28 semanas e minha barriga está enorme! Ela apareceu logo nas primeiras semanas, e já ouvi de tudo, nunca me pouparam. “Acho que são gêmeos”, “tem certeza que está grávida apenas de …. Semanas?”, etc, etc.

    Desfilo meu barrigao de 7 meses por aí e tem gente que jura de pé junto que já está pra nascer. Por sorte tenho um marido mega compreensivo, que sempre reafirma que trata-se de um absurdo pois a INDIVIDUALIDADE BIOLÓGICA tem que ser respeitada. Cada pessoa tem um biotipo, não existe uma regra definida. E eu me aceitei!

    Você está linda! curta muito, e não deixe ninguém estragar esse momento!

  71. Louise Monteiro
    28 de março de 2016 - 12:05

    Lia!
    Primeiro, queria dizer que eu sou sua fã! Há alguns anos te acompanho, e sinto quase como se vc fosse minha amiga de anos, hahaha! A gente se apega, mesmo sem conhecer, engraçado! (Vc deve ler muito sobre isso, rs) Fiquei suuuper feliz qdo vc anunciou que tava grávida! Achei o máximo! De novo, me senti uma amiga, parente, kkkk! Parabéns pelo baby, e pela linda família que vai se formar agora! Vc está tão radiante e continua linda, e com a barriga mais linda ainda!!! As pessoas acham que internet, rede social é terra sem lei e podem sair colocando o que querem, sem pensar nas consequências disso. É chato pensar que existe esse tipo de coisa… Mas, a barriga é sua, a gravidez é sua, o bebezinho é seu, o MOMENTO (acho que um dos mais emocionantes da sua vida até agora, se vc me permite opinar) é seu! Então vc merece sentir, curtir e aproveitar do jeito que vc quiser! F****** os antipáticos hehehe! Eles não merecem sua atenção!
    Um beijo!
    E vc merece toda essa felicidade que vc está vivendo!

  72. Lorene
    28 de março de 2016 - 12:13

    Juro que não sabia dessa de tamanho de barriga ideal. A que ponto chegamos? To chocada com a falta de senso do ridículo o.o’ O barrigão ta lindo, Lia! *-* Beijos!!

  73. Ana
    28 de março de 2016 - 12:16

    A maioria das pessoas pede para você relevar (ou seja, se calar ). Eu apoio totalmente o textão. Se a pessoa tem um pingo de empatia por vc, vai entender, se for hater, vão fazer o que os haters fazem (haters gonna hate), nesse caso, aí sim merecem o foda-se. Mas apoio totalmente você dizer como se sente! É muita falta de humanismo vc falar qualquer indelicadeza para grávidas, principalmente se é nítido que ela está feliz com a gravidez. Você está linda Lia e estou adorando acompanhar a sua felicidade. Não é a maioria das mulheres que tem condições de ter filhos (seja financeira, seja de apoio do parceiro e da família ). Então eu apenas bato palmas para alguém que consegue construir uma família da forma mais linda possível! ! Parabéns pelo seu trabalho e pela forma de como vc leva a vida. Bjao

  74. Jaqueline Berto Yocota
    28 de março de 2016 - 12:16

    Você é TOP!!! Uma das suas melhores qualidades é a sinceridade, continue sempre assim!!
    As pessoas tem que aprender a segurar a língua dentro da boca (kkkkk), pensar duas vezes antes de falar…
    Mas ignora esse bando de gente pobre de espírito… Afinal, você recebeu uma dádiva de Deus e está linda e radiante!! :)
    Beijo

  75. Rebeca
    28 de março de 2016 - 12:17

    Lia, o povo é sem noção mesmo! Sem filtro! Pensou=falou!
    Sua barriga está linda e maravilhosa! Eu sinto toda a mágica que você comentou que envolve a mulher grávida! Eu não tenho babys, mas cada vez mais me encanto com as barrigas alheias! (Acho que quero aumentar minha família)! Hahaha!

    Mas é sério, abstraia mais os comentários que não te acrescentam. Absorva só o que te fizer bem.

    Beijos!!!

  76. Giuliana
    28 de março de 2016 - 12:23

    Que povo sem noção! Falta do que fazer! Aproveite sua gravidez cada momento é único!

  77. Débora Chrissanto
    28 de março de 2016 - 12:31

    Ai, esse povo consegue ser chato, hein? Fico me sentindo ou muito tranquila ou muito desligada. Pq pra mim toda barriga de grávida é linda, se é grande, pequena, pra cima pra baixo, redonda ou qualquer coisa. Acho lindo, fico querendo abraçar as grávidas e conversar com o bebê que ta ali dentro. A sua barriga ta linda, Lia. Se eu te encontrar com esse baby ai dentro, vou te abraçar e falar toda hora o quão linda você ta. Pq eu sou babona com grávidas e bebês. Hahahaha
    Não sou de comentar muito e até queria ser uma dessas leitoras que sempre interagem, mas hoje eu precisava compartilhar um pouquinho de amor com você. E sempre estarei aqui te desejando o bem que desejo as minhas amigas. ❤

  78. Daiane Hrycyk
    28 de março de 2016 - 12:37

    Estou do mesmo tempo que você é não tenho barriga nenhuma.
    Sofro com as pessoas me perguntando: -cadê a barriga? Tá usando cinta? Tem certeza que está tudo bem com esse bebê? No ultrassom estava normal?
    É não é só gente conhecida não! Não tenho nem coragem de usar as vagas ou filas preferências pq todo mundo me olha de cara feia ou ainda falam: Mas nem barriga você tem, não precisa ter preferência. :'(
    É triste.

  79. Tainá Nunes
    28 de março de 2016 - 12:46

    Lia, é tão bom ouvir algo assim!!! Eu nunca comento nada, mas sempre estou aqui e esse eu tive que comentar! Você está linda! Seu corpo é SEU, seu bebê é SEU, esse momento é SEU. Curta! Beijos!

  80. Lygia
    28 de março de 2016 - 13:02

    Liaa, vc é linda assim como sua barriga, seja ela pequena, média ou grande! Vc sabe como é bem facil ficar apontando o dedo pros outros e se meter na vida alheia, ainda mais pela internet.. não esquenta! Quando comecar a ler coisas absurdas, nem termine, aposto que vc recebe MUITO mais elogios do que essas críticas descabidas! Bjsss

  81. Fabricia Figueira Cravinho
    28 de março de 2016 - 13:09

    Lia, imagino o quanto deve ser ruim ficar ouvindo esse tipo de comentário o tempo todo. Muitas pessoas realmente nem imaginam o quão mal educadas, invasivas e grosseiras são.
    Você está linda, sua barriga está linda, seu bebê vai nascer lindo e com muita saúde! Tente ignorar esse povo intrometido e curtir o seu momento! Muita saúde, paz e felicidades pra vocês! Bjs

  82. Michele
    28 de março de 2016 - 13:10

    Lia, ainda não sou mãe, tenho 25 anos e minha mãe ficou grávida de mim com 40 anos. Há 25 anos atrás isso não era tão comum, ela chegou a ouvir coisas do tipo “nossa mas com essa idade não era mais para você estar transando” e até “com certeza ela vai nascer com alguma deficiência por causa da sua idade”. Infelizmente aonde tem gente tem coisa a gente e sempre vai ter um sem noção pra dar palpite na vida nossa, seja profissão, casamento ou gravidez. Quem é assim não aprendeu o ensinamento de amar o próximo e se sente bem em achar que sabe mais que o outro ou que tem direito de criticar, continue sendo do jeito que você é e levando sua vida como sempre levou, só absorva coisas boas, o resto a gente descarta! Parabéns pela sua nova fase, que seu menino venha com muita saúde! Abraços!

  83. Thândara
    28 de março de 2016 - 13:15

    A barriga tá linda! Meu filho nasceu tem 3 meses. Minha barriga demorooou a crescer! Só pareci grávida mesmo no sétimo mês! E o meu bebê, o lindinho Benjamin, nasceu de 8 meses. Fiquei pouco tempo com o barrigão, então, uma dica que dou é: aproveite! A barriga é o seu tesouro de agora! <3

  84. Vanessa Faria
    28 de março de 2016 - 13:23

    Concordo plenamente com vc. Estou grávida de 21 semanas e como tem gente que ADORA fazer comentários desnecessários. Se não tem o que falar, fique quieta, calada! Ai, vc tá grande, ai vc tá gorda, ai isso e aquilo. Chega!!!!!!! Fora toda a mudança no físico, também temos mudanças psicológicas e parece que algumas pessoas não entendem isso… E só um avisozinho: BARRIGA DE GRÁVIDA NÃO É PÚBLICA!!!! Todo mundo quer por a mão, até quem eu não conheço…
    Desejo uma ótima gravidez a você, curta bastante esse momento único e especial de uma mulher.
    Beijo carinhoso.

  85. Helena Merlo
    28 de março de 2016 - 13:31

    Lia que ótimo vc fazer esse texto, é muito bom quando vemos vcs blogueiras se posicionando sobre questões como essa, por exemplo, questões femininas que muitas vezes são ignoradas ou silenciadas. E para algumas pessoas até surte um efeito (eu aqui torcendo muito pra isso). Esse texto faz a gente pensar em padrões como um todo, e também em respeito ao próximo. Um exercício tão fácil, se colocar no lugar do outro e que muitas pessoas não conseguem. Você está gestando uma vida o sentimento que tem que reinar é AMOR, tenho certeza que é maioria. Estou muito feliz em acompanhar esse momento seu e do Dani, acompanhei a Lú e é só emoção e amor, tudo que mais precisamos para recuperar as energias. Um abraço para a família e para maravilhosa barriga! Helena

  86. Agatha
    28 de março de 2016 - 13:34

    Vou comentar sobre uma situação pessoal:
    Na minha famílias ficamos preocupados com a barriga da minha irmã sim, porque ela engordou 32 kilos e o normal é 8, sim existe um peso considerado saudável, palavras da obstetra que aliás foi quem mais chamou a atenção dela, que ficou com diabetes e teve ipertencao. A desculpa de “estou comendo por dois” não era válida segunda médica dela e sim ela procurou outra médica porque não gostou de ser chamada atenção e a outra médica disse a mesma coisa.
    Concordo que dizer “tá grávida de gêmeos” “tem certeza que está contando as semanas certo” é rude. Porém cuidar da saúde da minha irmã e me preocupar com o fato de que ela ficou doente pra engordar mais do que o considerado saudável, não é inchirida ou malvada. E sim o bebê nasceu antes do tempo e de cesária que não seria necessária se ela não tivesse engordado 3 vezes mais, o peso normal do bebê mais placenta e líquidos da em torno de 8 kilos, engordar mais do que isso trás riscos á saúde sim é nossa família estava preocupada, a barriga era dela sim, mas ficamos preocupados e ambas as médicas também. Nem tudo é uma crítica ou maldade, nesse caso estávamos preocupados e com fundamento.

