Home » O que eles pensam sobre Presente de Natal
10 de dezembro de 2013 - 13:30
29
Estilo

O que eles pensam sobre Presente de Natal

Presente para homem sempre parece ser mais difícil, né? Todo mundo quer que a pessoa presenteada sinta-se especial no dia de Natal, mas talvez o mais importante seja todo o ato da elaboração e entrega da ideia, isso conta muito mais do que o presente em si. Surpresas são mais legais! Porém, não custa nada ver alguns palpites dos nossos queridos colaboradores para nos ajudar a decidir o que comprar para os homens nesse Natal. As leitoras pediram e aqui está… o que eles pensam sobre Presente de Natal.

. Conheça Eles: Gravataí MerengueGustavo Mendonça, Fred Elboni e Claudio Tarandach.

Relógio

o-que-eles-pensam-presente-de-natal-relogio gravzGravataí Merengue:
Falaê, mulherada! Belezura? Então vamoquevamo: seguinte, sou da turma que não espera natal, aniversário ou dia dos namorados para dar presentes. Na minha opinião, o mais legal é prestar atenção e saber exatamente o que seria agradável (ou mesmo necessário). MAS – tem sempre um “mas”, e esse é importante -, É SIM FUNDAMENTAL DAR PRESENTES NAS DATAS. Quem vem com essa de “ai, é só comercial” é gente muito sem noção – e chata até dizer chega. Passado o preâmbulo, vamos ao relógio: gosto muito. Como não tenho exatamente uma vida esportiva, de modo que não preciso marcar tempo, cronometrar nada ou mesmo ter uma peça que resista a determinadas profundidades, gosto dos que marcam hora – preferencialmente com pulseiras de aço (acho zoado couro e mto menininho borracha).

gustavo-03Gustavo Mendonça:
Oi meninas, e aí tudo bem?! Natal chegando e para nós homens é bem difícil escolher presente pra vocês, mesmo conhecendo bem. Nem toda mulher é fácil de agradar, o que torna tudo mais difícil, né?! Kkkkkk Eu sou um apaixonado por relógios, não saio de casa sem um, e eu gosto de ver mulher com um relógio bonito. Como já referi aqui em outros posts, eu reparo bem detalhes, sim. Não em todos, mas em vários! kkk Eu acho que tem relógios para todas as ocasiões, desde os mais desportivos aos clássicos, os de aço são os meus favoritos e o que mais se adaptam a qualquer tipo de look, por isso eu ofereceria um desses. .

Fred Elboni:
Para começarmos essa conversa confesso que nunca fui um cara – imagina que louco se eu colocasse um ponto aqui – que soube receber presentes. Sempre fui daqueles que fica sem reação e com certa cara de paisagem ao recebê-los. Mas voltando ao assunto, admito: sou fascinado por relógios. Tenho vários. E acredito que somente um relógio pode tornar um homem, num verdadeiro homem. Raciocinem comigo: se você vai a uma reunião de trabalho, e lá está um jovem, vinte e poucos anos, bermudão, camisa jeans, touca e óculos. O que você vai achar? Que deve ser filho do chefe, claro. Mas e se esse mesmo rapaz, com a mesma bermuda e a mesma touca, estiver usando um relógio. De ponteiros. Aí a coisa já muda de figura. Ele pode ser algum gênio excêntrico ou um criativo que, dado o alto nível das ideias que ele sempre dá, possui uma licença tácita para se vestir do jeito que bem entender, enquanto você, sem relógio, está suando até agora por causa da viagem de metrô às sete da manhã dentro desse terno preto. Enfim, divindades de um relógio de ponteiros.

Claudio Tarandach:
Relógio é algo muito pessoal e os gostos variam muito. Outro ponto é que um relógio bom é beeeeem caro. Se você pensa em dar um relógio de presente pro teu namorado, certifique-se de conhecer muito bem o gosto dele e de que você tenha uma boa reserva de grana para gastar aí. Se não for uma relação tão estável ainda, pense se vale dar este presente.

