Olimpíada 2012 – Patriota até no look

42 comentários

Por Lia
19/Jul/2012 12:00
Lia

Sabe o que eu mais gosto na época de Olimpíada e de Copa? Do patriotismo que não se contém no nosso coração. Acho que comparado com outras nações mais tradicionais, falta no brasileiro uma paixão maior pela sua bandeira e hinos, uma devoção maior com sua cultura e história. E nessas ocasiões, a gente felizmente acaba extravasando isso com o esporte, numa torcida orgulhosa que realmente se une pra vibrar por seu país.

Pra dar uma forcinha, quero quebrar de vez o preconceito de que a mistura de verde e amarelo é feia. São 2 cores lindas e que tem tudo a ver com nossa tropicalidade e energia. Esqueça as cores literais da nossa bandeira… Pense em combinações com tonalidades diferentes, como o verde menta e verde oliva, amarelo mostarda e amarelo bebê.

Kryz - kaniMayo

AlexandraKonstantinaBea

AlexandraWows - Anna

Convenci?! Já estou reunindo meus acessórios nessas cores, pois quero muito estampar esse orgulho lá em Londres! E pra terminar, 2 fotos invernais da minha super diva fashion dos seriados, Blair Waldorf, arrasando no brasileirismo!

 Leia todos os posts do Just Lia sobre Londres
 Veja todos os posts com dicas de Como Usar
 Acesse o blog F*Hits Olimpíadas

Posts relacionados:

O que eles pensam sobre Acessórios de Inverno

214 comentários

Por Sylvia
10/Jul/2012 03:57
Sylvia

No frio do inverno nada melhor do que ficar bem quentinha, mesmo na rua. Para isso existem alguns acessórios que, além de nos ajudarem a enfrentar o inverno, ainda deixam o nosso look bem mais estiloso. Mas será que os homens concordam com essa parte do “estiloso“? É o que descobriremos hoje no o que eles pensam sobre Acessórios de Inverno.

Conheça Eles: Gravataí Merengue, Lélu, Pedro Mainardes e Cláudio Tarandach.

Aquecedor de Orelha

Gravataí Merengue:
Olá, amigas! Vamos falar de acessórios de inverno neste calor quase quarenta graus em São Paulo (volta, inverno!). Lembro de ver esses aquecedores auriculares ainda bem novinho e tinha certeza de que era algum tipo de Headphone (na minha infância, os fones eram todos  assim grandões, depois voltou à moda e tal). Acho bonitinho, mas É PRECISO TER NOÇÃO de usar onde (e quando) realmente faz esse frio, né? Se  não fica parecendo aquele povo jeca de cidade predominantemente quente, que coloca uma blusa assim que faz vinte graus.

Lélu:
Ótimo e estiloso para esquentar as orelhas num dia frio. Acho que pior que orelhas geladas é o nariz gelado, mas esse não tem como esquentar. Obs: Se você mora do Rio de Janeiro pra cima e usar um aquecedor de ouvido… VOCÊ ESTÁ FAZENDO ISSO ERRADO!

Claudio Tarandach:
Vivemos no Brasil, um país tropical. Você pode morar no interior do RS que, se usar isso, merece um tapa tão forte na cabeça que o seu aquecedor vai voar longe e, se Deus quiser, atropelado por um carro e feito em mil pedaços.

Pedro Mainardes:
Olá meninas! Tudo bem? Então, eu sei que é inverno, tá frio e tudo mais, mas eu moro numa das cidades mais frias do Brasil e acho que esse protetor de ouvido é um baita exagero! Sério mesmo! Então, usar por modismo não faz o menor sentido. Não acho sexy, não acho charmoso e não acho indispensável no Brasil. Mas, se você vai pra neve, ou algum lugar que congele suas lindas e delicadas orelhinhas, use pelo seu conforto. O da menina da direita é mais elegante. O da loirinha é mais fofinho!
Leia mais »

Posts relacionados:

Jungfrau (Suíça) – 5 dicas

25 comentários

Por Paula
09/Jun/2012 10:00
Paula

Além de grande amiga, a Paula fazia a seção Overdose aqui no JL, lembram?! Hoje em dia posta as lindezas dela no blog Não Provoque! Vão lá conhecer, tem outras dicas e relatos de viagem…

Oi meninas! Aqui é a Paula e eu vim falar um pouco sobre um lugar lindo que visitei nas minhas últimas férias. Espero que gostem! :)

A Suiça é um país maravilhoso! Eu tive pouco tempo no país e o meu destino era a região de Jungfrau, mais especificamente Jungfraujoch. O nome é assustador (a pronúncia então…) mas Jungfraujoch é um lugarzinho maravilhoso no coração dos Alpes Suiços. Lá em cima fica o Top Of Europe, a estação de trem mais alta da Europa. O Top Of Europe é um complexo cheio de atrações com neve, desde esportes até um museu todo feito de gelo.

O lugar é realmente maravilhoso, daqueles para não esquecer nunca na vida!

1. Transporte

Para chegar lááá em cima na estação de trem você sobe de … trem, né. :D
O trem parte da estação de Interlaken Ost e você faz duas trocas de trem em cidadezinhas lindas cheias de chalés e casinhas típicas. Não é complicado. Tudo é bem sinalizado e cheio de turistas/guias/funcionários para ajudar. Apesar do idioma por lá ser o alemão (?) as placas estão em inglês também.