  87. Thais Finger Martins
    28 de março de 2016 - 13:38

    Arrasou Lia. Não sei como pode ter gente tão insensível… A única coisa que consigo pensar quando vejo qualquer grávida é como tudo é lindo <3 estou no momento cheio de bebes recém nascidos na família e elas comentam demais sobre isso tbm. E infelizmente os comentários vão se transformando em cada fase… Primeiro a barriga, depois é como cuida do bebê, depois amamentação, se emagreceu depois do parto… Todo mundo vira especialista. Todo mundo é pediatra/pedagogo/mãe… Nas enfim, é focar no amor que tudo passa <3
    Tá cada dia mais linda e maravilhosa e continuo agradecendo por estares compartilhando dessa fase tão especial sua!
    Beijos de luz

  88. Robertha
    28 de março de 2016 - 13:50

    Lia, acompanho o seu blog desde o início e comentei poucas vezes aqui. Primeiro, foi muito mágico saber da sua gravidez. Tenho 31 anos e estou planejando una gravidez para logo também. :) Segundo, acho que serei uma grávida muito grossa rsrsrs Parece que as pessoas se sentem no direito de opinar sobre a gravidez e criação dos filhos de qualquer pessoa, como se de repente você virasse um objeto (e não uma pessoa) público. Já vi gente apalpando barriga de mulher grávida desconhecida na rua, ja soube de história da família inteira (tias, primas, madrinhas…) pegando o peito da mulher pra colocar na boca do recém nascido na maternidade (alegando que a mãe não sabia amamentar), enfim… invasões ao corpo e aos sentimentos da mulher grávida ou puérpera. Sempre nos ensinam que devemos ter paciência e compreender que as pessoas só querem ajudar, acatando qualquer invasão ou violência (acho que tudo isso muito violento, sabe?). Discordo completamente. As pessoas precisam saber que essas atitudes machucam, desestabilizam, oprimem. Não devemos ter medo de sermos “grossas”, afinalse se somos agredidas devemos nos posicionar. Talvez alguém ache que usei palavras fortes – como violência e agressão – mas é o que percebo que as mulheres sofrem nessas situações, como você mesma relatou. É preciso falar disso!
    Um super abraço e muitas felicidades! <3

  89. Kelly
    28 de março de 2016 - 13:52

    Oi Lia sua linda
    nunca comentei
    mas quero dar meus parabéns pelo post
    ta certa, seu momento, sua barriga!

    Saúde ao bbzinho lindo que virá!

  90. Rebecca
    28 de março de 2016 - 13:57

    Lia, nunca fui mãe. Mas tento sempre me.colocar.no lugar dela antes de fazer .comentário justamente pq a gestante é mais sensível. Lamento q pessoas.não.tiveram educação e sensibilidade p.falar c vc. Como sua leitora d.anos, acho q vc nunca.esteve tão.bonita, sorrindo com.os olhos. E estou amando os vestidos “Kim Kardashian”. Bjs

  91. Mari
    28 de março de 2016 - 14:10

    Beijos pras recalcadas vc tá mais linda do que nunca!! Transparece em seu rosto a felicidade !!! Sou sua leitora a algum tempo e quase nunca comento apesar de te seguir em todas as redes. Falta amor no coração das pessoas e em alguns casos falta trabalho mesmo pra não ter tempo de ficar destilando veneno nos outros.

  92. Entre Anas
    28 de março de 2016 - 14:11

    Lia, maravilhosa!
    Você está maravilhosa, sua barriga de gravidinha está maravilhosa!
    Aproveita muito essa fase, sem deixar que os outros a tornem menos mágica <3

  93. Juliana
    28 de março de 2016 - 14:22

    Lia, parabéns por sua atitude. Não suporto grávida fresca que “quer parecer não estar grávida”. Desde que o mundo é mundo as pessoas usam a simbologia do rosa e azul para representar menina e menino. Sei que já rolou esta discussão. Desde que o mundo é mundo as grávidas gostam de fazer seus books de grávida e por a mão na barriga nas fotos. Aí a menina não pode ter frufru, não pode quartinho jolie, menino não pode ter o mundinho homenzinho, tem que ter ar moderno pra causar, vai pra tonga da mironga Aí aparece gente chata que quer ser diferentona pra lançar novos conceitos. Ok, então fique pra lá com suas regras específicas. Linda sua foto da barriga e que legal que mostrou. E como tem acompanhamento médico, isso que importa. Ô antipatia de gente que compara. Muito azul, aliás uma imensidão azul, muita foto com mão na barriga, muito book de grávida pra você. Oh, põe a boca no trombone mesmo pra por essa gente chata no seu devido lugar chato.

  94. Samara
    28 de março de 2016 - 14:26

    Mas mas mas….sua barriga ta linda!!! Tao linda!!! Vc ta linda gravida…como alguem trm coragem de falar alguma coisa sobre isso? Eu nao tenho noção de tamanho de barriga e afins, mas olhando pelas fotos da pra ver que vc está radiante. E se vcs estao saudaveis, estando sua barriga duas vezes maior ou a metade, não importa. Inporta que vcs estejam bem. Enfim…fica em paz lia .quero muito acompanhar os proximos passos da sua gestação, como se fosse uma amiga!

  95. Ana Paula Dantas
    28 de março de 2016 - 14:27

    Vou copiar esse texto! Que texto bom! Gostei muito da reflexão! Sou bem cuidadosa com qualquer comentário, mas serei ainda mais! Valeu Lia!!!

  96. Miriam Costa
    28 de março de 2016 - 14:30

    Passei por algo parecido a um tempo, hj minha filha tem 8 dias. Porém, grávida iniciando o 8 mês recebi o seguinte “elogio”: ” Nossa vc está com barriga de grávida!”. Esse comentário ocorreu só porque sou gordinha, pergunto gorda não pode ter barriga de grávida, qdo está grávida?

  97. Renata Ribeiro
    28 de março de 2016 - 14:33

    Lia, sei como isso é irritante. Mas, esse monte de comentários desnecessários tende a aumentar, infelizmente. Meu filho tem 2 anos e cada vez é um palpite diferente. As pessoas se acham no direito de tomarem conta da nossa vida e falarem o que querem quando temos filho… Ainda não me acostumei e acho isso a coisa mais chata da maternidade. :(
    Beijos e você está linda!

  98. Anna Carolina
    28 de março de 2016 - 14:35

    Lia, também estou grávida e praticamente do mesmo tempo que você. No meu caso ouvi muuuuito sobre como minha barriga ainda não tinha crescido o suficiente. Entendo que muita gente fale por falta de informação (porque não são médicos e muito menos já tiveram filhos), mas também acredito que não podemos ficar caladas para buscar sempre a evolução.
    Não sou de seguir youtubers e bloggers, mas o fato de estarmos com quase o mesmo tempo de gestação me fez começar a seguir você. Adoro o modo como você trata deste assunto, sempre com muita sinceridade, seriedade e humor. Tudo na medida certa. Obrigada por compartilhar este momento conosco, tenho certeza que você ajuda milhares de outras gestantes. Aliás, duas vezes obrigada, porque esta decisão de compartilhar tudo com suas leitoras também trás a parte negativa, em ouvir tanta “besteira” em um momento tão especial. Entretanto, não se preocupe com toda essa repercussão, porque se você sabe lidar com isso, com certeza será uma super mãe!

    Ps: o que você está usando an foto é um top? Gostei bastante, queria saber de onde é. :)

  99. Danielle
    28 de março de 2016 - 14:38

    Fantástico esse texto Lia! A gestação é só o começo da atuação dos inconvenientes mega “entendidos” de gestação e de cuidados com o bebê. Tive duas gestações maravilhosas e na segunda me irritei muito com o MEU PAI, que não podia me ver que já soltava “chegou a gorda”, “o que você quer comer, gorda?” e assim por diante, num tom super irônico. E pior, achava um absurdo quando eu me mostrava irritada e o resto da família também… achavam que era frescura de grávida. Não podiam nem brincar comigo! vejam só… Enfim, essas pessoas sempre vão existir, sejam próximas ou desconhecidas, mas achei muito pertinente seu posicionamento. Participei de um grupo de gestantes em que às vezes ficávamos formulando respostas “sinceras” pra perguntas inconvenientes, era muito divertido! As pessoas as vezes se chocam com respostas sinceras pra perguntas sem noção, mas eu jogava a culpa nos hormônios da gravidez…. rsrs. Curta muito cada fase! Você está maravilhosa grávida! Eu tenho muita saudade das minhas barrigas… É muito mágico!

  100. Aline
    28 de março de 2016 - 14:43

    Liaaa,

    Como você disse, as pessoas acham que tem liberdade de falar o que querem para outras pessoas.
    Você está linda, SUA BARRIGA, está linda e tenho certeza que o bebe também vai ser lindo!!
    Essa fase é mágica, e ninguém tem o direito de estragar!!
    Parabéns, mais uma vez!

    E não deixa esse povo chato ter vez aqui não!!
    <3

  101. Aline Batista
    28 de março de 2016 - 14:49

    Foto de 2 semanas atrás???
    Alooooooooo Lia linda!!!!!
    Taca-lhe foto nova por favor!!!!
    Está lindaaaaa e por favor, mentaliza você desse tamanho com barriguinha! Sooocorrrooooo
    Gata garota, deveria postar pelo menos 1 foto da barriga por semana!
    Parabéns pelo filhão que chegará em breve!!!
    Que Deus abençoe essa linda família que está sendo constituída!!!