Games

o-que-eles-pensam-presente-de-natal-games2 gravzGravataí Merengue:
Não jogo videogame – sou de outra geração, né? 37 anos na face, nem teria como ser um “gamer”. Gostava de brincar com o wii, com meu irmão, jogando tênis e tomando cerveja. Nossa última partida, até que rápida, foi em 2011. Não saberia indicar qq presente nessa seara (mas posso perguntar ao meu sobrinho de seis anos, que manja tudo e mais um pouco, vez que se encontra na faixa etária correspondente). Ok, foi brincadeira – pessoal fica bravo com isso.

gustavo-03Gustavo Mendonça:
Eu sei que muitas vocês gostam de jogar vídeo game, e todo homem gosta de uma parceira para jogar kkk, mas eu não daria um game de presente. Quando penso nisso como presente de natal penso logo em criançada feliz abrindo o presente..

.Fred Elboni:
Por mais estranho que pareça eu não tenho nenhum videogame. Para não dizer nenhum, tenho um Super-Nintendo que tem Mário e Top Gear. Mas está lá empoeirado. Não faço muito o estilo de cara que gosta dessas tecnologias. Sou velho e ranzinza.

Claudio Tarandach:
Criança até uns 45 anos, todos os homens gostam de games! Se você está pensando em dar um PS4 pra ele, gaste um pouco a mais e dê um presente que ele nunca esquecerá: uma viagem para 2 pessoas para miami + a compra do PS4. Você vai economizar ainda. É que a nossa presidente resolveu cobrar R$ 4000 pelo console, afinal, esse é o país mais rico do mundo e a desigualdade social é mínima, né? Todos podem comprar um.
.

Bebida

o-que-eles-pensam-presente-de-natal-bebidas gravzGravataí Merengue:
Taí algo que entendo um pouco, não muito, mas o suficiente para não fazer feio. A grande pedida é o whisky e, nesse caso, minha recomendação primeira é: NÃO COMPREM NO BRASIL. Há cota para trazer do exterior, e mesmo no freeshop, então tentem aproveitar. Se não der, paciência. E tentem fugir da mesmice de algumas marcas, pois há outras muito boas que nem sempre são conhecidas do grande público (ex: The Macallan, Royal Salute etc.). Como fumo charuto, tenho certa afinidade com o rum envelhecido, no que aproveito para deixar mais essa dica (Zacapa, da Guatemala, é barato lá fora e formidável).

gustavo-03Gustavo Mendonça:
Não, eu também não daria uma bebida como presente para uma mulher.

Fred Elboni:
Ainda não tenho maturidade para ter litros de bebidas em casa.

Claudio Tarandach:
Sempre bom. Sempre bem-vinda. E ainda existem edições especiais para datas como esta que um bom bebedor certamente irá adorar.

Camisa de Futebol

o-que-eles-pensam-presente-de-natal-camisa-futebol gravzGravataí Merengue:
Tenho algumas, acho que todo homem tem, mas daí a ganhar DE PRESENTE, convenhamos, tem o mesmo grau de cafonice dos que usam EM EVENTOS SOCIAIS. Camisa de futebol é para tomar cerveja com os amigos em casa, e olhe lá (exceto quando o camarada ainda não fez 20 anos, daí tá beleza). Ok, aviso novamente que é brincadeira. Vocês são muito bravos, tá louco, qualquer coisa é NOOOOSSAAA.

gustavo-03Gustavo Mendonça:
Eu não ligo muito para futebol, prefiro tênis ou basquete, por isso eu também não daria uma camisa de futebol, nem da seleção eu acho! kkkkkkkk Até porque penso que como a maior parte das mulheres iria dar pouca utilidade a ela, rs.

Fred Elboni:
A reação de receber uma camisa de futebol da minha mulher de presente de natal, seria a mesma que ela teria caso eu fosse a um jantar de família vestindo-a.
.

Claudio Tarandach:
Se o cara é fanático pelo time, certamente ele já tem a camiseta que você pensa em dar. Acho um bom presente se ele manifestou um interesse recente em comprá-la ou se vocês moram/um dos dois veio de um estado diferente e ele gosta do seu time. Nunca, eu repito, NUNCA dê uma camisa do teu time se for do mesmo estado..