O trem vai com as janelas abertas para todo mundo poder tirar mil fotos, e acredite: você não vai conseguir ficar sem tirar foto das paisagens maravilhosas que vai ver durante a subida. *-*

2. O que vestir

Acredito que quem já viu neve alguma vez na vida saiba mais ou menos como se vestir nessas condições. Eu nunca tinha visto neve, não imaginava como seria o frio e minha roupa não foi suficiente. Eu estava com uma meia calça grossa, calça jeans, meia, coturno, 2 blusas bem quentes de lã, um casaco por cima, cachecol, lenço e protetor de orelha. Mas no clima de -7 °C foi complicado, passei bastante frio.

Dica: o melhor mesmo é comprar roupas térmicas para usar por baixo das roupas e esquentar bastante os pés, coisa que eu não me toquei de fazer e fiquei com o pé roxo e dolorido de tanto frrrrio! Até minha câmera fotográfica deu uns “pobrema” por causa do frio! Ficou doidinha, kkkk

Dica: não esqueça de jeito nenhum o óculos de sol. A neve reflete a luz e fica praticamente impossível ficar de olho aberto sem óculos!

3. Atrações – Top Of Europe

Lá em cima além das áreas de ski e brincadeiras diversas na neve também tem áreas de observação, restaurantes, lojas, museu de gelo e também instalações científicas como estações meteorológicas e de pesquisa.

Não dei muita sorte. No dia o tempo estava completamente fechado e estava nevando muito. O que foi legal por um lado, afinal eu nunca tinha visto neve! Mas por outro foi bem triste porque várias atrações, como a área de Snow Fun estava fechada. #chatiada

Como o lugar deveria ser em um dia de céu aberto. – Foto: Divulgação

Como realmente estava o tempo. #realidades

A dica é ir o mais cedo possível, pois lá pelas 2 horas da tarde o tempo já começa a fechar completamente no topo da montanha. Quem conseguir pegar a parte da manhã tem mais chances de ver um dia com céu azul lá em cima.

4. Tickets/Alimentação/Compras

Assim como tudo na Suiça, os preços por lá são bem caros. Tanto para alimentação e compras quanto para chegar lá em cima. O passeio todo custa mais ou menos R$200 por pessoa, incluindo as passagens de trem com o “passaporte” pra subir. A moeda na Suiça é o Franco Suiço (CHF) e não adianta, eles não aceitam Euro de jeito nenhum.

Para comer, um simples chocolate quente pequeno + cookie de chocolate sem graça custou o equivalente a R$40. Ou seja, tem que ir preparado para gastar ou levar um lanchinho na bolsa. Nós levamos salgadinho e nem imaginei que ele ia ser tão útil. hehe

5. Hospedagem

Não ficamos hospedados na região e sim em Zurique, que eu achei um pouco longe. Por lá existem vários hotéis, tanto na cidade de Interlaken quanto alguns super fofinhos com cara de chalé nas partes mais baixas das montanhas. Deve ser mágico se hospedar por ali! Já imaginou a vista da janela do quarto?
Aqui você encontra todos os hotéis e seus valores.

E vocês, já conheciam a região de Jungfrau? Já visitaram? Ficaram com vontade de visitar? :)

Veja 5 dicas sobre Campos do Jordão
Veja 5 dicas sobre Buenos Aires
Veja 5 dicas sobre Amsterdã
Veja 5 dicas sobre Walt Disney World

Posts relacionados:

Como Usar: Casaco de Tweed

22 comentários

Por Gabi
10/May/2012 09:45
Gabi

O tweed é um tecido clássico, graças à Coco Chanel. O post de hoje foi feito especialmente para homenagear uma das peças mais icônicas da estilista mais famosa do mundo: o casaco de tweed. O tecido é originário da região escocesa do rio Tweed, que era o grande centro têxtil do século XIX. O tweed tem uma textura áspera, podendo ser feito todo de ou com uma mistura de outros tecidos, com padrões coloridos. Desde o final do século XIX, ele era utilizado para confeccionar casacos e ternos. Na década de 1960, ele foi substituído por tecidos mais leves, mas ressurgiu na década de 1990.

Como Usar: Casacos de Tweed

chanel e seu inseparável casaco de tweed

Por ser um clássico de Chanel, Karl Lagerfeld não deixa passar em nenhum desfile, mas sempre com um toque bem moderno. O tweed é revisitado sempre, mas com toques cada vez mais diferentes. Hoje, além de um look mais romântico, ele pode fazer parte de roupas até mais casuais. Para homenagear esse item icônico da marca, Lagerfeld criou o projeto “The Little Black Jacket”, para mostrar várias celebridades atuais utilizando o casaco de tweed. Só para vocês verem como ele não sai de moda! As fotos podem ser vistas no site e, só para matar a curiosidade, confira o vídeo que mostra a peça sendo feita.

Como Usar: Casacos de Tweed

Coleção chanel outono/inverno 2012

Ultimamente, os casacos de tweed acompanham looks bem modernos. Você não precisa colocar pérolas brancas e um vestido preto básico para combinar. Dá para usá-lo com calça jeans, de couro, metálicas ou leggings. Invista também em shorts com meia-calça, só para variar. Nos pés, pode investir em scarpins, ankle boots, sandálias abotinadas, sapatilhas e botas. Você também pode contrastar o tecido pesado do tweed com os mais leves. Então, use-o com transparências, saias plissadas, tule e assim por diante.

Abaixo, coloquei vários estilos de casaco para vocês se inspirarem! Blazers, casaquetos, jaquetas, sobretudos… É só escolher qual se encaixa melhor no seu frio!

Onde Comprar: você vai encontrar alguns modelos na Zara e MNG (Rio de Janeiro – Ipanema). Online, as opções são muitas! Procure no OQVestir, Net-a-Porter e E-Closet.

1. Blazer de Tweed

Como Usar: Casacos de Tweed

annika _ maria _ diya

Leia mais »

Posts relacionados:
Página 1 de 512345