    Beijossssss

  102. Krisley Pradella
    28 de março de 2016 - 14:54

    Sua barriga está linda! Linda linda mesmo!
    Eu tenho um bebê de quase 6 meses e demorou para minha barriga aparecer, tenho um biotipo bem diferente do seu, sou mais baixa, tenho quadril gigante e nunca fui magrinha então demorou para as pessoas notarem que eu estava grávida (até umas 24 semanas eu quase não tinha barriga) e era muito chato ouvir “tem certeza que vc está grávida” ou “tem mesmo um bebê aí”. De fato as pessoas deveriam pensar se gostariam de ouvir o que vão perguntar.
    Estou curiosa para o nome do bebezinho, vi no snap você dizendo que já tinham uma boa opção! Quando puder divida com a gente!
    Um beijo e curta a barriga! Dará uma saudade imensa depois que o bebê nascer!

  103. Renata
    28 de março de 2016 - 15:06

    Eu tenho útero invertido e minha barriga de 24 semanas é minúscula. Os comentários são do tipo “você está forjando a gravidez, é?” ou “tem certeza de que o bebê está crescendo?” Realmente são comentários desnecessários e eu AMO uma barriga de grávida, seja ela do tamanho que for. Você está linda, radiante e já com aquele espírito de mãe leoa que só quem está grávida sabe como é! Linda linda linda! A verdade é que as pessoas gostam de julgar – não importa se a barriga é muito pequena ou muito grande, ela nunca vai agradar! Continue crescendo bastante e seja feliz – é tão bom, ne? Beijos com muito carinho

  104. Vanessa
    28 de março de 2016 - 15:11

    Lia, você está linda!!! Te acompanho há muito tempo, vi seus layouts antigos e fiquei surpresa por lembrar de todos! São anos te acompanhando, vendo sua evolução como mulher, sua evolução na carreira. Temos que ser seletivas. Tenho um filho de 8 anos, e sempre fui comparada, e sempre vou ser. O importante é sermos seletivas com os comentários, absorver só o que for bom. Acredite, os comentários não param. Agora comparam sua barriga, depois vão comparar seu filho com outros, vão comparar o desenvolvimento do seu filho com os delas. Enfim, deixe entrar por um ouvido e sair pelo outro. Leve em consideração somente o que for bom. Abraço!

  105. Carolina
    28 de março de 2016 - 15:13

    Oi Lia! Acompanho o seu blog e posso dizer que fiquei radiante quando vi que VC ta gravida!
    Eu também estou e fui pega quase que de surpresa…na verdade no início achava que tava ficando gorda e com algum problema hormonal…até que descobri que tava grávida e estou chegando nas 15 semanas. Estou com barriga que nem VC é recebo comentários TODOS os santos dias que a minha barriga Ta grande demais, que devem ser gémeos e coisas assim. E olha que nem engordei quase nada! Tava achando que era anormal ou que tava com algum problema é a verdade é que tudo o que VC falou é verdade. Se não tem nada de jeito pra falar então não fale.
    Meu marido AMA o meu barrigao e é um sonho VC com tão “poucas” semanas ter algo para acariciar e é um orgulho esse barrigao.. Então como fala aqui em Portugal.. Quem tá mal…que se mude!
    Beijao no coração!

  106. Bruna
    28 de março de 2016 - 15:18

    Eu nunca estive grávida, mas nunca fui magra. SEMPRE que alguém fala qualquer coisa a respeito do meu peso, QUALQUER COISA MESMO, eu respondo com “bom, se você realmente quer cuidar da minha vida vou te passar minhas contas pra você pagar”. já tomei muito beliscão da minha mãe quando fazia isso com amigas dela, mas nunca se repetiu, acho que gente sem noção precisa tomar uns choques de realidade de vez em quando.

  107. Natasha Romaszkiewicz
    28 de março de 2016 - 15:44

    Lia! A sua barriga está LINDA! Linda linda linda linda linda linda linda! E mais lindo ainda vai ser o bebezinho que está aí dentro <3 Eu sinceramente não consigo imaginar como é ouvir críticas quanto ao tamanho "certo" de uma barriga de grávida! Gente! Quem disse que tem tamanho? Meu Deus! Mas minha vida toda eu ouvi que era gordinha demais ou, mais tarde, magricela demais! (Do tipo "mas você tem certeza que não tem anorexia/bulimia?")! O fato é que todo mundo mete o bedelho demais, às vezes por maldade, às vezes só por sem-noçãozice mesmo e achei CERTÍSSIMO você escrever esse post <3

  108. Fefa
    28 de março de 2016 - 15:57

    é como eu sempre digo: vou cuidar da minha saúde, porque da minha vida já tem muita gente cuidando.
    você é maravilhosa, grávida e não grávida! e sabe que está tudo bem com você e com o bebê.
    esse povo é muito enxerido, credo!
    fique bem ❤️

  109. Franci Pacheco
    28 de março de 2016 - 16:00

    sempre terão comentários inconvenientes, mas eu continuo dizendo que tu tá LIIIINDAA

  110. CAMILA SANCHES
    28 de março de 2016 - 16:10

    VC É DEMAISSS!!! Sou mtoooo fã! Deu o recado bem dado! Curte sua gravidez feliz e linda!

  111. Paula
    28 de março de 2016 - 16:26

    Lia, você é demais! Me divirto com seus posts mesmo quando o assunto não é engraçado, adoro seu jeito! E você está certíssima, tem muita gente que precisa ler isso. Você é linda, e está ainda mais agora na gravidez, tô amando o blog ainda mais!!

  112. Maira
    28 de março de 2016 - 16:27

    Jura que o povo tá se incomodando com o tamanho da sua barriga? Tô de cara…povo já parou pra pensar que vc é uma mulher alta e seu marido ídem e que de repente seu filho tem a quem puxar? E outra, a quem interessa além de vcs dois o tamanho da sua barriga, o eu peso, as suas roupas ou o formato do seu corpo? Povo fala com tanta propriedade sobre a vida alheia, que fico de cara.

    Vão cuidar da própria vida cambada e sejamos mais agradáveis com as palavras, pq afinal de contas ninguém tá interessado em ouvir asneiras.

    Você tá linda Lia…aproveite cada momento da sua gravidez e seja muito feliz.

    Bjocas

  113. Priscilla
    28 de março de 2016 - 16:32

    Own Lia… sua barriga ta linda e eu achei ela tão pequenininha! Esse povo exagera demais, socorro! Vc fez MUITO bem em ter escrito esse textão. Afinal de contas, pra pessoas sem noção, um puxão de orelha é essencial. Muita saúde pra vc e seu baby! E mande o povo mesmo pra casa do cara=%€×%÷ hauahauahauahau bjoooooo!!! ♡

  114. Vera Albuquerque
    28 de março de 2016 - 16:42

    Lia, tem tantos comentarios que nem sei se você vai chegar a ler o meu, mas de qualquer forma o que eu tenho para te dizer é manda essa gente chata e sem noção para a p…que … Eu sempre fui o que chamo de magra esforçada, passo fome e malho muito. Sou mãe de três lindas crianças entre 12 anos e 2 meses. Apesar de todos os meus esforços engordei muito em todas as gestaçoes e infelizmente nunca perdi um grama amamentado. No momento estou correndo atrás para voltar ao meu peso normal, o que é sempre sofrido. Perdi a conta das vezes que fiquei triste com comentários do tipo: tem certeza que não são gemeos? Nossa, que barrigão, já está pra nascer, né? (E ainda faltavam dois meses). E por aí vai… Eu sei que é chato e eu sempre quis ser daquelas gravidas que só tem barriga e engordam pouco, não sou dessas. Mas o que realmente importa é que tenho trêa filhos saudáveis, inteligentes e lindos. Você está linda e sinta-se orgulhosa da sua barriga, não importa o tamanho dela, porque ser capaz de gerar uma vida é um milagre. Beijo grande!

  115. Larissa Braga
    28 de março de 2016 - 16:58

    Lia, espero que você leia meu comentário <3 Eu te acompanho há pouco tempo, acredito que uns 4 anos. É pouco se comparar ao tempo de existência do seu blog. E… sinceramente… Eu quase chorei quando soube da sua gravidez! Você é a única blogueira que conseguiu me cativar, muito embora as outras tenham sua excelência. Ver esses comentários só me leva a perceber duas coisas: uma, as pessoas são muito invejosas e superficiais; duas: você me representa. Sua posição em relação a tudo isso é no mínimo admirável e respeitável. Por isso, quero deixar minha gratidão pelo seu trabalho aqui neste simples comentário e desejar tudo de maravilhoso e esplêndido que esse novo mundo de bebês pode te oferecer! Lia, sou sua fã e espero, de coração, que você leia esse comentário, porque não sou de comentar em lugar algum!! kkkk. brinks''
    Beijos, querida! <3 AH! Se não se importa, Heitor é um nome que sugiro. Beijão!!

  116. Aline
    28 de março de 2016 - 17:18

    Lia, parabéns pela gravidez! Adorei os vídeos que você postou sobre o assunto (amei o vídeo revelando o sexo do bebê).
    Que chato ter que ouvir esse tipo de comentário! O pior quando começa com “não quero falar por mal, mas…”. É bomba na certa! Espero que esse tipo de comentário diminua pelo menos aqui no blog. Muita felicidade para você e sua família!

  117. Fernanda
    28 de março de 2016 - 17:43

    Lia, imagino que receber esse tipo de comentário alheio deva ser muito irritante, até a Kim Kardashian publicou isso em seu instagram quando estava grávida!
    Porém, algumas pessoas dizem isso sem simplesmente notar que é algo desagradável… Mas algumas insistem em ficar remoendo isso. E esse tipo de gente chata deve ter uma vida bem tediosa para ficar medindo bariga dos outros, ruim para elas!
    Muita força, Lia! Você está linda, saudável e com muito amor ao seu redor, isso que importa!