Perfume

o-que-eles-pensam-presente-de-natal-perfumegravzGravataí Merengue:
Não vou ajudar muito nessa área, eu sei. Isso porque uso exatamente os mesmos dois perfumes há DEZESSEIS ANOS. Isso mesmo. São eles: Safari (Ralph Lauren) e Dolce & Gabbana cologne for men (o da caixinha azul). Não gosto dessa coisa de “perfume da moda” – acho meio breguinha e tal. Mas esse sou eu, né? O chato, o velho etc..

gustavo-03Gustavo Mendonça:
Adoro dar perfume por duas razões bem simples: primeira todo homem gosta de mulher cheirosa e em segundo eu acho que perfume marca mais o momento do que uma música. Dando um exemplo bem simples, até hoje não tem como estar em qualquer parte do mundo e não reconhecer aquele perfume da minha mãe, tem coisa melhor?! rs

Fred Elboni:
Uso o mesmo perfume há 5 anos. Armani Code. Não troco por nada, gosto de deixar aquele cheirinho de Fred sempre intacto e previsível. Obrigando assim todas as minhas ex-namoradas a queimar meus travesseiros. E minhas camisas GG que ficaram com elas.

Claudio Tarandach:
Quer dar um perfume? Tente saber o tipo que ele usa e use em você mesma diferentes tipos: cítrico, amadeirado, doce, etc. e o faça cheirar para ver se ele gosta. Fique esperta porque nem sempre o que ele gosta em você, ele gosta nele. Eu, por exemplo, prefiro os amadeirados, mas depende muito da combinação e do meu humor, não sigo isso à risca. Os meus atuais são: Gucci Guilty Intense e Bleu de Chanel.

Sapato

o-que-eles-pensam-presente-de-natal-sapatos gravzGravataí Merengue:
Prefiro tênis. Desde que larguei a carreira jurídica forense, fiz o favor a mim mesmo de não usar mais paletó e calça sociais, bem como gravata e, claro, SAPATOS. Só em ocasiões pra lá de únicas. Desse modo, tenho uma relativamente vasta coleção de tênis e, nesse sentido, acho um ótimo presente (para mim). Gosto dos discretos, sem cores muito vivas ou símbolos brilhantes e mega visíveis. Nas lojas, tendem a vender sob o nome “casual” (mas fujo dos sapatênis que às vezes surgem nesse grupo). Em geral, Puma e Adidas fazem os mais bonitinhos – mas tem de tudo, incluindo Nike, Converse e até Lacoste). Taí um presente que não é caro e agrada muito (a mim). Mas, sejamos honestos, presentear OBVIAMENTE envolve o mimo em si, mas também é preciso ter carinho, cuidado, atenção para saber o que de fato vai agradar. Muitas vezes algo muito caro não é aquilo que a garota gostaria de receber – e não há dinheiro no mundo que compre essa sensibilidade. E isso, por óbvio, vale também para a hora de vocês presentearem os meninos.

gustavo-03Gustavo Mendonça:
Sapato também é um presente que eu daria, mulher é apaixonada por sapatos, cada uma com seu tipo, rs. Eu ofereceria um tênis para ela correr/malhar comigo, rs, ou ofereceria um sapato social. Boas compras pra vocês e boa semana!!!

Fred Elboni:
Um Vans, um copo de água e…  Não se nega a ninguém. Melhor eu deixar a imaginação de vocês completar as reticências.

Claudio Tarandach:
Se o cara é aficionado por sapatos sociais, ele adorará ganhar mais um. Se o cara não está nem aí para isso, certamente ele está precisando de tênis de academia (porque o atual está quase se desfazendo), tênis pra sair (o atual está bem estragado) e sapato (só tem 1 ou 2 pares); portanto, será um bom presente.