  118. Aline
    28 de março de 2016 - 17:46

    Meu Deus do céu….
    A cada dia percebo mais e mais que o que falta nas pessoas é empatia…
    “Sua barriga tá muito grande”, “sua barriga tá muito pequena, você tá alimentando esse neném?”, “nossa como vc engordou”, “nossa que magra, vc tá doente?”, “que roupa justa e apertada, parece uma piriguete”, “que roupa larga, parace uma beata”…
    Afe, me falta paciência para tudo isso… E infelizmente passamos por isso durante TODA a nossa vida. Nunca somos boas o bastante…
    Mais AMOR por favor…
    Olha Lia, tudo que desejo é que esse nenenzinho se junte a essa “geração luz” que está vindo por aí e faça do mundo em que vivemos um lugar melhor!
    Sei que é difícil ignorar os comentários, mas é o melhor que você pode fazer.
    Afe, desculpa o desabafo! hehe
    Beijo grande! :)

  119. Larissa
    28 de março de 2016 - 17:53

    Oi Lia! Realmente este negócio de tamanho da barriga estar relacionado com o bebê não tem nada a ver… minha mae tinha uma barriga bem pequena (com 3 meses nem deu diferença) e eu nasci um bebê enorme, hoje sou uma pessoa pequena haha. Acho lindo sua barriga e tem que mostrar mesmo. Mas sei lá tem pessoas que são muito negativas mesmo, eu agora estou passando por um momento de mudança muito grande na minha vida (de área, de cidade, etc) mas é uma mudança que eu busquei e conquistei, em vez das pessoas falarem que legal você conseguiu o que queria algumas ficam dizendo “ah mas mas será que você vai se adaptar…, ah mas essa cidade isso e aquilo, não vai entrar em depressão hein (??!!!)”, poxa consegui uma vaga bem difícil (e avaliei muitas coisas antes de tentar) e estou insegura pq é normal e não me ajuda que torçam contra.

  120. Melissa Brito
    28 de março de 2016 - 18:03

    Li o texto no tablet e não tive preguiça de parar e ligar o computador para te deixar uma mensagem. Te acompanho faz anos e gosto muito desse seu jeito claro de falar com as toscas. Compartilho muito desse pensamento de que ninguém tem o direito de falar o que quer porque está na internet. É muito válido esse lance de “se você não é mal educada presencialmente, não é coerente sair falando o que quer de qualquer jeito pelas internets”. O seu desabafo tem pontos muito bons. E o que mais mexeu comigo é: “Parem de comparar mulheres”.
    Procuro viver minha vida sem me comparar. Meu único parâmetro sou eu mesma. E assim, nem é tão difícil conseguir isso quando a gente se prontifica. Não me comparo à ninguém e também não gosto que as pessoas se comparem à mim buscando saber como anda minha vida, se meu treino na academia está dando resultados, por quê eu não pinto os cabelos para esconder meus grisalhos.
    Fiquei chocada com a falta de elegância das pessoas em comentarem sua barriga. Acho um absurdo essa indelicadeza, essa falta de preocupação com a pessoa que está do outro lado. Julgo que muito desse veneno coletivo vem da mídia, mas né, é uma escolha se comportar como najas, mesmo que desatentas.
    Sou tão contra os padrões que escolhi não ter Facebook e minha única rede social é fechada.
    Cara, curte a sua barriga, curte o seu momento, aproveita e tira muitas fotos! Eu escolhi também não ser mãe, não terei filhos porque fiz essa escolha. Mas acho super lindo e encantador ter a chance de observar futuras mães se preparando para receber os filhos. E você tá brilhando! Vai com tudo!
    Esse comentário foi só um desabafo também, precisei expressar minha indignação. E continue com seu textos sinceros. Admiro muito essa sua qualidade, em falar tudo tão sinceramente! Obrigada por dividir com a gente o momento mais incrível que uma mulher pode ter!
    Um beijo quentinho e feliz no coração de vocês dois!
    MEL

  121. Natalia
    28 de março de 2016 - 18:18

    Lia, infelizmente eu sei como é! Minha barriga ficou ENORME e eu sou baixinha então imagina os absurdos que eu ouvia. Além de ter engravidado novinha, tinha 18 anos, todo mundo que via falava ahh tadinhaa . Eu odiava também que as pessoas acham que barriga de grávida é dominio público, pessoas que eu nunca tinha visto já vinham com a mão na barriga! Ficava maluca de raiva! E olha depois que o bebê nasce tem cada idiotice que a gente escuta, que pelo amo viu. Meu filho é a minha cara, e o pessoal vive fazendo “brincadeira” que ele é filho do padeiro. Até hoje sempre aparece um sem noção pra falar, tanto que um dia meu principe me perguntou porque ele é branquinho e o pai não, o povo não se toca que ele entende tudo agora né, tem 7 aninhos já. Agora quando vêm falar eu já falo UM MONTE. Então, eu acho que a melhor coisa é falar mesmo, gente tosca não tem discernimento, não dá pra esperar que tenham. E vc está lindaaa, maravilhosa, super cara de mamãe já! Beijos pra vc e pro bebezinho

  122. Melissa Brito
    28 de março de 2016 - 18:31

    Li o texto no tablet e não tive preguiça de parar e ligar o computador para te deixar uma mensagem. Te acompanho faz anos e gosto muito desse seu jeito claro de falar com as toscas. Compartilho muito desse pensamento de que ninguém tem o direito de falar o que quer porque está na internet. É muito válido esse lance de “se você não é mal educada presencialmente, não é coerente sair falando o que quer de qualquer jeito pelas internets”. O seu desabafo tem pontos muito bons. E o que mais mexeu comigo é: “Parem de comparar mulheres”.
    Procuro viver minha vida sem me comparar. Meu único parâmetro sou eu mesma. E assim, nem é tão difícil conseguir isso quando a gente se prontifica. Não me comparo à ninguém e também não gosto que as pessoas se comparem à mim buscando saber como anda minha vida, se meu treino na academia está dando resultados, por quê eu não pinto os cabelos para esconder meus grisalhos.
    Fiquei chocada com a falta de elegância das pessoas em comentarem sua barriga. Acho um absurdo essa indelicadeza, essa falta de preocupação com a pessoa que está do outro lado. Julgo que muito desse veneno coletivo vem da mídia, mas né, é uma escolha se comportar como najas, mesmo que desatentas.
    Sou tão contra os padrões que escolhi não ter Facebook e minha única rede social é fechada.
    Cara, curte a sua barriga, curte o seu momento, aproveita e tira muitas fotos! Eu escolhi também não ser mãe, não terei filhos porque fiz essa escolha. Mas acho super lindo e encantador ter a chance de observar futuras mães se preparando para receber os filhos. E você tá brilhando! Vai com tudo!
    Esse comentário foi só um desabafo também, precisei expressar minha indignação. E continue com seu textos sinceros. Admiro muito essa sua qualidade, em falar tudo tão sinceramente! Obrigada por dividir com a gente o momento mais incrível que uma mulher pode ter!
    Um beijo quentinho e feliz em vocês dois!
    MEL

  123. Re
    28 de março de 2016 - 18:31

    Pior sou eu, com 30 semanas e as pessoas dizem que minha barriga ta pequena demais, as pessoas hoje em dia acham que tem o direito de expressar tudo que acham sem medir suas consequências. Sempre digo, se nao tem algo positivo para falar, vamos praticar o silencio!

  124. Jane
    28 de março de 2016 - 18:34

    Liaaaaa !!!! Então vc vai ouvir muitas coisas ainda…. no meu caso foi o contrário , pq minha barriga não crescia , com 7 meses era bem pequena e olha que sou grandona , sofri até com o comentário donmeu marido , uma vez eu estava ao lado de uma amiga que está com o mesmo tempo que eu , ele disse…
    Nossa pq sua barriga é diferente da dela ? Oiii como assim ? Estou grávida tbm , fiquei mto chateada com ele e chorei mto , depois desencanei …. Tenho que estar bem comigo mesma e pela minha filha que está para chegar. Estou com com 37 semanas agora e um barrigão enorme , que desembestou a crescer de 2 semanas para cá !!!! Amando tudo …… e ansiosa ao extremo pela chegada so meu grande amor !!!!! Não se preocupe e nem de ouvido as pessoas indelicadas ao seu lado. Bjussss

  125. Juliane
    28 de março de 2016 - 18:52

    As pessoas são muito sem noção, eu ao contrário de você, ouvi por não ter barriga aparente. Pra não gastar dinheiro estou usando o mammybelt, então uso minhas calças jeans e blusas mais larguinhas, que são as que servem. Outro dia fui pegar ônibus e ao me dirigir para o assento preferencial você acredita que outra grávida, barriguda já, me olhou com desconfiança? Falou que quando ela não tinha barriga aparente ia em pé mesmo, problema dela né?! Não aguentei e mandei essa, os direitos são para as grávidas ou barrigudas? kkkk … hormónios…

  126. Weet
    28 de março de 2016 - 19:10

    O caso da minha irmã é outro: “nossa, tem certeza que ta gravida? Ta normal a barriga!”. Pior quando não falam “parece apenas que ta gordinha, rs”.

    Gente, um momento tão especial quanto a esse não merece ter comentários ignorantes não. Curta sua gravidez, sua barriga está maravilhosa, seu filho está muito bem confortável aí. Berço NENHUM vai proporcionar a ele o mesmo conforto.

  127. Stefany
    28 de março de 2016 - 19:26

    Eu sabia que vc ia desabafar em algum momento, Lia. To assistindo isso já faz um tempo. A internet faz as pessoas pensarem que podem falar o que quiser. “Ahh mas ela é pessoa pública…” OI? Sempre vejo comentários desnecessários desde antes do bebê. E agora é tudo dobrado porque toda grávida (até as que não são “pessoas públicas” rs) tem que ouvir opinião de tudo que é gente. Acho impressionante de onde sai tanto especialista em obstetrícia. Parece que nenhuma grávida faz acompanhamento com médico. Agora temos os especialistas em tamanho de barriga!! Aff… Não tem que ser passiva mesmo! Com certeza, muitas pessoas vão parar pra pensar antes de falar besteira depois do seu desabafo. Ou algumas pessoas. Mas mesmo assim, tá valendo muito! Adoro todos seus desabafos rs. Sua barriga tá linda demais!! Bjo, Lia.

  128. Elô
    28 de março de 2016 - 19:29

    Oi, Lia, mande esse povo para a PQP.

  129. Narciza Adelina da Rocha
    28 de março de 2016 - 19:35

    Bem com barriga ou sem barriga você está sempre linda e que é gostoso entrar em um lugar e todo mundo olhar nossa barriga, ah isso é. Parece que estamos carregando um troféu. Me senti maravilhosa nas minhas duas gravidez. E palpites infelizmente vai te acompanhar pro resto da vida, sempre vai ter um palpiteira falando algo. Mas não ligue não,e te desejo muitas felicidades. Beijao nessa barriga linda.

  130. Fernanda Viana
    28 de março de 2016 - 20:19

    Eu não entendo como pode ter tanta maldade no coração dessas pessoas “que dizem” amar você e seu trabalho !! Esse tipo de sentimento não é amor e não é nada construtivo !! Ofender alguém machuca, ofender uma mãe, que está curtindo a fase mais importante e marcante da vida dela, machuca muito mais !!!
    É triste saber que você infelizmente passou por isso Lia, me dói o coração, não somos parentes, amigas, mas acompanho você, seu trabalho, me sinto próxima, e como uma leitora que ama seu trabalho, nessa fase você deveria estar recebendo as melhores energias, orações e desejos.
    Vou confessar uma coisa, acho você a grávida MAIS LINDA, MARAVILHOSA E SIMPÁTICA de todas as blogueiras !!! Você é LIIIINDA !!! Estou adorando suas fotos com a mão na barriga, é MUITO AMOR !! Que você continue radiante, e seu baby venha com muuuuuita saúde !

  131. Monica
    28 de março de 2016 - 21:08

    Estou passando a mesma coisa… No trabalho, na família… Estou entrando na 15 semana e minha barriga está bem grandinha já… Pra mim esta linda linda! Mas todo santo dia tenho que escutar que minha barriga tá muito grande, se não estou esperando gêmeos… Que estou mentindo quantas semanas estou de gravidez… Ou simplesmente que estou gorda mesmo… Minha mãe e minha sogra já disseram mais de uma vez que não é barriga… E barriga de gordura mesmo… Fico pensando… Se pessoas da minha família falam isso… Os outros falam pior… Fico muito triste. Quando respondo aos comentários dizem que estou estressada por causa da gravidez… Estou cansada… Só queria que as pessoas entendessem que nenhuma mulher é igual a outra! Logo as barrigas também serão! Não tem que ter um padrão! É um momento tão lindo e especial na vida de uma mulher que esse tipo de comentário maldoso devia ser proibido. O pior é que não posso nem falar nada… Se não vou me indispor com os colegas no trabalho e na família… Está difícil… Mas vou superar por causa do amor que sinto pela filhota que cresce aqui dentro! Isso é o que importa!

  132. Ciça
    28 de março de 2016 - 21:20

    É muita falta de noção agregada, hein?
    Estou na segunda gestação e, assim como na primeira, continuo ouvindo de uns que minha barriga está muito grande (odeio!) e de outros que está muito pequena. Oi??????
    Na primeira gravidez, fiz hidro gestante e foi libertador ver muitas grávidas reunidas, porque ali pude ver diversos formatos e tamanhos de barriga e desencanar. Tinha gente com a barriga maior que a minha, outras com a menor e muitos bebês saudáveis que nasceram daquele grupo. Mas que é chato, é…
    Reflexão excelente e bem-vinda. Obrigada pelo texto. Beijo e sucesso com seu baby boy!

  133. Patricia Barbosa
    28 de março de 2016 - 22:00

    kkkkk AMEI A PERTE DA SURPRESA!! AMEI A FOTO! O CORAÇÃO, AMEI CADA PALAVRA Q SERVIU COMO LIÇÃO OU ENTÃO PARA PELO MENOS , O POVO PARAR E PENSAR, ONDE DEVO GUARDAR ESSA FITA MÉTRICA? PQ COM CERTEZA , UM DIA SERÁ USADO CONTRA MIM!!!
    BJS PATTY RECIFE/PE

  134. Cristiane
    28 de março de 2016 - 22:06

    Lia parabéns, curta sua fase da gravidez….
    Bjsss

  135. Bettina
    28 de março de 2016 - 23:38

    Acompanho o blog há anos, mas acho que é a primeira vez que comento aqui. Lia, você me representa demais! Amo de paixão os seus desabafos no snap e esse texto me obrigou a deixar um comentário. Você é uma mulher incrível, que nunca teve vergonha de mostrar quem você é de verdade. Morro de preguiça de blogueira que veste uma máscara e deixa de ser quem é. Mas você não, você fala de política, de padrões, de coisas que a sociedade sabe lá Deus porque considera “polêmica”. Parabéns por ser assim!
    Você está ainda mais linda grávida, com um brilho nos olhos diferente, Lia! Você está radiante! Sua barriga é linda e não é da conta de ninguém. Cada corpo é um corpo, ainda bem! Imagina só que chato todo mundo igual?!
    Que seu bebezinho venha com muita saúde e traga muita alegria pra você e pro Dani! Parabéns!

    Beijoss

  136. Tatiana
    28 de março de 2016 - 23:50

    Oi Lia, só para te dizer que passei por isso também. Comigo bastou receber o exame positivo de gravidez que a barriga já estava aparecendo. E, quer saber? Adorei. Curti cada minuto dos meus 2 barrigões. E esse povo chato que se exploda ;)

  137. Julia
    29 de março de 2016 - 01:16

    OIE!
    Lia, te leio há milênio, mas nunca comentei… (sou dessas!)
    Não quero ter filhos, mas ADORO grávidas! Eu entro na onda de amor que as grávidas emanam e acho todas lindíssimas!

    Minha irmã ficou grávida há dois anos e teve uma barriguinha bem discreta a maior parte da gestação. O contrário da minha prima, que ficou grávida há um ano e parecia que ia cair pra frente de tão grande que a barriga ficou.
    Ambas lindíssimas!

    Assim como tu.
    Curte muito, coloca muito a mão na barriga, ostenta ela!!
    Tá linda demais!
    <3

  138. Alê
    29 de março de 2016 - 02:19

    Ainda não engravidei, mas percebo q desde sempre as grávidas recebem esse tipo de comentário, sei que é difícil, mas acho q o melhor a fazer é deixar entrar num ouvido e sair em outro, nem vale a pena se estressar com essas coisas, curta sua gravidez. Minha mãe conta q quando ela estava grávida de mim, isso há 31 anos atrás, escutava as mesmas coisas, várias pessoas perguntavam se ela tinha certeza q não seria mais de um, mas ela nem dava bola. A barriga dela ficou linda, grandona, e eu nasci com quase 4,5kg e 54 cm, ela conta q todos na maternidade iam me ver, rsrs. Mas acho q nem tem tanto a ver essa história de bebê muito grande com o tamanho da barriga, pois já vi grávidas com barrigões e a criança nasceu com menos de 3kg, às vezes é só líquido amniótico mesmo, rs. Bem, chateada minha mãe ficou com meu pai q quando me olhou pela primeira vez na maternidade disse q eu não era filha dele, q eu parecia ser filha de japonês, por causa dos olhinhos puxados, rsrs, mas creio q o Dan não será insensível assim, rs. Bjos!

  139. Helo
    29 de março de 2016 - 02:21

    Parabéns pelo seu texto Lia, com certeza é esclarecedor pra muita gente: barriga de gravidez não se mede, cada um tem um organismo diferente – contanto que os exames estejam tudo bem, tá tudo bem. Na minha gravidez, eu não tive barriga até os 7/8 meses e ouvi comentários dos mais variados. O importante é não se abalar com esses comentários, e ainda bem que você tem a chance de abrir essa comunicação e esclarecer isso pras pessoas que podem fazer comentários assim mesmo sem querer.
    E o pior é depois que a gente tem o bebê também: é inevitável continuar com uma barriguinha por um tempo (no meu caso faz quase um ano e não sumiu) – mas me diz, o que os outros têm a ver com isso? Pra que ficar metendo o bedelho na vida dos outros, dando conselhos, quando a vida é nossa, o corpo é nosso e ninguém tem nada com isso? :P
    Enfim, parabéns pela gravidez, você está linda, a barriga está lindíssima e desejo muuuuita saúde e felicidade pra esse bebêzinho!

  140. Alê
    29 de março de 2016 - 02:33

    Ainda não engravidei, mas percebo q desde sempre as grávidas recebem esse tipo de comentário, sei que é difícil, mas acho q o melhor a fazer é deixar entrar num ouvido e sair em outro, nem vale a pena se estressar com essas coisas, curta sua gravidez. Minha mãe conta q quando ela estava grávida de mim, isso há 31 anos atrás, escutava as mesmas coisas, várias pessoas perguntavam se ela tinha certeza q não seria mais de um, mas ela nem dava bola, na verdade ela conta com orgulho q a barriga dela ficou grandona e linda. Eu nasci com quase 4,5kg e 54 cm, ela disse q os funcionários iam me ver, parecia q eu já tinha uns 3 meses. Mas acho q nem tem tanto a ver o tamanho da barriga com o tamanho do bebê, pois já vi grávidas com barrigões e a criança nasceu com menos de 3kg, era só líquido amniótico, rs.
    Bem, chateada minha mãe ficou com meu pai q quando me olhou pela primeira vez na maternidade disse q eu não era filha dele, q eu parecia ser filha de japonês, por causa dos olhinhos puxados da cara inchada de bebê, rsrs, mas creio q o Dan não será insensível assim, rs. Bjos!

  141. Les
    29 de março de 2016 - 03:27

    Nossa, Lia, que horror! Uma pena o mundo ser formado por tanta gente sem noção. Nós todas temos que nos apoiar! Se mulher não sentir empatia por mulher, quem vai sentir, não é?
    Muita força pra você!

  142. Cristhisne
    29 de março de 2016 - 06:28

    Lia tive duas gestações,primeiro um menino e depois uma gestação gemelar de duas meninas,com a primeira minha barriga ficou enorme,Muitos diziam que era “barriga de gemêos”,na segunda realmente de gemeos quase não tive barriga.kkkkkkk esses comentarios são de pessoas de ALMA VELHA, daquelas tias velhas,sem filhos e sem noção kkkkk não se ouve nada assim de gente bem informada e bem educada!