Post Anterior
Orquídea Radiante é a cor de 2014
Próximo Post
Nham! Os doces e o bolo do casamento
...Comentarios...
29 Comentários

Para usar avatar, cadastre-se com seu email em gravatar.com
  1. Laura
    10 de dezembro de 2013 - 14:14

    Amo quando tem “O que os homens pensam”! Tem que ter mais vezes!!!!!!!!!!!

  2. Nayara
    10 de dezembro de 2013 - 15:03

    o Gustavo não entendeu. foi a única conclusão que eu consegui chegar hahaha

  3. Natália
    10 de dezembro de 2013 - 15:33

    “Ainda não tenho maturidade para ter litros de bebidas em casa.” “Cheirinho de Fred” hahahahahahahaha

    Fred é demais.

  4. Anne
    10 de dezembro de 2013 - 15:55

    Eu não sou uma pessoa supersticiosa, mas sempre lembro de gente falando para não dar perfume de presente porque quando ele acaba o relacionamento também termina =P
    Só sei que já dei perfume de presente e a relação acabou antes do perfume chegar na metade huUAHHUAhuhuhuA
    Acho bem difícil presentear homem, mas já imaginava essas respostas deles.

  5. Anna Fagundes
    10 de dezembro de 2013 - 16:00

    Nayara em 10 de dezembro de 2013 às 15:03 disse:

    o Gustavo não entendeu. foi a única conclusão que eu consegui chegar hahaha

    hahaha ele nao entendeu mesmo e realmente foi a unica conclusão que eu cheguei rs.

  6. Mariana Castela
    10 de dezembro de 2013 - 16:04

    carreira jurídica forense ? apaixonada no grav. beijos.

  7. Kah
    10 de dezembro de 2013 - 16:40

    O Gustavo definitivamente não entendeu a proposta do post, mas ok…
    Gravz te imaginei sentado na poltrona do poderoso chefão com um charuto numa mão e um copo de Whisky na outra. Você definitivamente é de outra era! kkkkk

  8. Sylvia
    10 de dezembro de 2013 - 18:40

    Nayara em 10 de dezembro de 2013 às 15:03 disse:

    o Gustavo não entendeu. foi a única conclusão que eu consegui chegar hahaha

    Acho que ele misturou as perguntas que fiz, pois pedi para contarem tb o que gostam de presentear as namoradas no Natal.
    haha Tadinho, mas não vi como um erro pq ele tb falou se curtia ou não as coisas em questão. Mas vou pedir para ele refazer.

  9. Sylvia
    10 de dezembro de 2013 - 18:43

    Anne em 10 de dezembro de 2013 às 15:55 disse:

    Eu não sou uma pessoa supersticiosa, mas sempre lembro de gente falando para não dar perfume de presente porque quando ele acaba o relacionamento também termina =P
    Só sei que já dei perfume de presente e a relação acabou antes do perfume chegar na metade huUAHHUAhuhuhuA
    Acho bem difícil presentear homem, mas já imaginava essas respostas deles.

    Também conheço essa superstição, Anne! hahah Mas acho que não funciona muito, pq o meu pai sempre dá perfumes para a minha mãe e eles estão juntos há quase 30 anos. :)

  10. Alice
    10 de dezembro de 2013 - 20:15

    “E acredito que somente um relógio pode tornar um homem, num verdadeiro homem.”

    Ah não, tenha dó. Deleta essa bobagem.

  11. Roberta
    10 de dezembro de 2013 - 20:48

    Só mesmo o Gravataí pra salvar estes posts!!

  12. Rossana Baptista Queiroz
    11 de dezembro de 2013 - 00:27

    Só vou ter que discordar de uma coisa que o Gravataí disse (apesar de amar o estilão sarcástico/filosofante dele): existem SIM gamers na faixa dos 35+, eu conheço alguns exemplares. Mas concordo, se o perfil do cara não é gamer (e isso é muito fácil de descobrir), não rola.

  13. Fabiana
    11 de dezembro de 2013 - 00:47

    Engraçado eles não gostarem de games, todos os homens que conheço adoram, mas acho que é porque tenho convívio com o público-nerd do Brasil, hehe.