  143. Mariana Belfort
    29 de março de 2016 - 08:47

    Lia….sua barriga esta linda….eu também estou grávida, só que estou na 8° semana e pasme, já tenho barriga!!!! E é um só….mas minha mãe me disse que nas 3 vezes que ela ficou gravida também foi assim, a barriga já aparecia no segundo mês, e isso envolve muitas coisas, genética principalmente…não ligue, esse momento é NOSSO, e ahh eu também empino e acaricio minha barriga como se estivesse já no 9° mês.
    obrigada por compartilhar sua gravidez, esta super me ajudando!!! bjo

  144. Daniela Brogliatto
    29 de março de 2016 - 09:29

    Lia, engraçado que na primeira vez que vi sua barriga ainda com poucas semanas de gravidez, logo pensei: “Nossa, que barriga enorme linda!”
    Como as pessoas são pequenas diante da alegria das outras né? A coisa mais linda numa grávida é a barriga (isso sem contar o semblante maravilhoso que uma mãe carrega, a alegria nos olhos, a ternura estampada na face!!!), seja ela grande, pequena, alta, baixa, pontuda, redonda…sei lá, pra mim carregar um bebê no ventre deve ser uma experiência fantástica, incrível!!! Eu não vejo a hora de ter meu bebê, e penso assim como você… a barriga é minha, o corpo é meu, e faço dele o meu templo…
    Espero que este tipo de comentário sem noção não te incomode mais, pois você está linda, e sua barriga está maravilhosa!! Felicidades mamãe! Um beijo

  145. Roberta
    29 de março de 2016 - 09:52

    Adorei o texto, não sou mãe ainda, mas acabei de ganhar um sobrinho lindo, lindo, lindo e acompanhei de perto as loucuras que as pessoas fizeram com minha irmã, fazendo ela chorar em algumas vezes com comentários muito desnecessários… é muito triste. Mas preciso comentar algo engraçado que li no texto… sobre os gêmeos, a mulher do meu primo passou pela situação ter dois bebês, um escondido atrás do outro, nunca ninguém ligou pro tamanho da barriga dela, e todo o enxoval foi feito para um menino. Na hora do parto descobriram que eram 02!!! SURPRESA!!! Meu primo nem falava tamanho o susto que tomou… rsrsrsrs

  146. Carol Burok
    29 de março de 2016 - 10:05

    Lia, vc tá linda. Agora, qdo nascer piora, viu? O tanto de enxeridos que vão achar alguma coisa pra dizer que vc precisa fazer assim, ou assado. Que seu bebê está sentindo isso, ou aquilo. Tem que estar blindada de paciência pra não surtar.

    Aproveite muito essa fase, estando barriguda demais ou de menos, passa rápido e deixa muitas saudades!

    bjos! :-)

  147. Andressa Dilaucci Lino Silva
    29 de março de 2016 - 10:24

    Estou gravida de 32 semanas, 8 meses, e comigo o povo ja fala o contrario, nossa, q barriga pequena?! Aff.. e olha q eu engordei 14 kilos.. e nos meus ultrassons o peso e altura do Leonardo estavam normais. Não se preocupe Lia, o povo gosta de palpitar e falar e falar.. desde o começo coloquei na minha cabeça q não ia esquentar a cabeça com isso! Leonardo estando com saúde, e eu tb, é claro, é o q importa. E estou seguindo isso! Beijao e boa gestação!

  148. Erica
    29 de março de 2016 - 12:09

    Nossa, vcs dão importância demais para o que o povo fala. Para mim, entra por um ouvido e sai pelo outro….

  149. Karen
    29 de março de 2016 - 12:40

    Lia, primeiramente parabéns pela gravidez. Aproveite essa fase única! Realmente é preciso muita paciência para os comentários infelizes, pq a gente sabe que o bom senso passa longe de muita gente. Mas, por outro lado, eu acho que as vezes precisamos ser um pouquinho mais tolerantes. Nem sempre um “nossa, como sua barriga ta enorme!!!” é dito na maldade, pelo contrário. A pessoa achou aquele barrigão todo lindo e talvez não soube se expressar muito bem. Falo por mim mesma. Tenho um sobrinho lindo de 7 meses. E enorme! Eu sempre falo pra minha cunhada o quanto ele está lindo e grandão, mas com o maior carinho do mundo, não como uma crítica. Pode ser que ela se ofenda por uma coisa criada na cabeça dela, quando eu só quero dizer o quanto acho maravilhoso ele estar crescendo saudável a cada dia. Sou apaixonada por ele!

    Maaaaaas, com ctz tem muita gente abelhuda que fala na maldade mesmo. O que precisa é ter um filtro pra não se chatear com o que não precisa, as vezes é só um jeitinho estranho que as pessoas tem de dizer o quanto vc está linda.

    Um beijo enorme pra vc!! Que vocês tenham muita saúde e felicidades sempre.

  150. VIRGINIA
    29 de março de 2016 - 13:06

    Lia você está linda e estaria linda com barriga pequena, grande ou de qualquer outra forma sabe porque? Ser mãe é uma dádiva e toda mãe já é linda por natureza. Parabéns a você e a seu marido. Bjao

  151. Thamires Manoela
    29 de março de 2016 - 13:18

    Lia, infelizmente muitas pessoas não sabem nada sobre gravidez e maternidade, infelizmente isso é triste pq todo mundo nasceu e a grande maioria pensa em ter filhos, mas entender o que se passa no corpo é algo bem vago para as pessoas, os úteros são diferentes, a musculatura abdominal também, tem gente que só tem barriga de gravida depois dos 6 meses e sofre pq ninguém acredita e tem quem já apareça a barriguinha com 10 semanas e ai acham que é dois, fora que algumas mulheres tem uma coisa chamada diastase uterina, que faz o útero cresce muito mais do que precisa, ai o bb fica super tranquilo sem se apertar, isso é mais comum do que se pode imaginar e acredito que vc tenha isso, essa alteração não muda em nada na sua gestação nem no seu parto, só fara com que seu bb fique num duplex e não num kitnete, como eu costumo falar para as gestantes que acompanho, respira fundo e foca em vcs dois que agora é só isso que importa, bjos até mais.

  152. Marilia
    29 de março de 2016 - 14:45

    Engraçado como são as coisas… Eu estou esperando um menininho também, Lia. Estou com 2 semanas a mais q você e ficava comparando nossas barrigas. Falei várias vezes pro meu marido “poxa, ela tem menos semanas q eu e já tem essa barriga linda e eu naaada”. Agora minha barriga tá ficando redondinha também e eu to adorando, não vejo a hora de estar com o barrigão! Vc tá linda, Lia! Quantos às comparações e besteiras q o povo fala, infelizmente sempre vão existir, o povo é muito sem noção. Eu não engordei quase nada até agora, estava até muito magra antes de engravidar e vc precisa ver quantas insinuações de que vou ficar gorda minha sogra já fez… Responde como eu vi um dia desses “quando sua opinião for dinheiro, comida ou 8 horas de sono, vc pode me dar. Caso contrário, “teje” proibida” kkkkk

  153. stephany felisberto
    29 de março de 2016 - 17:32

    Liia curte sua barriga de grávida que está linda,não se preocupe com inveja das pesoas,a gravidez passa tão rápido e as pessoas sempre vão procurar um motivo pra falar mal de alguma coisa da gente,estou grávida de 24 semanas,é tão lindo pra gente esse momento,é mágico,então vamos ser felizes e deixar a inveja e a dor de cotovelo nessas invejosas de lado,porque o mais importante é que Deus está do nosso lado e vai sempre afastar o mal olhado da gente,nossos bebês vão vim com saúde e vão ser muito felizes com todo amor que iremos dar a eles…..bjinhuSSS….Td de bom pra sua família….

  154. Kata
    29 de março de 2016 - 18:14

    Lia, Estou passando o mesmo que você só que ao contrário. Estou com 21 semanas e não tenho barriga nenhuma , meu bebê é um menino, as vezes bate um desespero de tanto que as pessoas falam que eu não tenho barriga e me comparam com outras mulheres nessa fase, a gente começa a surtar pensando se está tudo bem sabe… Enfim sempre vão falar!!!

  155. Thaís
    29 de março de 2016 - 20:57

    Oi Lia, estava navegando no instagram quando vi a sua foto de 8 anos atrás e li toooodo o texto, foi impossível não pensar em todas as vezes que me coloquei pra baixo porque mesmo cometendo esse erro acabo caindo na besteira de achar que tem algo errado comigo, depois de tanto tapa na cara. Daí, olho o seu perfil e me deparo com essa foto linda da sua barriga e fico triste de novo lendo a descrição… Li todo o texto aqui no blog, ri em alguns momentos, mas pude sentir como se fosse eu que estivesse escrevendo o texto (mesmo não estando grávida e tal rsrs). Num momento em que você está tão feliz, e nós nos contagiamos com esse sentimento, ainda existem pessoas que gostam de apontar coisas que não são necessárias. Eu simplesmente não entendo como funciona a cabeça das pessoas, não entendo. Você é uma das blogueiras que acompanho desde muito tempo e tenho muito carinho. Por isso, assim como outras leitoras acima já comentaram, vou deixar meu conselho: curte esse momento e a sua barriga linda, se alimente de sentimentos e comida boa, fique perto das pessoas gentis e seja forte. Massss – todavia, se precisar de nós – , estaremos aqui pra você ♥ Desejo muita saúde pro bebê, pra você, pro Dani, a família e nós, seus leitores. Abraço :*

  156. Mari
    30 de março de 2016 - 01:22

    Lia, acho vc cada vez mais bonita e iluminada nas fotos! Fico chateada como fã do blog que vc se incomode por essas coisas, já é a segunda vez que vejo vc escrever ou falar em vídeo como se incomoda com isso… vc é publica (sobre o que publica kk) e as pessoas as vezes são maldosas ou simplórias mesmo, por isso falam o que vem a mente, mas nem todas por mal… uma opinião franca: acho que vc se importa demais com o que falam, parece. Relaxa, essa carga de contrariedade não é bacana pra vc, pro seu bb… vamos combinar de cagar para os avacalhadores de plantão e ter fé que são apenas palavras… nem todas gostamos, mas, o barato também é ouvir/ler, nem que seja secretamente para discordar kkk Vamos combinar que para o que for grave, tem processo, para os besteiróis, vamos apenas rir… não se estressa, os malvados não merecem! Bjos e não se irrite.

  157. Mariane Jacques
    30 de março de 2016 - 08:50

    Lia em primeiro lugar mais uma vez parabéns por sua gravides, você e sua barriga estão lindas. Lendo seu texto me despertou uma grande curiosidade, essas pessoas que ficam opinando de forma maldosa quanto a sua gravidez e de a inúmeras mulheres nunca pararam pra pensar que algum dia elas estarão gestantes e não ficarão satisfeitas com comentários do mesmo tipo, elas não percebem que a barriga delas poderá ser grande ou pequena, estar esperando 1 ou 2 bebês e que elas não vão gostar nada de receber esses tipos de comentários, e sim elogios e dicas que serão úteis. Como você mesma disse uma mulher é diferente da outra. Mais uma vez parabéns pelo seu bebê e aproveita essa sua barriga linda!

  158. Nakila Pimentel
    30 de março de 2016 - 11:01

    Exatamente isso, terrivelmente eu escutava exatamente isso, “nossa sua barriga é grande demais” “Nossa conheço outras grávidas que não são assim” e o pior na minha opinião é que a maioria das pessoas que me falavam isso nem filhos ainda tinham, eu sempre pensei que cada um tem uma gravidez diferente….uma barriga diferente e hormônios e corpo diferente…
    Infelizmente Lia isso é só começo de tudo, porque depois que meu filho nasceu começou as comparações dele com os outros filhos de fulano….que é bem mais doloroso ainda!!!
    Bjussss

  159. Gih
    30 de março de 2016 - 11:04

    Poxa é bem chato mesmo, não tenho filhos.. mas minha best de infância teve ano passado e eu como boa amiga sai lendo tudo sobre gravidas, bebes, o que pode e o que não pode.. e a cada matéria que eu achava bacana eu mandava o link pra ela.
    Li sobre algumas gravidas que não gostam que coloquem a mão na barriga dela, li sobre a comparação eterna de como a barriga delas tem de estar, li que a maioria não gosta que deem beijo no recém nascido… Claro que tudo vai variar de mãe para mãe e se você é próxima.. EU DISSE PRÓXIMA da pessoa você pode perguntar se ela aceita que você passe a mão para sentir o bebe, se ela está se sentindo bem.
    Mesmo sendo minha melhor amiga eu não passei a mão na barriga dela, porque eu a conheço e sei que ela gosta de ter o espaço dela, tanto que quando o bebe nasceu ela pediu pra que ninguém fosse na maternidade e esperasse ao menos uma semana para ir na casa dela, como “irmã” ela falou que eu estava liberada mas achei mais do que justo ela ter espaço e decidir esperar como todo mundo.
    Eu sempre faço os cartões de batismo, aniversário, chá de bebe, chá de lingerie e tudo mais que ela decide fazer.. como sou designer e ela minha melhor amiga não tem sentido ela pagar se eu posso fazer de graça! Acredita que até nisso as pessoas metem o dedo? Ela escolheu o tema Peter Pan para a festa de 1 ano e já tem gente dizendo que ela devia fazer algo mais leve como circo.
    Só eu sei o quanto ela sofre com as opiniões alheias, as pessoas tem que parar de querer mandar em tudo na vida dos outros. Aprender que amigo (ou seguidor que se sente amigo) tem que aceitar as escolhas da pessoa e deixar que ela lide com o que vier, sabendo que deu o melhor pra isso.
    Kisses.

  160. ronise
    30 de março de 2016 - 11:32

    o engraçado é que a gente escuta coisas opostas. ao mesmo tempo que muita gente me dizia que minha barriga estava grande demais para o tempo de gravidez, outras diziam que estava pequena demais. as pessoas esquecem que a gente tem acompanhamento médico né? e mais: como se desse pra gente controlar o tamanho da barriga. e o pior é que a falação e os palpites que começam na gravidez nunca mais param, porque todo mundo tem opinião sobre como você deve criar seu filho. o jeito é filtrar e informação e ignorar as bobagens. você tá linda! aproveite esse momento único.

  161. Ju
    30 de março de 2016 - 20:03

    Lia, você com 4 meses já tem um monte de foto linda da sua barriga pra mostrar pro seu bebê quando ele ficar maior e isso é maravilhoso!
    Eu nasci de 7 meses, e como foi uma gravidez com muitas complicações e riscos para a minha mãe, ela nem sequer pensou em tirar foto e hoje eu não tenho nenhuma fotinho sequer da minha mãe gravida, as vezes pra irrita-la eu pergunto se sou adotada, mas sou a cara dela então já perco ai hahaha por isso tire muitas e muitas fotos da sua barriga, com 3 4 5 até os 9 meses, você esta gravida, gerando uma vidinha, seu corpo tem todo direito de ficar como seu organismo quiser para o melhor para seu bebe e ninguém tem nada a ver com isso, pode engordar pouco, muito, isso é um problema todinho seu.

    você está linda, como sempre foi.
    e desejo muita saúde pra você e pro bebê.
    beijo

  162. Anne
    30 de março de 2016 - 20:48

    Eu simplesmente amo quando você faz esses posts de desabafo, porque sempre é algo que eu gostaria de dizer. Outra coisa boa é que todo mundo comenta!!!!!!

  163. Carol Ferraz
    30 de março de 2016 - 23:05

    Lia,
    Tá linda!
    Eu digo para quem quiser ouvir que, quando engravidar, não interessa o tempo de gestação, vou sair por aí empinando a barriga para mostrar ao mundo!
    Sua barriga está linda, parabéns!
    Tudo de melhor para o bebê e para os papais!

  164. Bruna
    31 de março de 2016 - 00:18

    Oi, Lia! Adorei o desabafo honesto! Confesso que uma das piores partes da minha gravidez e também da minha maternidade recente foram as opiniões alheias sobre tudo. E o pior, de pessoas da família ou amigos próximos. Acontece que sou super pequenininha e no fim da minha gestação fiquei bem barriguda (barriga da qual as vezes sinto falta!), o que fazia com que comentassem sempre que eu “não aguentaria” levar a gestação até o final. A verdade é que eu me senti ótima durante 90% da gravidez, trabalhando e caminhando até o dia do parto. As pessoas, mesmo sem intenção, acabam abalando nossa confiança nesse momento de tantas mudanças e inseguranças, mas temos que confiar nos nossos instintos, acreditar que somos capazes e principalmente curtir essa experiência que é a mais mágica da vida. Mais amor entre as mulheres!

  165. Larissa
    31 de março de 2016 - 15:38

    Lia!! Você está linda!
    Eu não tenho experiência como gestante, mas amigas minhas que tiveram babies meninos, a barriga é mais pontuda e, consequentemente aparece mais.
    Minha mãe também sempre fala: Barriga pontuda e aparente é menino.
    Então relaxa! Tenho uma amiga que está de 7 meses de menino e parece que ela já está de 9 meses. A sua barriga vai aparecer muuuuito ainda!rsrss
    Super bjo para vcs!

  166. Dayellen
    31 de março de 2016 - 16:59

    Você falou o que muita gravida tem vontade e não fala. As vezes as pessoas são muito inoportunas e sem noção mesmo!
    Estou gravida de 35 semanas, então minha cota de ouvir besteira esta quase no limite!kkkk
    Realmente ficar comparando tamanho de barriga é um saco! Cada mulher tem um corpo, cada bebe tem um tamanho. Muitas coisas influenciam o tamanho da barriga.
    Eu também escuto MUITO: ‘tem certeza que não são gêmeos?’, geralmente seguido de ‘mas quantos quilos você engordou?’, ‘tem certeza que não engordou mais do que isso?’, ‘então você esta bastante inchada né?’
    E sabe o pior? Essas pessoas vão continuar fazendo perguntas sem noção, mesmo depois que o bebe nascer e vão dar ‘dicas’ de como VOCÊ tem que criar/educar o SEU filho. É melhor cortar o mal pela raiz!! kkkk

  167. Marina Feerreira
    31 de março de 2016 - 17:41

    Lia!! Quando crescer quero ser igual a você, digo: quando tiver filhos quero uma barriga grande e linda como a sua kkk
    Brincadeiras a parte, muito obrigada pelo desabafo!!! Precisamos que mais mulheres reais falem de forma verdadeira sobre esse universo, chega de posts sobre a gravidez de contos de fadas e chega de gente em noção pelo mundo.

  168. Renata
    31 de março de 2016 - 19:07

    Lia, estou passando exatamente por isso! Minha batriga esta acompanhando a sua, e é incrivel como as pessoas comentam besteiras, tem dias q estou mais irritada e dou um fora mesmo! Alem disso, vi que você contou que algumas pessoas diziam q você tava fora do peso, antes de você anunciar que estava gravida, e comigo aconteceu o mesmo e fico impressionada e com medo do mundo que iremos criar nossos filhos. Gente, uma barriguinha a mais gera tantos comentarios sem nocao, é incrivel como as pessoas sao crueis… Hj n me preocupo com mais nada, alem do mundo q iremos criar nossos bbs.

  169. Rachel
    31 de março de 2016 - 21:11

    Nossa!!!!
    É bem assim mesmo!!!!
    Até um médico na emergência quando fui com dores me perguntou se eram gemeos pq minha barriga estava grande demais pra poucas semanas e mandou fazer um ultrasson pra saber se eu estava com muito líquido Só fez minha preocupação com as dores aumentarem, pq disse que não era normal… Mas está tudo bem, quantidade de líquido normal e tudo bem com meu bebe… E minha barriga???? Estou com 25 semanas e parece que estou com 35 achando muito linda e amando sentir ele mexer!!!!
    Pena que não da pra por foto dela aqui tiro todas as semanas com a mesma roupa e no mesmo lugar pra ver como muda! Faz isso vc vai amar!!!! Beijos e ️PARABÉNS aproveite muito cada segundo é deixa o povo falar!!!!!
    Liga não!!!!