    Inclusive pro meu namorado eu tô pretendendo dar o GTA V e ele já me perguntou umas 200 vezes porque eu ainda não dei, super ansioso. Fazer o que, rs.

  14. Mellyna
    11 de dezembro de 2013 - 00:48

    Gravz, quero ser sua estagiária

  15. Marjorie
    11 de dezembro de 2013 - 06:36

    Claudio tá sabendo bem, héin? Desde quando é o presidente que decide preço de video game?

    Quem cobra tudo isso é o fabricante, vai reclamar com ele. Se descontar os impostos o PS$ continua sendo mais caro no Brasil. Pq o fabricante sabe que aqui tem trouxa que paga.

    • Bia
      11 de dezembro de 2013 - 11:10

      Presidente decide tudo, Marjorie. A política, e, principalmente a democracia, funciona assim. Tão simples, né? Essas coisas me tiram do sério, cara…ainda bem que não fui a única que se incomodou :)

      Marjorie em 11 de dezembro de 2013 às 6:36 disse:

      Claudio tá sabendo bem, héin? Desde quando é o presidente que decide preço de video game?

      Quem cobra tudo isso é o fabricante, vai reclamar com ele. Se descontar os impostos o PS$ continua sendo mais caro no Brasil. Pq o fabricante sabe que aqui tem trouxa que paga.

  16. Gilmara
    11 de dezembro de 2013 - 12:57

    O Gravs tem uma cara de “poderoso chefão”, o cara fuma até charuto hahhahahahahahahahaha mais ele é sempre acido! AMO :)

  17. Geovana Cybele
    11 de dezembro de 2013 - 14:33

    Algumas opiniões bem interessante….

  18. Claudio Tarandach
    11 de dezembro de 2013 - 15:02

    Eu sei que não é o(a) presidente que decide o preço do produto, assim como o fabricante tem uma série de impostos e dificuldades colocados pelo governo que tornam o seu produto muito mais caro do que realmente é. E claro, tem muitos pormenores de contexto políticos, monetários e a margem de lucro.

    A ideia era simplesmente fazer uma brincadeira com os memes que foram feitos nas redes sociais. Esses todo mundo viu. Não acho que aqui seja um espaço para se discutir isso, por isso preferi a brincadeira.

    Pensei que fossem entender.

    Sinto se incomodei algumas de vocês, mas fico feliz de ter aberto espaço para atacarem e mostrarem toda a sua sabedoria.

    • Gravatai Merengue
      11 de dezembro de 2013 - 15:33

      Claudio Tarandach em 11 de dezembro de 2013 às 15:02 disse:

      Eu sei que não é o(a) presidente que decide o preço do produto, assim como o fabricante tem uma série de impostos e dificuldades colocados pelo governo que tornam o seu produto muito mais caro do que realmente é. E claro, tem muitos pormenores de contexto políticos, monetários e a margem de lucro.

      A ideia era simplesmente fazer uma brincadeira com os memes que foram feitos nas redes sociais. Esses todo mundo viu. Não acho que aqui seja um espaço para se discutir isso, por isso preferi a brincadeira.

      Pensei que fossem entender.

      Sinto se incomodei algumas de vocês, mas fico feliz de ter aberto espaço para atacarem e mostrarem toda a sua sabedoria.

      E vc acertou, btw. Pessoal foi na onda de um texto zoado dizendo que o preço do PS4 era puramente ganância vs. “tem quem paga”, mas é claro que a política econômica (especialmente tributária) influi predominantemente nisso.

      A tigrada ficou brava de bobeira. Era só ter lido outros textos :D

      http://www.implicante.org/artigos/o-preco-do-playstation-a-desigualdade-social-e-os-pobres/

  19. Thalita
    11 de dezembro de 2013 - 15:21

    Gravatai <3

  20. natalia
    11 de dezembro de 2013 - 19:02

    Com certeza uma das melhores edições da tag. Namoro há três anos e toda vez é um parto para escolher o presente do namorado. Mulher se contenta com flores, chocolate, acessórios ou qualquer coisa que demonstre um empenho e sentimento do amado, mas com homem é diferente, não?! E dá pra notar pelas respostas deles, que foram bem diferentes umas das outras.

  21. Bárbara
    11 de dezembro de 2013 - 22:15

    É interessante saber a opinião dos homens sobre presentes, porque acho muito difícil presenteá-los. Adorei a opinião do Fred sobre camisa de futebol, hehehe.

  22. Bia
    12 de dezembro de 2013 - 10:26

    Relaxa, colega! Ninguém tá te atacando, não! E se eu quisesse mostrar toda a minha sabedoria eu me esforçaria um pouco mais do que as três linhas que escrevi.
    Só acho essas reclamações muito #classemediasofre, e quando a gente expõe as opiniões assim, por escrito, e num blog que tem acesso pra caramba, as coisas tomam proporções diferentes de uma piadinha de boteco. Aí eu sou enxerida mesmo e não consigo não me colocar no meio!

    Claudio Tarandach em 11 de dezembro de 2013 às 15:02 disse:

    Eu sei que não é o(a) presidente que decide o preço do produto, assim como o fabricante tem uma série de impostos e dificuldades colocados pelo governo que tornam o seu produto muito mais caro do que realmente é. E claro, tem muitos pormenores de contexto políticos, monetários e a margem de lucro.

    A ideia era simplesmente fazer uma brincadeira com os memes que foram feitos nas redes sociais. Esses todo mundo viu. Não acho que aqui seja um espaço para se discutir isso, por isso preferi a brincadeira.

    Pensei que fossem entender.

    Sinto se incomodei algumas de vocês, mas fico feliz de ter aberto espaço para atacarem e mostrarem toda a sua sabedoria.

  23. Claudio Tarandach
    12 de dezembro de 2013 - 16:03

    Gravatai Merengue em 11 de dezembro de 2013 às 15:33 disse:

    Claudio Tarandach em 11 de dezembro de 2013 às 15:02 disse:

    Eu sei que não é o(a) presidente que decide o preço do produto, assim como o fabricante tem uma série de impostos e dificuldades colocados pelo governo que tornam o seu produto muito mais caro do que realmente é. E claro, tem muitos pormenores de contexto políticos, monetários e a margem de lucro.

    A ideia era simplesmente fazer uma brincadeira com os memes que foram feitos nas redes sociais. Esses todo mundo viu. Não acho que aqui seja um espaço para se discutir isso, por isso preferi a brincadeira.

    Pensei que fossem entender.

    Sinto se incomodei algumas de vocês, mas fico feliz de ter aberto espaço para atacarem e mostrarem toda a sua sabedoria.

    E vc acertou, btw. Pessoal foi na onda de um texto zoado dizendo que o preço do PS4 era puramente ganância vs. “tem quem paga”, mas é claro que a política econômica (especialmente tributária) influi predominantemente nisso.

    A tigrada ficou brava de bobeira. Era só ter lido outros textos :D

    http://www.implicante.org/artigos/o-preco-do-playstation-a-desigualdade-social-e-os-pobres/

    Sim! =D

    Muito bom esse texto que você “linkou”.

    Ficaram bravas por uma brincadeira, além de usarem a base comum da luta de classes para atacar.

    vou começar a acompanhar o blog.

  24. Jaqueline
    13 de dezembro de 2013 - 19:28

    Acho todos esses presentes boas indicações pros garotos… Não tem como errar! Eu acho que a onda do momento é games… O perigo é passar mais tempo jogando do que namorando!

  25. Lisiane
    14 de dezembro de 2013 - 15:49

    O Gravz é old fashion mas gosto dele mesmo assim, desde que eu lia a coluna da minha amiga Lili no Gravatai Merengue!

  26. Arusha
    19 de dezembro de 2013 - 10:50

    Sinceramente, só leio os comentários do Gravataí.. demais!
    Só destoou do meu namorado no quesito sapato, pois o meu boy ainda está na carreira jurídica e TEM que usar sapato.. mas de resto.. idêntico!

8assista Just Lia TV no youtube9
Outros vídeos
8siga @liacamargo no instagram9