  170. Carolina
    01 de abril de 2016 - 00:19

    Lia eu por ser pequena e magra já ouvi q tenho útero pequeno, útero infantil e que pode ser que ou o bebê n se desenvolva bem ou vá nascer prematuro. Que minha barriga não é grande, que não tenho capacidade nem pra parto normal, que meu corpo é isso e aquilo, e as pessoas me entopem tanto que eu cheguei ao ponto de não mais conseguir filtrar o que as pessoas falam. Todo mundo vira especialista. Parece que existe uma regra, um padrão pra grávidas e isso cansa demais, olho minha barriga e não a vejo tão bela como antes e seu relato me ajudou um pouco mas ajudou. To amando acompanhar seu baby, a diferença do seu pro meu é de apenas uma semana hahahahahaha estamos juntas nessa :) um grande beijo, se cuida e muita saúde pra vocês ❤

  171. letícia
    01 de abril de 2016 - 05:13

    Tá linda, ta maravilhosa e escreveu um excelente post!
    Nem tenho muito oq dizer a mais. É ótimo que vc tenha trazido esse assunto para reflexão. E eu assisto seus vídeos lá no Youtube e vc ta radiante. Sério! Achava que esse negócio que dizem que grávidas ficam “radiante” era invenção, mas eu acho que pela felicidade que vc ta sentindo, transparece em vc “por fora” digamos assim :)
    Um abraço!

  172. KAMILA
    01 de abril de 2016 - 11:01

    Lia! muito legal acompanhar essa fase, e entender um pouquinho como esta passando por ela. A um tempo acompanho vc, e é muito louco ver essas fase vindo! vc está linda! seu bebe vai ser lindo! beijossss

  173. Vanessa Mateus
    01 de abril de 2016 - 13:04

    Lia, exiba mesmo sua barriga de gestante.
    Tire milhares de fotos e post quantas quiser.
    Durante a minha gestação ouvi milhares de comentários: “mulher gravida é feia”, “sua barriga tá enorme, que parece que são dois”, “tá tão grade sua barriga, que vai ser impossível ser normal”…e por ai foram milhares de frases nesse sentido de parentes, amigas e até mesmo de desconhecidos na rua…que não te conhecem, nunca te viram e se acham no direito de parar para falar alguma coisa.
    Seu texto esta excelente e expressa exatamente o sentimento que tive, quando ouvi as primeiras frases neste sentido.
    Quanto mais falavam, mais eu exibia meu BARRIGÃO! Eu amava meu barrigão! Me achava linda grávida e me exibia mesmo, problema de quem estivesse incomodado(a) COM A MINHA FELICIDADE DE ESTAR GRÁVIDA!
    Aproveite cada segundo da sua gestação.
    bju

  174. Carolina
    01 de abril de 2016 - 13:29

    Lia, escutei isso durante toda a minha segunda gravidez. Fui ficando tão encanada que, no fim, já não tava curtindo tanto minha barrigona. Hoje, me arrependo por ter me deixado levar por esses comentários infelizes. Aproveite a sua pois quando passa, dá saudade mesmo… Bjo

  175. Liliane Mabel
    01 de abril de 2016 - 15:02

    Minha barriga era exatamente igual a sua. Tenho um meninão lindo e ouvi todo tipo de comentário. Vamos aproveitar nossa barriga, porque o que ta dentro é nosso e nossa responsabilidade. O povo é muito sem noção e como eu sempre digo: “Se você for falar algo para alguém, qualquer coisa que dá menor forma a deixe triste, aborrecida ou chateada, não fale, não há necessidade. Fique para você e só deseje coisas boas. Tudo volta e em uma intensidade e velocidade que a gente nem imagina.” Muuuuuita paz para você e sua família. Bjooo

  176. Thamyris
    01 de abril de 2016 - 19:27

    Eu poderia escrever um mega comentário, mas já to vendo mtos por aqui… Então… Que sua barriga cresça mais a cada dia super linda! Que Deus abençoe muito esse menino lindo! ❤️

  177. Isabela Borges
    01 de abril de 2016 - 20:39

    Olá. ..estou com 18 semanas.E minha cunhada vive enchendo meu saco sobre minha barriga,fora q mal cuida do filho dela,já quer me ensinar a criar a minha que nem nasceu…acredita!!:(
    E minha primeira gravidez,sou casada há 16 anos,casei nova.E passei a vida toda sendo cobrada pq não tinha filhos,olha a idade,olha se tiver filho depois dos 30 anos e perigoso…olha tá ficando velha…e sem filhos . ..e blá blá. ..blá. ..blá. ..Ah,…ainda ouvi essa :Vc já fez exames vc pode ser estéril kkkkkkkkkkk….pode isso produção
    Um belo dia na minha vontade e a De DEUS, lógico fiquei grávida, pensa num povo q falou….palpitou…E as cobranças :Não vai engorda, não comi isso…não faz isso…não faça barriga Grande, kkkkkkkkkk como se eu mandasse na minha barriga…”Não cresça tá barriga”…genteeeee que chato!!!!Paresse que está gravida e viver no BBB. ..numa casa vigiada.Saco!!!!!! Deixa a gente viver nossa Barriga,sendo baixa ,magra,gorda,Redonda, quadrada…Deixem a gnt viver esse momento.Por favor!!!Cada gravidez e diferente na.Chateada…olha que estou 18 weeks. ..sou tão cobrada pela minha barriga ainda sou baixinha tu imagina….agora!!!

  178. Juliana
    01 de abril de 2016 - 21:14

    Lia, não consegui comentar no vídeo…sou doula.
    É uma hora mto boa pra pensar no parto, porque pode ser necessário trocar de médico, que é a mudança mais traumática em relação ao parto humanizado…
    Além disso, não tem problema você e seu marido serem grandes, até pq a natureza é linda e é raríssimo ocorrer uma desproporção encefalopélvica, que é quando o bebê é grande demais – e esse quadro só pode ser identificado durante o trabalho de parto.
    Nomes de médicos humanizados até a raiz em SP: Jorge Khun, Betina Bitta, Cátia Chuba, Andrea Campos.
    Parto humanizado realmente é infelizmente exige dinheiro, mas se você tiver possibilidade de ir em algum desses médicos, vá! Nem que for pra conhecer melhor o trabalho do médico no parto humanizado.
    Vc tbm tem o direito – por lei – de saber qual o índice de cesarianas da sua médica, aí pode decidir se quer continuar com ela ou não.
    Bom, essas são algumas dicas…
    Não to ganhando nada pra falar esses nomes, viu? Nem de SP sou…hehe

  179. Vanessa
    02 de abril de 2016 - 14:38

    O tempo todo ouço: como você está enorme! Ou nossa, acho que tem dois bebês, ou nossa, esse ta nascendo já… Mas acho que o comentário mais sem noção foi: VAI DAR BASTANTE LEITE! QUANTO VAI SER O LITRO DO LEITE?

  180. Alice Marques
    03 de abril de 2016 - 21:36

    Minha amiga está no último mês de gravidez (não sei contar semanas, sou de humanas…rsrs) E ela está com um barrigão, toda boba. No atual momento ela já sabe que a princesa dela vai ser enorme, o marido dela tem quase 2 metros, a tadinha é pequenininha.
    Ela vive postando no facebook sobre esses mesmos comentários sem noção sobre ela ter dois bebês e não só um, gente, o povo não tem noção mesmo né? É uma fase dão delicada e tão bonita para as mulheres, as pessoas deveriam ser mais sensíveis. Principalmente as mulheres.

    Você está linda, sua barriga está linda e vocês estão felizes e isso que importa!

  181. Mayara Farel
    13 de abril de 2016 - 00:27

    Lia, você é ótima!

  182. Fra
    19 de abril de 2016 - 14:04

    Perfeito Lia !!!! Parabéns…tá linda! curte essa barriga linda, pq depois dá uma saudade!!!!!!! bj bj

  183. Laila
    25 de abril de 2016 - 19:54

    Eu adoro barriga grande (tenho uma e nem grávida estou hahahahaha) e devo dizer que ia achar O MÁXIMO se fossem gêmeos, meu sonho <3

  184. Marcela
    26 de abril de 2016 - 15:29

    Ai passo pela mesma coisa, estou com 25 semanas e os comentários do tipo: E as crianças? Tem dois ai neh? Não param!!!
    Pessoas cansativas demais, mas a gte tem que deixar essa gente chata pra lá e curtir esse momento tão especial!
    Bjs!
    Mah
    http://www.decasinhanova.blogspot.com.br

  185. HAYANA MARIA
    28 de abril de 2016 - 16:18

    Oi Lia, tudo bem com você, seu baby e o Papai!? Espero que sim. Acompanho você através do seu canal do Youtube, Insta e Blog desde o ano passado, sei que não é a tanto tempo assim e fico triste por isso porque gostaria de já ter você e suas atitudes, opiniões e dicas presentes em meu cotidiano desde sempre. Assim como você e o Daniel, eu e meu esposo estamos grávidos e o engraçado é que engravidei no mesmo mês que você e minha pequena (Maria Heloísa) também nascerá em Agosto. Estou como você, enfrento diariamente esses e outros demasiados comentários sobre a minha gravidez, tamanho da barriga e tempo de gravidez. Muitas vezes os relevo e continuo seguindo minha rotina e vida. Mas quando surgi algum(a) engraçadinho(a) querendo tirar onda, não penso duas vezes e deixo vir a tona aquelas respostas que eles dizem ser brutas. Caramba, ninguém merece passar por essas situações e mais ainda persistentemente. Tenha santa paciencia!!! Espero que muitas pessoas ridiculas que agem dessa forma tenham acesso a esse poste e sintam um pouco do que elas fazem nós passarmos. Num vejo a hora de ter a minha Heloísa em meus braços e desfrutar ainda mais dessa relação mãe e filha. Estou por aqui em Recife – Pe torcendo e acompanhando você e a sua gestação. Fica com Deus minha linda :-)

8assista Just Lia TV no youtube9
Outros vídeos
8siga @kittykills no instagram9